Chrysalis – Capítulo 179

A Dor Interior

No momento em que minha mente estava tomada pela gloriosa vitória da nova raça de super formigas, percebi algo um tanto estranho.

Havia uma dor maçante vindo direto do meu núcleo.

‘O que diabos é isso? O que em Pangera faz seu núcleo doer? Eu tenho core-itis?  Gripe do núcleo? Inchaço sazonal do núcleo?’

Estava extraordinariamente perturbado por essa dor inexplicável. Uma vez formado, o núcleo era anexado à força vital de um monstro. Se alguma coisa acontecesse com ele, não tinha certeza de quanto tempo eu duraria.

Concentrando-me intensamente nesse sentimento, tentei analisá-lo. Quando senti cuidadosamente a área ao redor do meu núcleo, a questão ficou mais clara, pois havia mais coisas acontecendo do que aparentava.

Quase como um pulmão que estava vazando lentamente, conforme o tempo passava, meu núcleo estava lentamente soltando energia para o ar. Quase como se quando meu corpo tentasse atrair mana não houvesse nada lá e então eu ‘expirasse’ mana.

Estava perdendo mana.

Com o passar do tempo, a perda se tornava mais perceptível até que fiquei preso a essa dor que eu sentia.

‘É literalmente meu núcleo com falta de ar! Eu preciso de mana!’

Embora a dor fosse completamente debilitante agora, ela só iria piorar quanto mais energia eu perdesse.

De repente, percebi que deve ter sido isso que infligiu a Rainha. Enfraquecida e com dor pela falta de mana, ela estava sangrando sua vida no ar até que finalmente percebi que algo estava errado. Não pude deixar de ficar um pouco emocionado.

‘Droga, Mãe! Quão abnegada você pode ser!? Só porque eu disse que a colônia estaria segura na superfície, você estava disposta a sangrar mana de seu núcleo até morrer?! Por que a melhor Mãe que já tive é uma formiga gigante?!’

Bem, naquele momento eu me sentia um lixo. Não apenas porque meu núcleo estava cada vez mais dolorido, mas pela culpa de causar tanto sofrimento a uma mãe querida sem saber.

‘Compensarei você, Rainha! Você será a mãe da colônia de formigas mais bem-sucedida da história de todo o mundo. Onde quer que estejamos!’

Não tinha certeza se este era o mesmo universo em que nasci, pensando bem.

‘Perguntarei a Gandalf se eu o vir novamente.’

‘Bem, agora que sei sobre esse inconveniente, o que farei sobre isso? O fato de o problema ter demorado alguns dias para se tornar tão grave significa que eu não estou completamente incapaz de operar na superfície, apenas terei que fazer viagens frequentes ao subsolo.’

‘Na verdade, era esta a razão pela qual Tiny se mudou para o subsolo? É possível que seu núcleo também tenha avançado a ponto de não conseguir se sustentar no nível superficial de mana.’

Suspirando para mim mesmo, peguei meu saco de núcleos não trabalhados em minhas mandíbulas e desci até onde Tiny estava sentado, mastigando algumas plantas de baixo nível que saltaram das paredes e caíram em suas mãos à espera.

Assim que desci além do nível da superfície e entrei na Masmorra propriamente dita, pude sentir uma sensação de alívio. À medida que a luz emitida pelas veias de mana me cercava e meus pés começavam a beber energia em um fluxo constante, a dor em meu núcleo começou a diminuir. Podia sentir que estava ficando um pouco mais enérgico e alerta quando parei de perder minha vida no ar.

‘É bom!’

Este incidente me lembrou algo que Gandalf havia dito. Quando ele me disse que eu poderia me juntar a ele um dia, ele sugeriu que eu poderia não ter uma escolha a não ser descer mais.

‘Era isso que ele quis dizer? Toda vez que eu condensar meu núcleo e evoluir, terei um requisito maior de mana, forçando-me a viver cada vez mais fundo na Masmorra? Acho que isso explica por que os monstros mais poderosos vivem mais perto do centro…’

Não tinha certeza de como me sentia sobre isso. Obviamente evoluir é a melhor coisa do universo e eu deveria continuar fazendo isso, mas não estaria basicamente me aprisionando?

‘É complicado! Penso nisso depois.’

‘Esta é a minha política e vou cumpri-la!’

Tiny parecia bastante relaxado, com seu cabelo prateado assumindo um tom azul distinto na luz refletida da Masmorra. Passei a bolsa de núcleos para ele e então levei algum tempo para cavar uma câmara para usarmos, empurrando a terra solta mais para baixo no túnel.

Uma vez que havia feito isso, pedi a Tiny que ficasse de olho em mim e descansei um pouco antes de retomar minha modelagem de núcleo. Não queria me apressar e começar a trabalhar no núcleo da Rainha imediatamente com a Cirurgia do Núcleo no nível 1.

‘Se eu conseguir avançar mais alguns níveis, ficarei mais confiante em conseguir atingir meu objetivo.’

‘De volta à modelagem!’

Levou mais alguns cochilos e cem núcleos antes de eu finalmente atingir o nível 3 da Cirurgia do Núcleo. A essa altura, meu cérebro principal parecia uma poça de lama e meus outros cérebros não estavam muito melhores. Apesar do meu poder mental aprimorado, modelar tantos núcleos em tão pouco tempo me empurrou contra a parede. Esse tipo de velocidade teria sido completamente impossível antes da minha evolução, então havia o que comemorar.

‘Devo dizer, porém, que treinar essa linha de habilidades era um pé no saco!’

‘Quem tem cem núcleos por aí, Gandalf?!’

Ao todo, quase passei por duzentos núcleos nos últimos dias, aperfeiçoando minha habilidade em fazer alterações sutis em monstros e modelando aquele precioso XP para chegar a este ponto.

‘Quanto tempo levaria para acumular todos esses núcleos se eu não tivesse conseguido roubar o cofre de Lirian?’

Não querendo desperdiçar a oportunidade, joguei núcleos em Tiny até que ele estivesse cheio. Ele estava no mesmo nível de evolução que eu, sendo necessários cinquenta núcleos para ele chegar ao topo, então fiz o mesmo por mim.

[Seu núcleo atingiu a capacidade máxima para o seu nível de evolução.]

Logo após evoluir meu núcleo já estava no limite.

‘Isso é tão bom! Tudo o que precisamos agora eram dos núcleos especiais, mas de jeito nenhum vou aguentar essa dor por muito tempo novamente. Posso prepará-los quando estivermos prontos para evoluir.’

‘Embora… Se você desse um tempo, você se acostumaria o suficiente para poder absorver um segundo…’

Como se estivesse lendo meus pensamentos, Tiny levantou a cabeça e me encarou com seus olhos vermelhos escuros.

‘Deixa quieto!’

Não achava que conseguiria aumentar a habilidade a curto prazo, então tirei uma boa soneca, fazendo com que Tiny me defendesse dos monstros que apareciam e garantindo que ele guardasse a Biomassa para Crinis.

Quando acordei, estava completamente revigorado.

‘Hora de ir até a Rainha e experimentar!’

Fechando o túnel, abri caminho pela multidão de trabalhadores e fiquei cara a cara com mamãe mais uma vez. A formiga gigante estava bastante plácida no momento, talvez gostando desse interlúdio de relativa quietude.

“Olá, mãe, como vão as coisas?” Eu perguntei.

Ela estendeu a mão para tocar na minha cabeça.

“Estou bem, pequenino. A colônia tem estado segura aqui, você tem trabalhado bem”.

‘Awwww que merda! Não estou acostumado com esse tipo de elogio. Se eu pudesse corar, eu o faria!’

“Obrigado, mãe” eu sorri, “estou feliz por poder ajudar!”

“Claro, meu filho. Devemos sempre buscar o melhor para nossa família.” Ela disse calorosamente.

“Exatamente! É por isso que estou aqui!” Eu disse com entusiasmo, “Ganhei uma habilidade que me permitirá tornar todas as formigas da colônia mais fortes!”

As antenas da Rainha se agitaram um pouco surpresas. “Sério, criança? Isso é maravilhoso”, disse ela.

Agora, seria a parte complicada. Hesitei um pouco neste ponto. 

“O problema é que só vai funcionar nas formigas que ainda não nasceram, não posso fazer nada sobre os familiares que já estão vivos”.

A Rainha parecia confusa. “O que você está planejando fazer?” Ela perguntou.

‘Eu realmente não tenho ideia de como a Rainha monstruosa vai reagir à ideia de eu modificar seu núcleo. Ela é bastante inteligente para um monstro, mas sua própria lógica e a minha são bem diferentes, assim como nossas experiências. Essa Rainha ainda não tem nem um ano, afinal, ela não se compara aos meus quase dezesseis anos de vida.’

“Isso é o que eu posso fazer…” Decidi explicar tudo com cuidado, “posso executar a habilidade em seu núcleo, enquanto você descansa aqui. Então posso tornar os jovens que nascerão no futuro mais poderosos, mais inteligentes. Espero que, ao fazer isso, mais deles possam sobreviver e crescer até que possam evoluir, tornando a colônia mais forte”

A Rainha balançou suas antenas por um tempo enquanto digeria esta notícia.

“Então você acha que conseguirá manter mais crianças vivas?” ela perguntou.

“Sim! Suas espécies não mudarão e eles ainda serão nossa família, mas estarão mais bem equipados para sobreviver e viver uma vida longa. O que você acha?”

‘Este é um momento mágico. Eu trabalhei tanto para tentar tornar este projeto uma realidade… mas se a rainha disser não, não irei questioná-la. O projeto vai morrer aqui mesmo. Talvez seja bobo considerar os sentimentos de um monstro, mas essa formiga gigante não é um monstro comum para mim, essa era a melhor mãe e membro da família que já tive.’

Minha principal motivação para este projeto não era nem mesmo dominar o mundo das formigas, eu só não queria mais ver meus irmãos desperdiçando suas vidas. Queria que fossem inteligentes o suficiente para recuar quando necessário e conseguissem cuidar de si.

Olhei a Rainha diretamente nos olhos e aguardei seu julgamento. Tentei ser o mais honesto possível e explicar as coisas de uma forma que ela pudesse entender. Meu coração estava batendo forte no meu peito enquanto ela olhava calmamente para mim.

Eventualmente ela falou.

“Claro, criança. É responsabilidade de cada membro de nossa família fortalecer o todo. Se você conseguir isso, todos se beneficiarão. Isso é o que significa fazer parte da colônia. Você pode começar quando estiver pronto”.

Claro, eu nunca deveria ter duvidado da capacidade da rainha de se arriscar pelos filhos.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar