SSS-Class Suicide Hunter – Capítulo 122

Capítulo 122

Minha habilidade favorita. A habilidade exata da Reencarnação dos Cem Fantasmas é esta:

+

“Reencarnação dos Cem Fantasmas.”

Classificação: SSS

Efeitos: você pode invocar aqueles a quem você mesmo matou. Os mortos não podem usar suas habilidades de quando estavam vivos. No entanto, os mortos podem manter suas memórias e aparências de suas vidas se você desejar. Caso contrário, eles serão apenas convocados como monstros.

※No entanto, você só pode convocá-los uma vez por semana.

+

Havia um segmento importante aqui.

A parte que dizia [Os mortos podem manter suas memórias e aparências de suas vidas se eu assim desejar].

Em outras palavras, se eu não quisesse, os mortos seriam convocados como monstros sem suas memórias e aparências anteriores.

Como agora.

-Guoooh!

Minhas sombras se espalharam. Ossos brancos brotaram das sombras dispostas como pisos de linóleo. Cinco mil esqueletos. Já fazia um tempo, mas não fiquei feliz em vê-los. Eles não eram prova de minhas mortes?

‘Mas preciso desses caras agora.’

Os apóstolos de [O Evangelista da Felicidade Eterna] estavam por toda a parte, cantando uma canção.

—La. Lula, lu.

Lala.

A melodia que cantavam era uma música que enterrava os ouvintes em suas memórias felizes. Era um ataque difícil até mesmo para guerreiros com treinamento mental para resistir. Os membros da Seita Demoníaca também caíram rapidamente no salão do casamento.

Porém.

-Guooooh!

Os esqueletos uivaram, não afetados como de costume.

O ataque era composto de apenas cinco mil esqueletos. Eles corriam ferozmente contra milhões de inimigos. Não era porque os esqueletos eram particularmente corajosos ou resistentes a ataques mentais.

—Aha Entendi.

Bae Hu-ryeong falou do meu lado.

—O ataque mental não funciona porque eles não têm ‘memórias’.

Isso mesmo.

As canções dos apóstolos de O Evangelista da Felicidade Eterna eram certamente poderosas. No entanto, esse poder afetava apenas pessoas com memórias. Para os seres convocados sem nenhuma memória, as canções não eram diferentes das canções comuns.

—La.

-Kigigik! Kiek!

E canções comuns não causavam danos.

Os esqueletos massacraram os apóstolos. Com adagas, dentes e mãos esqueléticas, eles foram esfaqueados, mordidos e arranhados. Cada vez, os apóstolos eram varridos. Em termos de força física, os apóstolos eram totalmente incomparáveis.

—Euk.

A Constelação que assistia à batalha de cima mordeu os lábios. As canções rugiam de todos os lados, mas cada palavra que a Constelação falava perfurava meus ouvidos. O som provavelmente era transmitido diretamente para minha cabeça.

-Esta rebelião inútil…! Vocês serão dominados por números de qualquer maneira!

Eu admiti isso facilmente.

“Você está certo. Isso certamente vai acontecer.”

Mesmo que os apóstolos não tivessem nenhum poder de ataque físico, os números eram o que eram. Havia uma força terrível em quantidade absoluta. Era por isso que [O Evangelista da Felicidade Eterna] nos emboscou com tanta confiança.

“Mas você já nos ensinou como lutar com você.”

-O quê?

Ela deve ter lido meus lábios desde que a Constelação reagiu.

“Os números são uma questão secundária. Todo exército tem sua fraqueza. No momento em que aprendi que você não conhece a dor e só espalha felicidade—”

Os esqueletos estavam sendo dominados pela multidão. No entanto, eles ainda não haviam sido derrotados. Eles durariam pouco tempo, um ou dois minutos no mínimo. E esse curto espaço de tempo era exatamente o momento de que precisávamos.

“—O caminho para destruí-lo foi revelado.”

Eu segurei a Espada Sagrada com força.

“Mestre do Dragão Negro!”

“Fale alto! Não consigo te ouvir bem por causa da música!”

“Muito bem. Por favor, invoque os espelhos.”

Amplifiquei o volume da minha voz com aura. A Mestre do Dragão Negro se aproximou de mim. Ela ouviu meu pedido e já havia colocado seis espelhos ao nosso redor.

“Terminei. Mas o que você quer que eu faça com os espelhos?”

“Você se lembra quando você e eu lutamos contra [O Rei Demônio da Chuva de Outono]? Quando o Rei Demônio disparou os raios, você enfraqueceu a força deles refletindo-os nos espelhos várias vezes. Ao mesmo tempo, você fortalecia nossos ataques. Vamos lutar da mesma maneira.”

A Mestre do Dragão Negro entendeu meu objetivo.

“Você quer atirar sua aura como um raio? Tudo bem, mas você tem confiança de que pode gerar muito que nem [O Rei Demônio da Chuva de Outono]? Se não for forte o suficiente, não importa se o ataque é refletido no meu espelho.”

“Não se preocupe com a força. Por favor, espalhe os ataques o mais amplamente possível.”

“Eu não sei o que você está pensando, mas… Certo. Vamos tentar.”

Os espelhos dispararam no ar. Norte, Sul, Leste, Oeste. Quando a luz brilhava em um espelho, era imediatamente refletida nos outros espelhos, cobrindo o campo.

‘Isso será o suficiente.’

Balancei a cabeça. Então, eu derramei minha aura no punho da espada. Whoosh! Aura, vermelha como sangue, brilhava enquanto subia pela lâmina.

‘Embora eu não possa seguir em frente com força total como Petra ou dividir o mundo com iluminação como a Mestre.’

Se esses apóstolos eram meus inimigos.

Se esses caras eram meus aliados.

Eu poderia usar uma habilidade incomparável.

『Se eu brandir minha espada apenas por fome, o que acontecerá?』

Porque essas foram as artes marciais que herdei dela.

『Você será capaz de cortar um homem que nunca morreu de fome de uma só vez.』

『Portanto, você pode lutar contra metade dos membros da Seita Justos com uma manobra.』

Os apóstolos que ‘conhecem apenas a felicidade’ nunca poderiam rivalizar comigo.

Eu balancei minha espada no espelho levantado pela Mestre do Dragão Negro.

Arte Demoníaca dos Céus Infernais.

Primeira forma.

Espada da Fome.

As forças inimigas se romperam.

A fome dos céus infernais se espalhou pela aura vermelha. A arte demoníaca ricocheteou nos espelhos. Uma, duas, três, quatro vezes, cinco vezes, seis. A cada salto, a aura vermelha dividia o campo ao meio.

Chwaaaak!

Meu ataque era muito fraco em comparação com o do Rei Demônio. Comparado com o da Mestre, era incrivelmente cômico. No entanto, mesmo assim, os apóstolos da felicidade pereceram mesmo que a aura vermelha mal passasse por eles.

—O quê…?!

Vacilo. A Constelação olhou para o campo de batalha com espanto.

Claro que ela ficou pasma. Milhares, talvez dezenas de milhares de apóstolos literalmente evaporaram com um único golpe. A planície estava infestada de apóstolos poucos momentos atrás, mas os lugares onde a aura vermelha arranhava estavam estéreis.

“Mestre do Dragão Negro! Prepare-se para a próxima onda!”

Claro, eu não tinha intenção de ficar satisfeito com um ataque.

“Por favor, continue girando os espelhos!”

“O que está acontecendo… Entendi. Os peões dessa Constelação e suas artes marciais são opostos completos!”

Apesar de sua surpresa, a Mestre do Dragão Negro habilmente ajustou as posições dos espelhos. Ela percebeu que meu ataque destruiria os inimigos com apenas um toque, independentemente do meu poder.

Portanto, era importante espalhar o ataque o máximo possível.

“Não se importe comigo e continue atacando! Rei da Morte! Vou cuidar dos espelhos!”

Os espelhos brilhavam no ar. A Mestre do Dragão Negro era alguém que agia imediatamente após determinar o que era importante.

Chwaaaak!

Eu acreditei nas palavras da Mestre do Dragão Negro e ataquei novamente. Eu estava apenas usando uma arte familiar para mim, mas dezenas de milhares de tropas inimigas eram exterminadas. Ranks 2 e 3. A Mestre do Dragão Negro e meu ataque combinado devastavam unilateralmente as forças da Constelação.

“Ahaha! Maravilhoso! É realmente incrível!”

O Questionador Herege estava executando uma técnica sagrada para nos proteger dos ataques mentais do inimigo.

“T-termine assim que puder! Dois dos meus fundos de emergência já se esgotaram!”

A Condessa despejava seus recursos astronômicos para apoiar o Questionador Herege.

“Víbora! Os inimigos têm uma lacuna ali! Lide com isso!”

A Cruzada supervisionava todo o campo de batalha e dava ordens em tempo real.

“Está bem! Droga, a Seita Demoníaca está roubando toda a glória!”

Os inimigos que não podiam ser parados pelos esqueletos foram cuidados pela Víbora.

‘A gente consegue.’

Apenas seis pessoas.

‘Se trabalharmos juntos, somos invencíveis!’

No entanto, nós seis derrotamos os militares de um mundo inteiro.

‘Olhe.’

Os habitantes da Torre estariam reunidos na praça agora, observando nossa força militar. Os presentes iriam transmitir ou gravar essa cena para mostrar ao mundo exterior.

A visão de apenas seis pessoas derrotando um milhão de apóstolos.

‘Olhe!’

Enloqueçam.

Testemunhem que nada é impossível na Torre.

Observem com atenção: o mundo não nos pressiona; nós o pressionamos.

E tenham esperança.

— Você-

O rosto da Constelação enrugou-se.

—Vocês malvados forasteiros! Que direito vocês têm de invadir a utopia que criei?! Não há infortúnio neste mundo! Não existem memórias infelizes!

A Constelação balançou a mão. Uma cena como um holograma flutuou no céu, refletindo as imagens dos apóstolos que viviam neste mundo.

Lala.

—Lu.

Os apóstolos não moravam em casas. Eles não tinham que construir uma cidade. Para eles, não existia fome. Eles não precisavam desenterrar recursos do solo para continuar vivendo. Os apóstolos cantavam alegremente a qualquer hora, em qualquer lugar, na forma de crianças.

-Kyaaaah!

Porém.

No coração deste mundo estava uma criança inocente, apunhalada por uma espada.

-Aaaagh! Euh, aah! -Aaaaack!

Como o grito da criança inocente se tornava poder, eu não sabia. A espada no peito da criança provavelmente estava forjando as regras deste mundo.

—O mundo que construí é muito mais estável do que seu lixo inútil!

A Constelação gritava acima dos gritos da criança.

—Não se atrevam a me mostrar sua hipocrisia, invasores! Eu segui Lefanta Aegim para incontáveis mundos. Os gritos nunca paravam em nenhum deles. Centenas de milhares! Milhões! Dezenas de milhões! Centenas de milhões!

A espada chamada ‘Sacrifício’ lamentava.

—Enquanto isso, apenas um no meu mundo. Apenas um! Com um bode expiatório, meus apóstolos vivem uma vida sem conhecer a dor. Eu cometi um pecado, mas vocês viram de costas para centenas de milhões de pecados. Que justificativa vocês, lixos, tem para destruir meu mundo?!!

Eu entendia.

A Constelação deve ter armado isso depois de pensamentos repetidos e agonizantes. E ela deve ter feito isso com boas intenções.

Se o caminho para o inferno é pavimentado com boas intenções, este era o inferno que [O Evangelista da Felicidade Eterna] escolheu.

‘Este mundo é apenas um exemplo extremo.’

Os desafios que eu, que nós enfrentaríamos na gestão da Torre não seriam diferentes. Quando a comida é escassa. Quando os recursos acabam. Como responsáveis pela Torre, teremos que sacrificar alguém.

—Ha!

A Constelação riu do meu silêncio.

—Você ainda tem consciência o suficiente para não dizer suas baboseiras. Se você não pode responder, saia! Eu nunca vou reconhecê-lo como um novo mestre!

“Não. Eu tenho uma resposta.”

Dei um passo à frente.

—Uma resposta? Ha. Que tipo de resposta alguém como você pode dar?

Seria fácil recitar o argumento de que o sacrifício ainda é errado.

No entanto, um argumento não era feito para ser dito. Deve ser vivido com o corpo. Somente quando alguém pode assumir a responsabilidade pelo que diz, quando pode por em prática o argumento, ele é válido.

Eu não esqueci esse ponto.

“Eu matarei vocês todos.”

-O quê?

“Vou matar todos vocês e transformá-los em fantasmas.”

-……

A Constelação parecia não me entender.

—Do que você está falando?

“Todos os que morrem pela minha espada são coletados como fantasmas. Se eu quiser, posso convocá-los com todas as lembranças que tiveram na vida. Eu estarei matando todos vocês e, em seguida, convocando vocês para viver neste mundo novamente.”

Eu levantei a Espada Sagrada.

“Você quer viver feliz para sempre. Eu deixarei que vivam. Uma vida em que você não sofre, não se lembra do sofrimento, e apenas canta como você faz agora. Eu vou tornar isso real.”

-……

“Os fantasmas nem precisam comer para viver. Eu vou te dar o mundo que você quer.”

Isso era simples.

Eu mataria milhões de apóstolos.

Depois de matá-los, eu poderia convocá-los de volta a este mundo.

Eu traria de volta suas memórias de quando eles estavam vivos.

Nada mudaria.

“Não estou falando só com você.”

Os habitantes da Torre que estavam assistindo nosso grupo neste momento.

Para as inúmeras pessoas que assistiam, eu fiz uma proclamação.

“Existem pessoas más que não podem ser reformadas. Existem pecadores que não conseguem mudar de ideia. Existem algumas almas que querem viver de novo, mas não podem. De agora em diante, irei executá-los com minhas próprias mãos.”

—Executar…?

“Vou matá-los e trazê-los de volta com minha habilidade. Eles serão banidos para a minha sombra e eu os carregarei para sempre.”

De repente.

A música que ecoava no horizonte parou.

A música abalava o céu e a terra, então, quando parou, o mundo ficou assustadoramente silencioso.

A Constelação olhou para mim com olhos incrédulos.

—Mentiras… Todos os ímpios e todas as almas. Um mero mortal não pode…

“Evangelista. A utopia que você se gabou de criar aqui? Eu posso fazer o mesmo. Mas no meu mundo, eu nem preciso de um único grito de criança inocente.”

-……

Antes de entrar neste Apocalipse, a Mestre do Dragão Negro me perguntou.

Estou pronto para me tornar um rei?

“É simples.”

Isso mesmo.

Se todos os mundos fossem um inferno, eu só precisava me tornar um inferno um pouco maior.

“Meu inferno é mais certo do que o seu.”

Esta era a estrada real que escolhi. [1]


[1]: “Estrada real” é“왕도” ou “wang-do”. Pense nisso como o princípio que Gongja seguirá como governante, tipo o “nindo” ou “Caminho do Ninja” de Naruto.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar