Switch Mode
Servidor de Hospedagem do Site está passando por manutenção, pode ficar instável por algumas horas!!
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Chrysalis – Capítulo 1304

Anthony em Turnê! - Parte 45: Dentro da Rocha!

“Você quer que eu entre na montanha?” Isaac perguntou, surpreso.

Ele se virou e olhou para o mar aberto em direção à frota da Legião. Não parecia que eles estavam se movendo, talvez eles não tivessem planos de desembarcar nesta parada?

Ele se voltou para o Eran.

“Estou bem”, disse ele, com um amplo sorriso e coçando o bigode. “Eu gosto daqui, na água.”

‘Mas e se a Legião decidir atracar mais tarde? Poderia acontecer.’

“Entre em contato comigo novamente mais tarde”, ele sugeriu, com seus olhos voltando para a outra frota. “A situação pode mudar.”

Eran Thouris, líder da missão comercial e negociador-chefe do Conglomerado da Ilha Brathian, olhou-o fixamente. Esse era o tipo de olhar com o qual Isaac se acostumou ao longo dos anos. Quando você dizia “não” a uma pessoa que não estava em condições de recusar, ela tendia a lhe lançar esse tipo de olhar.

“Anthony pediu por você”, disse ela com firmeza. “Você e seus companheiros de cavalaria devem acompanhar uma pequena equipe de escultores dentro da montanha. Você deve organizá-los e liderá-los. Comece agora. Desembarcaremos em dez minutos.”

‘Plops.’

Finalmente, ele estava novamente perto de Morrelia, e ela permaneceu tentadoramente fora de alcance, bem no horizonte, assombrando suas horas de vigília com as de sono. Às vezes ele jurava que a via, orgulhosa no convés do navio líder da Legião, como uma antiga rainha conquistadora.

Irritado, ele foi até Anthony, ainda esparramado no meio do convés, balançando preguiçosamente as antenas e geralmente sendo enorme. Isaac ainda não tinha certeza de como poderia falar usando a linguagem de feromônios das formigas, ele certamente esperava que sua mudança de classe não o tivesse abençoado com um novo órgão, mas funcionou, de alguma forma.

Conversar com Cavalant garantiu que ele também fosse proficiente. Aquela formiga era uma crítica e tanto.

“Você realmente me ordenou que desembarcasse?” Ele exigiu do monstro gigante.

Anthony não se virou porque não podia.

“Sim, é a melhor maneira de manter nosso povo seguro.”

Isaque caiu. Se Anthony tivesse decretado isso, então iria acontecer. As formigas geralmente faziam tudo o que ele mandava, embora Isaac não tivesse ideia do porquê.

“Por que você está no comando, afinal? Eu realmente não entendo como isso funciona.”

“Eu sou o mais velho.”

“E daí?”

Ele quase podia sentir o suspiro mental saindo da formiga gigante.

“Você não é uma formiga, então não se preocupe com isso, Isaac. Reúna seu pessoal para desembarcar, ajude a manter meus irmãos seguros, além disso, a única razão pela qual você quer ficar aqui é porque acha que a Legião não irá desembarcar. Elas vão. Em pequenos números, mas o farão.”

“Por que números pequenos?”

“Porque estou aqui. A única razão pela qual eles vieram até aqui foi para me matar, lembra? A Legião não navegou uma frota por todo o quarto em busca de chá e biscoitos.”

Isaac coçou o bigode e ponderou por um momento.

“Você acha que…?”

“Não sei se Morrelia vai desembarcar ou não! Santo Deus, Isaac. Eu juro que seu cérebro está uma bagunça. Controle-se, cara.”

O demônio flutuando no alto se debateu e cuspiu, sem dúvida dizendo algo a Anthony por meio de comunicação mental.

“Vocês dois são estranhos,” Anthony bufou. “Tente se concentrar, Isaac. Quero que minha família volte em segurança, isso inclui você. Agora vá em frente.”

Deixado sem escolha, Isaac resmungou antes de se virar e seguir para baixo do convés para encontrar o resto de seu esquadrão. Cavalant foi o primeiro a detectar que algo estava diferente.

“Novas ordens?” Ela perguntou, limpando rapidamente suas antenas. “Não sei por que eles se preocuparam em contar a você, o Ancião deveria apenas me contar essas coisas.”

“Estamos indo para a montanha,” Isaac suspirou. “Acho que não haverá nada além de uma estrada cheia de obstáculos pela frente.”

“Pessimista”, seu parceiro descartou suas preocupações muito rapidamente. “O Ancião está aqui, as coisas vão ficar bem.”

Todas as formigas falavam de Anthony dessa maneira, mas Isaac às vezes lutava para compartilhar sua confiança, afinal, quando suas mentes se conectaram, o monstro gigante que se elevava sobre ele parecia tão… jovem!

Fazia sentido, todas as formigas eram jovens… mas ainda assim….

“Certo,” Isaac anunciou em voz alta para os outros cavaleiros. “Recebemos uma missão diretamente do próprio grandalhão. Os golgari não estão deixando muitas formigas entrarem, então vamos entrar, juntem suas coisas. Temos cinco minutos.”

Sem mais nem menos, Isaac se viu como parte da delegação oficial saindo do navio de desembarque menor, atravessando as tábuas de madeira que se estendiam da costa e entrando em um túnel de pedra moldado na encosta da montanha. Lá dentro, a delegação encontrou um grupo de boas-vindas dos golgari aguardando sua chegada.

Eram apenas seis, o que foi uma surpresa, cada um revestido de minerais brilhantes que formavam sua segunda pele. E, claro, eles eram enormes, cada um elevando-se sobre Isaac, com quase dois metros e meio de altura, se tivessem uma polegada.

“Somos representantes do círculo comercial”, a figura central curvou-se na cintura em boas-vindas. “Meu nome é Gemmas. Dou as nossas mais calorosas boas-vindas ao representante do Conglomerado da Ilha Brathian.”

Nem uma palavra de saudação às formigas da Colônia. Isaac sentiu-se compelido a compartilhar uma mensagem usando seus feromônios mágicos.

“Cavalant? Isso vai ser um fracasso, bem aqui.”

“Cale-se.”

“Estou lhe dizendo, isso vai dar errado.”

“Com base em que evidências? Agora fique quieto e mantenha os olhos abertos.”

Eran estava respondendo, seu tom bem mais brusco do que normalmente se esperaria de um negociador tão experiente.

“Agradeço a recepção, já sentimos o peso disso. Como você vê, trouxemos conosco apenas cem membros da Colônia para Greystone, creio que isso amenize quaisquer medos ou terrores que seu povo possa ter sentido?”

Se algum desses insultos atingiu Gemmas, não transpareceu em seu rosto coberto de rochas.

“Por favor, por aqui,” ele gesticulou para que eles a seguissem ainda mais para dentro do túnel escuro. “Há membros do círculo dos Modeladores, do círculo dos Guerreiros e do círculo Nobre esperando para cumprimentá-la nas profundezas da montanha.”

A mão de Isaac apertou a haste de sua lança.

Ele realmente não estava gostando disso.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar