End of the Magic Era – Capítulo 246

Fim da Linha

Se Oliver era louco, então não havia mais ninguém são em Noscent.

Lin Yun acreditava que Oliver era o maior pesquisador das runas Ascian, em toda a história de Noscent. Ele não conseguia imaginar como ele conduziu sua pesquisa durante aquele século de prisão. Como ele conseguiu alcançar tais conquistas incríveis?

Afinal, a partir desses caracteres sangrentos, pode-se ver que Oliver poderia usar as runas de Ascian sem esforço, como se ele fosse um deus antigo.

Contudo, Oliver definitivamente não era um deus antigo.

Caso contrário, os três magos da corte, mesmo sendo magos celestiais, não teriam conseguido impedi-lo de matar o imperador, muito menos aprisioná-lo em uma torre por cem anos.

Naquele momento, Lin Yun estava convencido.

Oliver estava completamente lúcido quando escreveu as runas de Ascian com seu sangue.

Então, o problema permaneceu…

Lin Yun conseguia entender alguns caracteres com dificuldade, mas não conseguia entender aquelas palavras. “Qual destruição, ele estava se referindo? O que ele queria dizer com ‘sem caminho’? Quais foram as circunstâncias que o fizeram usar seu próprio sangue para escrever essas mensagens? Pensando bem, sem caminho…”

Lin Yun refletiu sobre a frase e sentiu-se atordoado…

Aquele fantoche de nível celestial que ele havia encontrado no armazém mais cedo parecia ter dito algo semelhante.

“Não há caminho a seguir”

“Sim, foi essa frase.”

“Não há caminho a seguir!”

“Ele também havia dito outra coisa”

“Ainda há alguém vivo?”

Essas frases, juntas, pareciam ser confusas, mas o inesperado foi que uma delas apareceu nesse caminho dimensional e quem a deixou foram os olhos celestiais, Oliver.

Lin Yun não pôde deixar de pensar nisso.

Enquanto refletia, ele pegou um pedaço de papel em branco e copiou as runas de Ascian nele. Embora ele não pudesse traduzi-las no momento, ele poderia pesquisá-las após retornar. Se um mês não bastasse, ele gastaria dois, caso dois não bastassem, ele passaria um ano nisso. Mesmo que acabasse levando dez anos, Lin Yun estava determinado a traduzir esses caracteres.

Lin Yun sentia que reparar a marionete celestial ou traduzir as runas de Ascian o ajudariam a alcançar esse segredo que abalou o mundo.

Ele ainda não conseguia imaginar o quão incrível era esse segredo, mas estava convencido de que seria enorme.

Ele levou um tempo copiando os caracteres.

Após tudo isso, Lin Yun contornou o cadáver de Oliver com cautela e levou o grupo adiante. Ele sempre sentiu uma reverência indescritível por aquele astrólogo da 3ª Dinastia, mesmo que Oliver tivesse morrido há séculos.

Era um pouco estranho.

Após Oliver, não havia mais cadáveres no caminho dimensional. Enquanto liderava o grupo, Lin Yun nada viu de estranho, a ponto dele se perguntar se tudo o que vira antes era apenas uma ilusão.

A única diferença era a intensidade da luz à frente, sendo mais brilhante. A estrutura espacial do caminho dimensional começou a se tornar instável. Houve algumas vezes em que Lin Yun até sentiu uma força formidável prestes a se libertar de suas amarras. Lin Yun sabia que esse era o poder assustador que o caminho dimensional não podia mais suprimir. Se essa força fosse libertada, seu grupo, os cadáveres e até mesmo o próprio caminho dimensional, tudo isso iria retornar ao pó.

Esta era a parte mais perigosa de um caminho dimensional.

Ao mesmo tempo, era o local mais próximo de seu destino.

Furacões, tempestades, trovões e relâmpagos. Uma miríade de cenários surgia e Lin Yun sabia que eram visões da enorme força sendo suprimida pelo caminho dimensional.

“Tenham cuidado!” Após dar o aviso, Lin Yun despertou sua mana para resistir a essas visões assustadoramente poderosas.

O tempo passou, o grupo estava se movendo como um caracol, cada passo era uma batalha travada contra o ataque incessante dos elementos. Eles não sabiam quanto tempo passou sob essa tortura dolorosa antes da luz sem fim surgir.

Sentindo-se deslumbrado, Lin Yun parecia ter ouvido uma explosão, mas também parecia que ele não tinha ouvido nada.

Então tudo clareou.

“Finalmente…” Lin Yun ficou ali em transe. Em seus pés havia estrelas bruxuleantes e um vazio sem fim, enquanto acima de sua cabeça havia um redemoinho girando lentamente. Lin Yun lembrou-se do túmulo do príncipe Barov. Quando ele tocou os olhos da reencarnação e observou o céu e a terra se formaram, ele viu aquele redemoinho. Fora o começo e o fim de tudo, o alfa e o gama.

À frente havia um vazio vasto e sem limites que se estendia até onde os olhos podiam alcançar. Uma quantidade infinita de mana veio do vazio, mesmo tendo sido suprimida pelo caminho dimensional, fez Lin Yun sentir uma pressão irresistível.

Esta era a lendário dimensão da revelação divina, também conhecido como a dimensão mítica.

Entretanto, diferente das lendas, a dimensão não possuía uma aura dourada abundante e fluída, eles nem poderiam sentir a vitalidade do local. Ao seu redor, só havia desolação e decadência. Isso fez Lin Yun lembrar-se da pseudo-dimensão a qual não possuía os quatro elementos.

“É a mesma sensação”

A dimensão inteira impunha um silêncio mortal, o ar não fluía mais, a vida não existia mais e até o tempo parecia estar congelado. Apenas o vazio infinito podia ser visto. A dimensão mítica estava vazia e silenciosa, estava morta.

“Isso não pode ser verdade” Lin Yun ficou ali, atordoado, olhando para o vazio com uma expressão perplexa em seu rosto. “Como a dimensão mítica pode ser assim? Como poder não haver nada aqui, apenas uma quantidade gigantesca de mana?”

“Não, até mesmo a mana infinita está carregando uma aura de morte.”

Lin Yun tentou absorver um pouco de mana para que pudesse analisá-la com a matriz mágica. Sua pele empalideceu rapidamente e ele utilizou a matriz mágica para remover o pequeno fio de mana que entrou em seu corpo.

Essa única tentativa fez Lin Yun sofrer uma grande perda.

Essa mana era a mana mais poderosa que Lin Yun vira em sua vida. Apenas um fragmento era comparável a um cristal de mana espiritual. Se Lin Yun pudesse meditar livremente aqui, ele poderia tornar-se um arquimago dentro de alguns dias.

Entretanto…

Esta mana não pode ser usada.

Lin Yun sentiu uma propriedade estranha vindo daquele fio de mana após o absorver. Ele não podia rotacionar após entrar nas matrizes mágicas, era como um cadáver bloqueando as matrizes.

As matrizes eram o cerne de Lin Yun. Caso elas não pudessem ser ativadas, o caminho mágico de Lin Yun seria cortado. Naquela fração de segundo, Lin Yun realmente sentiu medo, enquanto se esforçava para extrair aquele punhado de mana que colocava em perigo suas matrizes Mágicas.

Felizmente, tudo havia dado certo.

Sua matriz mágica não foi danificada, mas extrair forçosamente aquele punhado de mana o machucou bastante.

Apenas um fio poderia forçar Lin Yun a um estado pior do que se ele estivesse lutando contra um Arquimago.

Após essa lição, Lin Yun não relaxou e bebeu uma poção de vida, tratando parcialmente seus ferimentos enquanto permanecia atento. Ele acionou suas matrizes mágicas para observar e analisar o vazio sem fim.

“O quê?” Após algum tempo, Lin Yun notou flutuações de mana estranhas. Essas flutuações vieram das escamas de cristal.

Lin Yun já havia suprimido a encarnação das escamas de cristal, desde então, o conjunto de artefatos mágicos espirituais verdadeiros fora ativado apenas silenciosamente. Além de manter o caminho dimensional, não havia espalhado nenhuma flutuação de mana própria.

Ele não pensara que após passar pelo longo caminho dimensional e alcançar a dimensão da revelação divina, as escamas de cristal começariam a emitir flutuações de mana estranhas.

Quando ele notou essas flutuações de mana, Lin Yun subconscientemente usou suas matrizes mágicas. As escamas de cristal que perderam sua encarnação, estavam operando instintivamente e Lin Yun conseguiu capturar facilmente essas fracas flutuações de mana sem usar nenhuma força.

Então…

Lin Yun de repente sentiu um excesso de informações dessas flutuações de mana. Ele estava alerta no início, usando suas matrizes mágicas para filtrar cuidadosamente as informações, com medo de cair em uma armadilha traiçoeira.

Afinal, as escamas de cristal não tinham uma boa reputação.

Contudo, logo Lin Yun percebeu que esse fluxo de informações não vinha da encarnação da ferramenta mágica, mas sim das próprias escamas de cristal.

As Ferramentas mágicas não tinham consciência. Não importa quão traiçoeira ou maliciosa fosse a encarnação, uma vez suprimida, a ferramenta mágica só poderia agir por instinto.

Assim, Lin Yun acelerou a recepção da informação.

Após uma dúzia de minutos, Lin Yun finalmente compreendeu.

“Entendi, é a maneira de manipular o caminho dimensional” Lin Yun não pensara que a informação transmitida pelas escamas de cristal acabaria sendo isso.

Comentários

  1. Key Of chaos disse:

    Não, não,naaaaaaaaaaaoooooooooooooooooo não acredito,ahh não cara,precisava ser agora? Passei uma semana só lendo isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar