Let Me Game in Peace – Capítulo 152

Montanha do Xadrez

A água fria do rio fluiu entre as montanhas e a luz da lua brilhava, iluminando o rio, dando um brilho que se assemelhava a escamas de peixe.

Embora a luz da lua fosse brilhante, ainda estava terrivelmente escuro sob a superfície da água. A passagem da montanha à distância era como um abismo, como se pudesse devorar tudo a qualquer momento.

Na margem do rio, havia um mecanismo defensivo feito de concreto e aço. Os soldados seguravam seus binóculos e observavam a passagem na montanha.

“Já se passaram mais de dez dias. Não aconteceu nada na Montanha do Xadrez. É realmente tão assustador como todos vocês dizem que é?”

“Isso é porque você não viu a situação anterior já que você foi transferido no final. Caso contrário, você teria mijado nas calças.” Outro soldado de meia-idade riu.

Tsk, o que há para ter medo? Não é como se eu nunca tivesse entrado em uma Zona Dimensional antes. O que eu não vi antes? No mês passado, nos ordenaram que explorássemos uma Zona Dimensional. Lá, matamos inúmeras Criaturas Dimensionais,” disse o soldado de antes.

O soldado de meia-idade enrolou os lábios e disse: “Sou soldado há tantos anos e as Zonas Dimensionais que entrei e o número de Criaturas Dimensionais que vi são mais do que o número de mulheres que você viu. Mas naquele dia, quase mijei nas calças. Se você realmente visse o que eu vi, teria mijado nas calças.”

“O que você viu naquele dia?” Perguntou o soldado curiosamente.

“Naquele dia, estávamos sob ordens para guardar a passagem da montanha. Estávamos planejando entrar na montanha na manhã seguinte para explorar as Zonas Dimensionais na Montanha do Xadrez, mas naquela noite, as águas do rio de repente se transformaram em algo parecido com sangue…” Enquanto o soldado de meia-idade falava, ele subconscientemente apontou para o rio.

No entanto, quando seus olhos se focaram na superfície do rio, seus olhos subitamente se abriram e ele gaguejou: “Apenas… desse jeito…”

O jovem soldado virou a cabeça e sob a luz da lua, viu que o lago cintilante tinha ficado vermelho como sangue em algum momento. A cor vermelha de sangue rapidamente se espalhou da passagem da montanha. Em apenas um momento, a água do rio se transformou em um líquido vermelho profundo.

O alarme na base soou e todos os soldados e oficiais que estavam de plantão ou descansando se levantaram.

Como o oficial de maior patente da área, Zhao Muye correu para o perímetro externo das defesas. Quando ele viu o rio de sangue fluindo lentamente, sua expressão tornou-se anormalmente grave.

“Comandante Zhao, há algo saindo da passagem da Montanha do Xadrez,” gritou um soldado que estava usando binóculos para monitorar a passagem da montanha.

Zhao Muye olhou com seus binóculos. Com certeza, ele viu algo se aproximando da passagem da montanha. Ajustando o foco da lente de visão noturna para descobrir o que era, a expressão de Zhao Muye mudou drasticamente.

Ele viu uma criatura humanoide andando no rio de sangue em direção a eles. As roupas que ela usava eram muito estranhas. Era provavelmente um produto de uma era antiga.

Esse não foi o ponto crucial. Mais importante, a área acima de seus ombros estava vazia – ele não tinha cabeça. Em vez disso, a cabeça estava em suas mãos.

Essa cabeça também não parecia ser humana. Tinha um rosto verde e presas afiadas. Tinha cabelo vermelho e um par de chifres estranhos crescendo em sua cabeça.

O monstro sem cabeça atravessou o rio de sangue com a cabeça em uma mão. Ele saiu da Montanha do Xadrez e gradualmente se aproximou das defesas na margem do rio.

“Fogo!” Zhao Muye ordenou calmamente enquanto esperava o monstro sem cabeça entrar no campo de tiro.

“Fogo… Fogo… Fogo… Use tudo o que você tiver…” Os soldados que receberam a ordem levantaram suas armas e apontaram para o monstro sem cabeça sobre o rio, atirando com tudo o que tinham.

Balas caíram no corpo do monstro sem cabeça, rasgando instantaneamente suas roupas. Num piscar de olhos, suas roupas estavam cheias de buracos.

Vendo o monstro sem cabeça imóvel acima da superfície do rio, os soldados não puderam deixar de parar de atirar, mas rapidamente perceberam que algo estava errado.

As roupas do monstro estavam cheias de buracos, mas nenhum sangue fluiu para fora.

De repente, a cabeça na mão do monstro sem cabeça abriu um olho de sangue que parecia conter infinitas quantidades de sangue.

“Não é bom!” A expressão de Zhao Muye mudou quando ele convocou sua Besta Companheira, o Falcão do Espírito Guardião, transformando-o em uma barreira de luz que protegia a área próxima.

O corpo do monstro sem cabeça chacoalhou violentamente. As balas que penetraram no corpo dele foram espirradas como gostas de chuva. Além disso, as balas seguiram suas trajetórias originais e voltaram aos seus donos.

BamBamBam!

A barreira de luz formada pelo Falcão do Espírito Guardião não conseguiu bloquear as balas que foram atiradas de volta, sendo perfurada em vários pontos.

Gritos foram ouvidos quando as balas penetraram os corpos dos soldados. Em um momento, mais da metade dos soldados que tinham disparado foram mortos.

“Mude para o novo tipo de bala de ouro primordial e continue disparando.” Zhao Muye deu a ordem. No entanto, quando ele olhou para a superfície do rio, ele percebeu que o monstro sem cabeça tinha desaparecido. Além da luz da lua que se espalhou pelo rio, não havia vestígios dele.

Zhao Muye amaldiçoou baixinho enquanto convocava suas Bestas Companheiras de armadura e arma. Quando se virou, percebeu que o monstro sem cabeça estava dentro da linha defensiva.

A cabeça do diabo e os olhos vermelhos de sangue estavam olhando para Zhao Muye e os soldados com olhos sanguinários.

“Informe o Supervisor. Todos, preparem-se para a batalha!” Enquanto Zhao Muye falava, ele levantou o sabre e cortou em direção ao monstro sem cabeça. O feixe de sabre era como um arco-íris enquanto se espalhava por dezenas de metros.

Para sua surpresa, o monstro sem cabeça não se esquivou. Em vez disso, levantou a cabeça em sua mão e bloqueou o feixe de sabre de Zhao Muye.

Clang!

O sabre atingiu o rosto do diabo, mas ele não conseguiu rasgar sua pele. Os olhos vermelhos de sangue olharam para Zhao Muye sob o sabre antes de um sorriso assustador aparecer em seu rosto.

“Ah!”

Sangue se espalhou enquanto tiros soavam. A noite silenciosa foi completamente quebrada.

“Base do Rio Qihe solicitando reforços… Base do Rio Qihe solicitando reforços… Uma criatura dimensional saiu da Montanha do Xadrez… Já correu para a base… Por favor, forneça suporte imediatamente…”

Quando Ah Sheng recebeu a notícia, sua expressão geralmente estoica mudou. Ele imediatamente aguardou as ordens de An Tianzuo.

“Aguente por vinte minutos. O reforço chegará em breve,” respondeu An Tianzuo.

“No final, algo aconteceu na Montanha do Xadrez. Muye está lá…” Ah Sheng disse preocupado.

“Vamos.” An Tianzuo interrompeu Ah Sheng com um comentário conciso.

Vários helicópteros rapidamente decolaram e levaram An Tianzuo, Ah Sheng, e um grupo de tropas blindadas em direção à Montanha do Xadrez.

Quando chegaram à base do rio Qihe, viram corpos desmembrados por toda parte. As feridas nos membros decepados pareciam ter sido mordidas por alguma coisa.

De longe, os sons de um confronto ainda podiam ser ouvidos. Ah Sheng correu e quando percebeu a situação diante dele, seus olhos instantaneamente ficaram vermelhos.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar