Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Martial Peak – Capítulo 55

Boas Pessoas São Melhores do Que Bons Chás

Mas porque ele veio encontrar-la? Embora Hu Mei Er não acredita nas palavras da sua irmã mais velha, ela ainda tinha alguma dúvida em seu coração.

Vendo a expressão dela, Hu Jiao Er suspirou: “Para obstinadamente persistir e ir sobre coisas no caminho errado, vai mais cedo ou mais tarde levar a sua própria morte.”

Irritada, Hu Mei Er disse: “Eu não vou mais falar com você sobre isso. Desde que ele veio me encontrar, deve ser algo urgente. Deixe-me ir e perguntar.”

Assim como ela estava prestes a se levantar, ela foi puxada de volta por sua irmã mais velha. Os olhos adoráveis de Hu Jiao Er girou em volta, docemente ela riu: “Irmãzinha, que tal eu fazer uma aposta com você?”

“Que tipo de aposta?” Hu Mei Er perguntou em dúvida.

“Nós vamos apostar se ele é um hipócrita ou não! Se ele é realmente como você diz que ele é, então ele deveria ser capaz de manter uma mente calma. Se ele não for, então não culpe sua irmã por ser viciosa e impiedosa!” Como Hu Jiao Er falou, uma luz fria lentamente apareceu em seus olhos.

Nesses últimos anos, com várias comoções de Hu Mei Er fora, a única rasão porque ela era capaz de manter sua pureza era principalmente por conta da sua irmã mais velha. Aqueles quem queria forçar Hu Mei Er fazer qualquer coisa, todos tinham morridos nas formas mais incomuns.

Em relação aos métodos da sua irmã, Hu Mei Er sabia mais sobre eles do que qualquer um. Então quando ela viu sua atitude, ela sabia com certeza que ela estava criando um plano desagradável.

“Irmã mais velha, o que você quer fazer?” Hu Mei Er gritou em alarme.

“Você só precisa sentar e observar cuidadosamente, Humph!” Com uma onda de sua mão branca, uma fumaça branca cobriu sua irmã mais nova. Então a figura de Hu Mei Er lentamente escureceu e desapareceu de vista.

“Irmã mais velha, não haja imprudentemente!” Hu Mei Er exerceu toda sua força, batendo na fumaça ainda assim nenhum som escapou. De fato, ela não poderia até mesmo andar mais do que dez pés de onde ela estava quando sua irmã executou sua técnica. Ela poderia apenas observar, sua antecipação aumentando.

Do lado de fora, Kai Yang tinha esperado por muito tempo e ele ainda não viu sinais de Hu Mei Er vindo para abrir a porta. Ele só poderia impotentemente suspirar.

Parecia que ele ofendeu-a muito mal naquele dia, embora sua raiva seria justificada se isso fosse o caso. Se fosse qualquer outra mulher que fosse falada assim, eles não levaria a sua disposição.

Esqueça, Kai Yang nunca teria qualquer esperança que ela ajudaria, a única rasão que ele veio era dar uma chance. Agora que ele viu que ela não queria falar com ele, ele naturalmente não a forçaria.

Assim como ele estava prestes a virar e sair, de dentro da casa soou a voz de Hu Mei Er: “Porque você não entra.”

Kai Yang estava assustado, murmurando pra si mesmo por um tempo antes de empurrar a porta e entrar.

Entrando e fechando a porta atrás dele, todo o barulho de fora de repente sumiu, substituído por um tranquilo silêncio.

Kai Yang olhou em volta em seus arredores, o tamanho da casa era quase o mesmo que a Su Yan estava ficando. É claro, seu interior foi superior ao de Su Yan. O quarto de Su Yan estava vazio, frio como sua própria frieza.

Enquanto que aqui, havia uma mesa, duas cadeiras e uma cama de cheiro doce. Na cama pendurada algumas cortinas rosas tão finas como asas de cigarras. Na cima da cama tinha um pequeno travesseiro e o quarto inteiro era permeado por um perfume de uma mulher.

Aqui e o lugar de Su Yan eram dois mundos completamente diferentes.

Hu Jiao Er sentada próxima a mesa, seu rosto cheio de sorrisos, como ela encarou a porta. Seus dois olhos encantadores, lindos e doces, brilhou com umidade. Com um olhar estranho e um sorriso escondendo suas intenções, ela olhou para ele, Um rubor vermelho estava florescendo em seu rosto, causando ela parecer muito fascinante.

Seus dois braços foram descobertos, revelando sua pele como a de um bebê e branca como neve, seu tamanco de madeira exibia seus dedos delicados. Ele não tinha certeza do que ela tinha posta nas unhas dos pés, mas tinha dado-as uma cor púrpura que a fazia parecer como uma beleza selvagem…

Vendo isso, o coração de Kai Yang saltou, ele não sabia porque, mas hoje Hu Mei Er parecia mais encantadora. Ela estava muito mais linda do que quando ele tinha encontrado-a pela a ultima vez alguns dias atrás.

Mas seu sorriso fez Kai Yang se sentir estranho, ele pensou que ela estava ridicularizando ele.

Naquele momento, Hu Mei Er estava segurando um leque e abanando si mesma. Com movimentos vigorosos, os ventos soprou em tufos, a dando uma aparência de grande nobre.

Bordado naquele leque era uma foto de uma dama da corte e, aquela figura da dama da corte era completa e desenvolvida, posando em uma posição sedutora. Se houvesse menos roupas bordas nela, então seria **.

Dando uma olhada, Kai Yang pensou que aquela dama era na verdade ultrajante. Se qualquer outra mulher viu isso, elas esconderiam seu rosto em vergonha, ainda essa mulher era capaz de usar esse leque, claramante mostrando que ela não era ordinária.

Era apenas… Depois de não se encontrar por metade de um mês, como poderia Hu Mei Er sofrer uma mudança tão grande?

Embora ela mantinha seus olhos nele, Kai Yang não se envergonhou o minimo enquanto se aproximava dela. O comportamento dela naquele dia, Kai Yan tinha visto tudo, era como se ele a tinha nas mãos, então como ele poderia estar com medo dela?

Sendo olhada desse jeito, Hu Jiao Er quem estava fingindo ser Hu Mei Er, era incapaz de suportar. Essa pessoa era realmente audaciosa, como poderia haver alguém que enfrentaria uma beleza como essa? Ele nem mesmo sabia cessar um pouco, isso também era um pouco não romântico.

No entanto… seu olhar era muito claro, não havia a menor quantidade de desejos obscenos em seu olhar.

Chegando ao lado da mesa, Kai Yang colocou as mãos em conchas e disse: “Dama Mei Er, nós não nos vimos por mais do que dez dias e você parece mais encantadora.”

Ouvindo essas palavras fez Hu Jiao Er rir enquanto ela respondeu: “Você também sabe como bajular os outros?”

A respeito da situação de Kai Yang, Hu Mei Er tinha informado ela de tudo, então Hu Jiao Er sabia como responder corretamente. Ela não estava com medo que ela seria exposta.

Kai Yang riu: “Eu só estou falando a verdade.”

Enquanto ele disse isso, ele sentou em frente dela desconsiderando cortesia. Um peso tinha sido tirado de dentro do seu coração, parecia que essa mulher não estava com raiva dele, fazendo essa tarefa muito mais fácil de completar.

“Dama Mei Er, o propósito da minha viagem dessa vez….” Kai Yang tinha decidido discutir seu objetivo diretamente. Isso o faria parecer um pouco mais sincero.

“Não vamos apressar as coisas.” Hu Jiao Er abaixou o leque e calmamente se levantou. Pegando o bule, ela foi até o lado de Kai Yang para lhe dar um pouco de chá: “Está quente lá fora, então beba algum chá para molhar sua garganta ressecada. Descanse por um pouco então fale.”

“Tudo bem!” Kai Yang assentiu com a cabeça enquanto aproveitando sua afetuosidade. Pegando a xícara de chá, ele bebeu um pouco de chá antes de sua expressão de repente ficar estranha.

Hu Jiao Er retornou para seu acento e sentou. Colocando suas mãos nas suas bochechas, calma e serena, ela disse para ele: “Junior Kai, como é que está o gosto do chá?”

Kai Yang estava pensando sobre outra coisa, mas ele levantou a cabeça, ele olhou para Hu Jiao Er profundamente antes de responder: “Essa folhas são tão planas como discos, muito retas, é tão verde como esmeraldas, como um gosto florido de fundo. Esse é um chá de alta qualidade.”

Hu Jiao Er estava atordoada e olhou sem expressão. Ela estava cheio de espanto enquanto ela olhava para Kai Yang: “Você entende?”

Ela mesma não entendia, ela só comprava para beber. Mas Kai Yang tinha descrevido tão claro e precisamente, como poderia isso não espantar-la?

Kai Yang balançou a cabeça: “Um pouco, mas eu não sou muito proficiente.”

“Então como esse chá se compara a min?” Hu Jiao Er soltou uma fragrância como lírio. Kai Yang estava apenas uma mesa de distância longe dela, então ele poderia cheirar sua fragrância, doce como uma clara montanha de primavera, puro como vinho de 100 anos, ela permaneceu na memória depois de ter desaparecido.

Por nenhuma razão, Kai Yang sentiu sua respiração acelerar por um pouco, seu sangue também tinha acelerado. Ele disse: “Boas pessoas são melhores do que bons chás.”

“Ge ge…” O riso de Hu Jiao Er era como flores florescendo e balançando no vento, seus peitos sacudiram.

Os olhos de Kai Yang estava fixados naqueles grandes peitos carnudos e seu pomo de adão se moveu. (ou seja, engoliu saliva)

Intencionalmente ou não, Hu Jiao Er pegou aquele leque de novo e bloqueou a cena de primavera do seu peito, mas intencionalmente revelou aquela figura da dama exposta. O rosto de Kai Yang imediatamente ficou vermelho.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar