My Vampire System – Capítulo 177

Vantagem

Os garotos começaram a falar sobre qual deles deveria cortar a perna, mas nenhum queria fazer isto. Vorden sabia em primeira mão como era a dor e argumentou que já havia feito sua parte, enquanto Quinn foi quem cortou a perna de Vorden. No final, foi uma decisão unânime de que Peter deveria ser o que faria.

Ele tinha uma força semelhante à de Quinn, então deveria ser capaz de cortá-la rapidamente. Peter pegou o cutelo no balcão da cozinha e caminhou até a mulher enquanto Vorden e Quinn a seguravam no chão.

Desta vez, colocaram várias toalhas onde o corte deveria ser feito, a fim de não fazer muita bagunça como da última vez.

Os dois tiveram que segurá-la, embora sua boca já estivesse amordaçada. Além disso, estava vendada, mas tinha ouvido toda a conversa que tinha acontecido entre as pessoas do quarto. No início, pensou que era uma piada doentia sendo feita por seus amigos.

Mas assim que os ouviu deliberar e falar mais sobre o assunto, percebeu aos poucos que estava se tornando realidade. Não conseguir ver nada estava deixando-a louca enquanto imaginava que poderiam fazer todo tipo de coisa com ela.

Enquanto Peter se ajoelhava, suas mãos tremiam. Quinn e Vorden eram fortes, então agora, seus movimentos eram mínimos, mas isso não os impediu de verem as lágrimas rolando pelo rosto debaixo da venda.

“Vamos, Peter!” Disse Vorden. “Você está feliz o suficiente para comer essa coisa, mas não consegue cortá-la.”

Com essas palavras, Peter fechou os olhos e balançou o cutelo para baixo, só que no último segundo, tentou recuar, fazendo com que o cutelo cortasse somente metade do osso.

Gritos abafados foram ouvidos quando o sangue começou a escorrer pela perna dela.

“Peter! Você piorou as coisas!” Disse Quinn enquanto os dois trocavam de posição. Quinn rapidamente bateu com o punho em cima do cutelo, empurrando-o para atravessar completamente. Quando a perna se separou, rapidamente a colocou dentro de um saco plástico preto. Usando uma das toalhas, amarraram logo acima da ferida e levantaram a perna para fazer com que o fluxo sanguíneo diminuísse. Eventualmente, se curou a um ponto em que era um toco novamente.

A mulher não estava mais lutando ou gritando. Ela tinha acabado de desmaiar devido ao medo. “Mais quatro vezes”, disse Quinn. “Temos que fazer isso mais quatro vezes.”

Enquanto a perna da mulher estava sendo preparada para Peter comer, Vorden estava ocupado cuidando da garota e limpando as toalhas ensanguentadas. No entanto, antes que Peter pudesse comer a perna, Quinn se aproximou e mergulhou o dedo em uma das extremidades.

[Tio sanguíneo A+]

Quinn queria o tipo sanguíneo O. Dessa forma, seria capaz de aumentar seu carisma. Ele percebeu que, com tudo acontecendo, seriam pegos mais cedo ou mais tarde. Se esse fosse o caso, então uma das habilidades mais úteis que ele tinha seria a habilidade de influência.

Era por isso que Fex era capaz de andar por aí com tanta confiança e não precisava se preocupar em conseguir sangue. Ele estava confiante em sua capacidade de apagar a memória de qualquer aluno em relação ao que acontecesse.

Embora isso não o tornasse mais forte na batalha, iria tornar no futuro. Se pudesse usar sua skill Persuasão sem nenhuma preocupação, então também seria capaz de obter sangue de outros alunos sem ter que se preocupar com as repercussões.

Ele então lambeu o dedo, e mais uma vez a mensagem apareceu.

[Sangue A+ consumido. Um ponto de atributo adicional em força foi adicionado]

[Força: 18]

Peter não estava com fome no momento, então a perna desta vez não parecia tão apetitosa quanto antes. Ele pensou que era devido ao fato de ter visto a garota gritando e chorando logo antes de ser cortada. Por causa disso, ainda não estava com vontade de comer.

Enquanto os outros esperavam que a perna se curasse e que Peter começasse a comer, Quinn foi até os outros seis alunos que ainda estavam no chão.

[Inspecionar]

Quinn usou sua habilidade de inspecionar em cada um deles, e a principal coisa que estava procurando era o tipo sanguíneo. Dos seis, havia dois O-, um AB+, um A+ e dois B+.

Enquanto estava aqui, poderia muito bem aumentar seus atributos. A memória de cada aluno seria apagada por Fex de qualquer maneira, então seria um desperdício não fazer.

Quinn então foi pegar outra faca no balcão e foi até cada um dos alunos. Ele fez um pequeno corte na panturrilha deles. Em seguida, passou o dedo e deu uma lambida em cada um deles.

Depois de tirar uma gota de sangue de cada aluno, Quinn decidiu verificar seus atributos melhorados.

[Força: 19]

[Agilidade: 18]

[Estamina: 17]

[Charme: 12]

No momento, esses eram os atributos atuais de Quinn sem usar nenhum equipamento. Com os dois tipos sanguíneos O-, Quinn fez o que planejou, colocando-os em seu atributo Charme.

Enquanto fazia todas essas coisas, Fex estava de olho em Quinn e não pôde deixar se aproximar. “Você está tentando ver quem tem o melhor sabor?” Perguntou Fex. “Se quiser, eu posso pegar um copo ou algo do tipo, para que você possa tomar um pouco mais.”

“Ah, não precisa, não estou com fome.” Quando Quinn disse essas palavras, percebeu que era a primeira vez que estava falando sobre sangue com outro Vampiro como se fosse comida. Foi estranho, mas ao mesmo tempo bom, já que não parecia maluco.

“Eu só estava tentando obter o maior número possível de tipos sanguíneos de pessoas diferentes.” Respondeu Quinn.

“Você é estranho. Oh, eu sei, aposto que você é uma daqueles maníacos por sangue que tem que encontrar o tipo perfeito de sangue.” Disse Fex enquanto encolhia os ombros. “Para mim, sangue é sangue. Tudo tem o mesmo gosto, não importa de quem venha.”

Ouvindo isto, Quinn começou a pensar

“Você pegou sangue deles antes de virmos aqui?” Perguntou Quinn.

“Não, eu posso durar um bom tempo antes de começar a precisar de sangue. Embora ainda aprecie o presente que você me deu antes.” Respondeu Fex.

Quinn então percebeu uma coisa. Se Fex não estava consumindo o sangue de cada humano com quem entrava em contato, queria dizer que não tinha os mesmos efeitos que Quinn. Seria compreensível se estivesse fazendo isso para que não fosse pego. No entanto, tinha 7 pessoas no quarto, mas não consumiu sangue de uma única pessoa.

“Sistema, qual é o significado disto?” Perguntou Quinn.

“Acho que você já descobriu.” Respondeu o Sistema. “Como eu disse a você antes, seus poderes vampíricos são únicos. O que se aplica a você não significa que se aplicará a eles, e o inverso também acontece. Mas isto, Quinn, é sua vantagem sobre os outros.”

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar