Participe do nosso novo grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação e veja os benefícios.

Only I Am a Necromancer – Capítulo 59

Reforços atrasados (2)

Mas claro, mesmo se eu obter arcos e bestas, não quer dizer que não usarei mais as lanças e as adagas. Elas obviamente têm usos e possibilidades diferentes. Os esqueletos geralmente enfrentam os inimigos no combate corpo a corpo após o confronto inicial.

Arremessar adagas poderia ser útil nesse cenário, você pode lançar as adagas e trocá-las por outra arma enquanto voam sem que o inimigo perceba.

De fato, Sungwoo, que não entra ativamente na batalha mas comanda os esqueletos nela, necessita dessas armas para lutar a distância.

Hoje ele ganhou um aumento drástico em sua linha de defesa. Mas após essa noite, ele provavelmente teria outro problema para lidar. Enquanto dormia, ele sonhou que não passava de uma pessoa sem poderes. Ele estava enfrentando um grande fogo, e não podia fazer nada enquanto sua família gritava dentro do fogo e clamavam por ajuda.

─ Sungwoo, Sungwoo!

─ …?

Ele acordou e estava encarando o rosto de Hanho

─ O Sargento Kim quer te ver. Os soldados retornaram ontem.

Parecia que eles iriam enfrentar outros incidentes. Os soldados que estavam rodeando os edifícios próximos apareceram logo após ele matar o Lorde Vampiro ontem. Então, o Sargento Kim, que era um conhecido do Sungwoo, apareceu, dizendo que o exército ainda estava de pé.

─ Você aceitaria vir comigo e minha unidade?

Sungwoo balançou a cabeça negando o pedido de Sungwoo.

─ Me desculpe. Diga a eles que se precisarem de mim para algo, venham me ver.

Sungwoo não tinha motivo para ficar com eles e também não queria viajar longas distâncias por pessoas que ele não conhece. Além disso, sua fadiga se acumulou durante todo esse tempo, ele não tinha energia nem mesmo para fazer o mínimo ato de gentileza. Depois de ter sido rejeitado, o Sargento Kim disse que iria repassar o fato para seus homens. Então na manhã seguinte, um oficial com alta patente veio ver ele bem cedo.

Sungwoo se levantou do sofá e sentou-se em uma cadeira.

─ Diga a ele para esperar um pouco.

─ Tem certeza? Ele parece ter um temperamento meio…

─ O temperamento dele não tem nada a ver com o nível.

─ Pensando bem, verdade.

Soldados? Sungwoo não pensou que o exército, que já existiam por décadas, iria cair tão rápido. Mesmo que a disciplina militar esteja decadente, todos os militares ainda treinavam em antecipação a emergências, como uma guerra.

Porém essa situação não estava nos manuais do exército. Suas armas também pararam de funcionar, todo o sistema militar estava desorganizado.

Passos, Passos –

─ Ele está disponível?

─ Me desculpe, ele pediu que o senhor esperasse um pouco mais…

A Voz de alguém foi ouvida do lado de fora. Hanho estava tentando pedir para ele esperar com uma voz desconfortável, mas eles não queriam ouvi-lo.

─ Esperar? não temos tempo para isso. Você acha que isso tudo é uma piada? Saia da minha frente.

A porta do quarto que Sungwoo estava foi subitamente aberta, junto com a voz do homem de meia idade. Sungwoo, que estava esfregando seus olhos ainda sonolentos, observou o homem, que era um Tenente-Coronel. Um Capitão e o Sargento Kim estavam de pé atrás dele. Encontrando os olhos de Sungwoo, Kim expressou sua vergonha no rosto.

─ Você é o responsável pelo local?

─ …

─ Eu sou o Tenente-General Taeryong Park da 51 divisão do exército.

Park se sentou no sofá de couro. O Capitão e o Kim ficaram de pé na parede.

─ Eu vim de longe para encontrá-lo, então deixe-me ser franco.

Parecia que o Park estava tentando culpá-lo por sua longa jornada.

─ Vá em frente.

Disse Sungwoo, sentado em outro sofá do outro lado da sala.

─ Eu ouvi que você matou os monstros em Hwaseong Heaggung que nos colocou em alerta. Eu gostaria de ouvir seu testemunho sobre o incidente, e pedir por sua cooperação.

─ Bem, não tenho problema em te contar sobre o que aconteceu, mas do que se trata a ajuda?

Após uma breve pausa para pensar no que dizer, Park abriu sua boca e disse,

─ Junte-se ao exército.

Sungwoo deixou escapar um sorriso involuntariamente.

─ Meu Deus! Essa é uma frase que iria assustar 99% dos homens coreanos.

─ Eu entendo. Mas você sabe que eu não estou brincando, não é?

As sobrancelhas de Park se contorceram. Era evidente que o exército atual, liderado por ele, veio até aqui para conseguir algo, ou ter Sungwoo com eles. Era clara a intenção de Park de quebrar o espírito com a forte imagem do exército. Se Sungwoo fraquejasse aqui, ele teria uma grande dor de cabeça lidando com esse Tenente-Coronel.

─ Por que eu deveria aceitar? é uma proposta tão ridícula que eu não entendo.

Como ele poderia pensar que o Sungwoo se juntaria ao exército com um pedido tão simples? Quem iria aceitar algo assim? Mas a face de Park ainda estava firme.

─ Minha sugestão não somente é legítima, como também irá te ajudar.

─ Me ajudar?

─ É uma emergência nacional. É impossível declarar lei marcial, mas é um fato de que todos estão sobre ela, então o exército tem o direito de recrutar homens poderosos como você.

No entanto, eu reconheço o seu poder, então irei te tratar com respeito.

Obviamente, em uma crise, se o governo estivesse funcional, eles iriam mobilizar todos o mais rápido possível enquanto declaravam a Lei Marcial, e o exército iria lutar contra os monstros.

Porém, a situação atual era o total oposto. O governo não dava nenhum sinal de ainda estar de pé, e todo o exército estava desarmado e fraco. Não demoraria muito para caírem na real.

─ O que você quer que eu faça?

─ Quero que nos ajude enquanto estamos tentando fazer algo para lidar com a situação, iremos restaurar o sistema e dar segurança para as pessoas.

─ …

─ Ah… Eu ouvi que seu nome era Sungwoo Yu? Você provavelmente tem experiência militar, então eu acho que você entende o que quero dizer. Não trate esse assunto de forma leviana.

Park esfregou seu rosto enquanto aliviava seu tom. Ele estava tentando apelar para o emocional?

─ Nessa situação ridícula, é óbvio que as pessoas devem estar unidas, mas aquele cara chamado Promotor de Youngdeungpo negou o governo e disse que seria seu próprio estado. Você já sabe disso, não é?

─ Sim, eu li sobre.

Do ponto de vista dos militares, eles não tinham outra alternativa além de ser hostis a declaração do Promotor.

─ Você não acha que essa é uma situação deplorável? As pessoas devem estar unidas ao exército para resolver a situação. Um homem como você pode se tornar um grande soldado e herói sul coreano. Irá ocorrer uma coisa terrível que você nem pode imaginar, começando por Gwanghwamun…

Ele fechou sua boca na hora.

‘Gwanghwamun? O que isso quer dizer?

Ele me chamou de herói? Em alguns aspectos, ele tinha razão. Mas ele não estava entendendo a situação que o mundo estava agora.

─ Não, eu não acho. Eles têm o direito de fazer algo do tipo.

─ O que?

─ Quando tudo aconteceu, muitas pessoas buscaram e esperaram por ajuda vinda do exército e do governo. Enquanto esperavam, foram mortas por monstros. Os poucos que sobreviveram estão se juntando com outros agora.

─ …

─ Eu não apoio o Promotor, mas ele apenas se adaptou ao mundo e ao seu novo sistema.

─ Sistema?

─ Como você deveria já ter percebido, esse fenômeno segue nos colocando em situações que parecem com jogos. Os monstros aparecem, itens são dados, missões são criadas e a maioria das missões são dadas sob certas condições. Em outras palavras, esses não são problemas que o exército possa resolver.

Esse jogo estava prestes a quebrar a sociedade humana em pedaços. Uma sobrevivência, passando sufoco para não morrer, todos queriam completar suas missões para conseguir ver o sol do outro dia.

Esse modelo de vida não era compatível com o antigo sistema ou sociedade. Pelo contrário, era benéfico pensar fora da caixa como o Promotor estava fazendo.

─ Você diz que eu poderia ser um herói? Eu prefiro ser um mercenário. Se precisarem de mim, terão que pagar um preço.

O Tenente-Coronel Park, embasbacado, mal conseguiu responder.

─ Você está querendo dinheiro então?


Gostaria de ter sua novel favorita em PDF ou algum outro formato digital para ler offline?? ACESSE AQUI e saiba como!!

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar