Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Super Detective in the Fictional World – Capítulo 163

Inspiração e Pistas

Luke assentiu e entrou lentamente.

O ar no quarto estava seco, provavelmente porque o quarto esteve fechado por dias.

Sheerah parecia desconfortável. Luke olhou para ela e falou: — Você pode ficar na porta. — Em seguida, circulou lentamente o quarto.

Sheerah olhou para o jovem curiosamente. Notou que Luke não esbarrou em nada no quarto, mesmo que estivesse com os olhos fechados.

Elsa olhou para Luke e então simplesmente focou em sua própria inspeção.

Dez minutos depois, Elsa saiu do quarto e balançou a cabeça: — Não notei nada incomum.

Sheerah ficou levemente desapontada, mas notou que Luke ainda estava dentro e perguntou: — Onde está seu parceiro.

Elsa respondeu levemente: — Ele normalmente leva mais tempo.

Sheerah perguntou: — Por que ele ficou de olhos fechados quando está procurando pelo quarto?

Elsa riu: — É um hábito. Ele diz que ajuda a construir um modelo do quarto em sua mente como uma primeira impressão, e analisa até encontrar algo suspeito…

Vendo a expressão confusa de Sheerah, Elsa só podia mudar de tática: — Ele está procurando por inspiração! E ficar de olhos fechados ajuda.

Embora Elsa realmente não estivesse convencida, Luke encontrara pistas em vários casos após usar este método, então Elsa só podia acreditar.

Por volta de dez minutos, viram Luke pegar uma rota misteriosa através do quarto com a cabeça erguida, até que entrou no banheiro.

Sheerah soltou uma exclamação.

Elsa olhou para ela e Sheerah explicou baixinho: — Minhas roupas do outro dia ainda estão lá…

Elsa riu: — Relaxe, ele não tem nenhum tipo de passatempo estranho.

Um momento depois, Luke saiu pensativo do banheiro.

— Encontrou algo? — perguntou Luke.

Ele assentiu levemente: — Acho que sei o que aconteceu, mas devemos checar o exterior da casa por mais evidências. Bem, mantenha este quarto trancado. É uma cena de crime.

Sheerah olhou para Elsa, que assentiu. Ela rapidamente fechou a porta.

Eles saíram da casa logo depois.

Luke perguntou: — Srta. Sheerah, você sabe onde a saída do duto de ventilação do seu banheiro fica?

Sheerah balançou a cabeça, embasbacada.

Já era um milagre para uma grande estrela saber onde a máquina de lavar estava. Como saberia algo sobre o sistema de ventilação?

No entanto, ela tinha muitas vantagens, incluindo riqueza.

Simplesmente chamou o guarda de segurança e o fez responder à pergunta de Luke.

Luke lhes disse para parar. Observou cuidadosamente o chão e caminhou lentamente na direção do galpão, onde ficou de olhos fechados por um momento.

Em seguida, retornou usando a mesma rota. Apontando para uma localização perto do galpão, falou: — Não deixe ninguém chegar perto de lá. O departamento forense terá muito trabalho a fazer.

Então, disse a Elsa e Sheerah baixinho: — Está claro o que aconteceu. Srta. Sheerah, isto não envolve o sobrenatural; alguém usou truques complicados para roubar seu colar.

Sheerah exclamou: — Sério?!

Luke assentiu: — Se você tivesse chamado a polícia e feito um checkup, poderia ter encontrado certas drogas psicodélicas ou sedativos no seu sistema. Você não é assombrada por um fantasma; você foi drogada.

Sheerah achou difícil de acreditar: — Como isso é possível? Como eles me drogaram no meu quarto?

Luke pensou por um momento e depois balançou a cabeça: — Esqueça. Não trazer a polícia foi a decisão correta, ou eles teriam pensado que você estava alucinando porque estava chapada.

Elsa e Sheerah ficaram sem palavras.

Elsa perguntou impaciente: — O que exatamente aconteceu?

Quando Luke respondeu, foi em voz baixa: — É muito simples. Ninguém entrou no quarto da Srta. Sheerah, mas um animal bem-treinado pode fazer muitas coisas que um humano não pode, como entrar no quarto pelo duto de ventilação, drogar você, abrir seu cofre e roubar sua joia.

Sheerah achou difícil de acreditar: — Há um animal tão esperto quanto este no mundo?

Luke riu: — Você pode ficar surpresa. — Este certamente não era um mundo comum.

Ele parou e olhou para a cerca.

Olhando em volta por um momento, apontou para algo e perguntou: — Olhe para o topo da cerca; o que é aquilo?

Elsa estreitou os olhos: — Parece com… algum tipo de pelo de animal?

Luke assentiu: — Vi o mesmo cabelo na saída do duto. Também há pegadas vagas no chão, só que não sei exatamente qual criatura é. O pelo também está no seu quarto. Srta. Sheerah.

Ele mal notara o pelo, mesmo com seu Nariz Aguçado; era natural que Elsa tivesse deixado escapar.

Luke perguntou casualmente: — Srta. Sheerah, você não tem nenhum gato ou cachorro, tem?

Sheerah balançou a cabeça rapidamente: — Não sou uma pessoa de ter animais. Sou alérgica ao pelo deles. Portanto, ninguém na minha casa, incluindo a Meryl, tem contato com cães e gatos.

Luke estava bem ciente do fato, graças ao Nariz Aguçado. Ele só perguntou para benefícios de Elsa.

Elsa assim aceitou oficialmente o caso de Sheerah, e o departamento forense chegou logo. Eles ficaram confusos pelas instruções de Luke, porém, seguiram da mesma maneira, principalmente porque Luke agora era bem famoso.

A notícia da façanha de Luke havia circulado pelo departamento forense. Afinal, trinta corpos foram entregues ao departamento após a tentativa de assalto no Plaza Nakatomi.

Havia um especialista na equipe forense.

Ele era um homem de meia-idade lindo. Após examinar o pelo preto do duto de ventilação no banheiro por um momento e falou: — Não é um macaco comum; muito provavelmente, é um chimpanzé.

Ele procurou na cama com uma lanterna e achou pelo similar: — Estou positivo agora. Esta criaturinha esteve na cama. Bem, é realmente esperto o bastante para abrir o cofre?

Luke não pôde deixar de perguntar: — Você pode dizer qual animal é baseado nesse pouco pelo?

O homem de meia-idade levantou a cabeça e respondeu solenemente: — Sim, estou muito interessado na vida selvagem, incluindo gorilas e chimpanzés.

O interesse de Luke foi atiçado: — Posso saber seu nome?


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar