Super God Gene – Capítulo 617

Alma de Besta do Pavão de Olhos Pretos

O Sutra Dongxuan absorveu a essência das raízes de lótus nas células do corpo, gerando novas células mais rapidamente e substituindo as antigas e danificadas a um ritmo acelerado. Entrementes, a proficiência do Sutra Dongxuan melhorou.

As melhorias constantes do Sutra Dongxuan fizeram Han Sen ter um cheiro cada vez melhor. A fragrância que o agraciava era forte, mas não era irresistível.

Podia não saber por que o Sutra Dongxuan o fazia cheirar bem, ou exatamente quais benefícios proporcionava, mas esse cheiro emanava sempre que o executava.

Enquanto estava deitado, o Sutra Dongxuan gerou o cheiro agradável como costumava fazer. Na hora, não pensou em nada, só que o Go Celestial da Rainha teve um certo progresso, quando ela o absorveu.

A Rainha ficou chocada demais para falar qualquer coisa. Tudo o que precisou foi uma fungada do cheiro encantador do Han Sen para que seu Go Celestial melhorasse; era inacreditável!

Quando a essência da raiz de lótus foi completamente absorvida, as feridas dele foram totalmente curadas, de modo que se sentiu extremamente energizado, como se pudesse sair por aí matando várias criaturas no caminho sem parar!

Ele abriu os olhos e viu a Rainha treinando, mas logo ficou surpreso, porque o corpo dela estava cercado por uma luz amarela. Ela estava linda; parecendo bastante uma Fada da Lua.

Só que era estranho, pois parecia que uma fragrância permeava o ar ao redor dela. Não era o cheiro comum de uma mulher e era vagamente familiar. Ele se aproximou para cheirar melhor e foi quando percebeu que a Rainha estava cheirando como ele, mas não com tanta intensidade.

Enquanto Han Sen a observava, uma sensação estranha se desenvolveu. Ele sentiu como se pudesse ver o fluxo do corpo dela e testemunhar as mudanças que aconteciam dentro dela em um nível celular.

Mas isso era impossível. Ela ainda estava usando a armadura de Escamas de Sangue, e não era como se ele tivesse uma visão de raio-x.

Mesmo que tivesse, as mudanças do fluxo de uma pessoa não poderiam ser vistas pelo olho humano. Contudo, era exatamente isso que Han Sen estava vendo.

Era uma visão peculiar, porque o Qi Gong que a Rainha estava treinando ficou totalmente exposto para Han Sen ver, de modo podia examinar cada coisinha e observar cada detalhe mínimo; não tinha mais nada oculto, nem mesmo secreto.

Han Sen ficou surpreso. Com essa habilidade, mesmo que não soubesse completamente, poderia imitar o que estava vendo e, uma hora, aprender o Qi Gong que ela estava praticando.

Ele ficou perdido em pensamentos, mas logo voltou a si e percebeu que não estava observando o fluxo dela com os olhos.

‘Cheiro! Deve ser o cheiro dela!’ Han Sen ficou surpreso. Era o cheiro que estava rastreando o Qi Gong da Rainha. Ou seja, podia sentir o cheiro daquela fragrância ao redor e, através disso, foi capaz de seguir o fluxo dentro do corpo dela.

‘Que merda tá acontecendo? Esse é outro aspecto do Sutra Dongxuan?’ Han Sen deu à Rainha um olhar complicado. Isso significava que o Go Celestial, que deveria ser ultrassecreto, não era mais, pois, podia observar cada detalhe dele.

Antes que Han Sen pudesse terminar de organizar os pensamentos, sentiu o Sutra Dongxuan do corpo em execução. Estava trilhando um caminho diferente daquele que normalmente fazia, desviando-se do curso para acompanhar o fluxo da Rainha. Foi só então que notou que estava copiando o Go Celestial.

O fluxo do corpo dele parecia conectado com o cheiro dela. Estava em sincronia com ela, permitindo-lhe que entendesse o Go Celestial mais do que nunca.

‘Será que a Rainha vai me matar se descobrir que roubei o Go Celestial dela assim?’ Han Sen forçou um sorriso.

O Go Celestial da Rainha continuou em execução, tendo um certo progresso. Quando ela finalmente absorveu todo o cheiro, abriu os olhos e parecia feliz. Foi só então que viu Han Sen parado ao lado dela, observando-a sem piscar. Assim, acabou corando.

Han Sen ficou congelado. Para uma mulher fria como a Rainha ter um rosto tão tímido só a fazia parecer mais sensual. Esse rosto de fada dela chamaria a atenção de todos os homens em uma sala.

A Rainha se sentiu culpada por absorver o cheiro dele para treinar, e foi por isso que ficou um pouco envergonhada.

Ela olhou para o rosto dele e de repente ficou muito brava, agarrando as orelhas dele e gritando na cara dele: — O que você fez no mar?!

Han Sen recuou, segurando suas orelhas puxadas. A Rainha corou e abaixou as mãos; logo, voltou a agir com calma e repetiu sua pergunta com um tom mais suave: — Eu perguntei o que você fez no mar?

Han Sen continuou esfregando os ouvidos e respondeu: — Você não viu nada? Só estava tentando conseguir uma caça fácil. Uma bosta, porque acabei falhando, e ainda quase custou a minha vida.

A Rainha franziu a testa diante dessa resposta, sem saber se ele estava falando a verdade ou não. Mas, conforme o encarava, seu rosto enlameado deu a sensação que não tinha conseguido nada.

Porém, a Rainha estava mais interessada no cheiro que cercava Han Sen agora, assumindo que a causa era a raiz de lótus que tinha consumido.

Han Sen não digeriu as propriedades medicinais das raízes. Elas, em vez disso, flutuaram para fora do corpo dele e a afetaram também, melhorando o Go Celestial em seguida.

Mas isso era apenas o que a Rainha estava teorizando, de modo que queria ter certeza.

— Qual é a dessa sua habilidade? Por que você possui um cheiro estranho? — A Rainha perguntou, encarando Han Sen.

— Um cheiro estranho? Eu? — Han Sen ergueu os braços e cheirou o sovaco. Ele olhou para a Rainha, sorriu e depois disse: — Você está falando do meu odor corporal? Como a prática de uma arte pode criar um cheiro corporal estranho?

A Rainha encarou o brincalhão com seriedade, mas se virou e o ignorou após um tempo.

Han Sen estava apenas falando besteira, e ela sabia que continuaria brincando, não importa quantas vezes perguntasse, só que acreditava firmemente que foi por causa da raiz de lótus que havia ingerido.

Afinal, nunca tinha ouvido falar de uma habilidade que pudesse ajudar e melhorar a prática das habilidades de outra pessoa.

Além disso, ele não contaria a verdade, não importa o que acontecesse. Caso contrário, poderia ser morto por ela.

Han Sen então se lembrou de algo que Huangfu Pingqing uma vez lhe disse, “Neste mundo, existem apenas duas pessoas que sabem usar o Go Celestial. Uma é a esposa do Huangfu Xiongcheng e a outra é a Rainha”.

Depois de hoje, seriam três.

Verdade seja dita, Han Sen não precisava se matar para aprender o Go Celestial, já que seu Sutra Dongxuan era claramente muito mais forte. Era só que esse cheiro estranho surpreendia as pessoas, então ficou curioso para saber o quão intenso poderia ficar, conforme treinava mais.

Han Sen realmente queria desbloquear seu primeiro nível e testemunhar a verdadeira força do Sutra Dongxuan.

Enquanto estava preso nos seus pensamentos, lembrou-se que tinha obtido uma Alma de Besta Super; a sua primeira no Segundo Santuário de Deus.

Tipo da Alma de Besta Super do Pavão de Olhos Pretos: Balestra

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar