The World After the End – Capítulo 140

Deus Antigo (9) 

Karavan ficou chocado.

— Um Deus que odeia Daeus?

[Sim.]

Duzentos e dez mil anos atrás. Foi muito antes de Karavan nascer, mas ele tinha ouvido falar sobre as lendas dos Três Deuses Antigos muitas vezes. No entanto, era realmente estranho para Karavan, que viveu apenas cinco mil anos, saber das histórias que aconteceram há tanto tempo.

Essas lendas não eram contadas com frequência dentro do <Abismo> já que eram muito antigas; a maioria dos deuses que viveram naquela época já havia perecido. Se um boato se espalhasse dentro do <Abismo> durante a era dos Três Deuses Antigos de que uma [Peça] deles estava em leilão, todos teriam zombado e dito—

“De jeito nenhum. Não há como suas [Peças] estarem na casa de leilões. Isso é para deuses de nível alto. Provavelmente é uma farsa.”

Era apenas especulação e as coisas poderiam ter sido diferentes, mas provavelmente era diferente do que estava acontecendo agora. As pessoas tentariam ver se a farsa era real, mas não havia como os idiotas do nível médio distribuírem suas economias inteiras de doze mil pedras de alma para tentarem comprar a [Peça].

— Quem era esse Deus? Quem lutou contra Daeus?

Karavan não era como aqueles deuses tolos. Ele era um vice-regente, mas conhecia as lendas dos Três Deuses Antigos mais do que qualquer deus de nível alto.

Era tudo por causa de Ignis.

O Deus dos Sete Deuses, Ignis, a Chama, era um dos poucos Deuses que já existiam na era dos Três Deuses Antigos. Ignis também gostava de se gabar de suas ações passadas naquela época.

[Isso…]

No entanto, ele não estava agindo normalmente. Parecia hesitante, como se houvesse uma memória ruim ligada à pergunta. Isso não era como seu eu de costume, sempre se gabando de algo.

Karavan ficou mais curioso. O que poderia fazer esse Deus das Chamas de temperamento quente estar tão hesitante? Foi só depois de um tempo que Ignis falou.

[Os únicos seres que podem enfrentar os Três Deuses Antigos são eles mesmos. Havia esse ditado há duzentos e dez mil anos, mas agora é tudo história.]

Arrancar. E tirar.

O Jaehwan nu parecia existir apenas para esses dois propósitos. O braço de um Gigantes foi puxado para fora como uma boneca de pano e sua armadura foi rasgada como papel. Os vice-gerentes dos deuses de nível médio eram impotentes contra Jaehwan.

Seus Gigantes foram arrancados e eles ficaram nus.

No instante em que os vice-gerentes eram trazidos para fora de seus Gigantes, eles ficavam com as nádegas à mostra. Não sofreram nenhum dano ou ferimentos, mas muitos caíram inconscientes com espuma em suas bocas. Ninguém sabia se era por vergonha ou outro motivo, mas uma coisa era certa.

Eles não seriam os mesmos de antes. Esses vice-gerentes tinham olhares vazios em seus rostos. Eles estavam nus, mas seus olhos pareciam indicar que haviam perdido tudo.

— Ah…ahhhh!

— D-Deixe-me viver!

Seus gritos não foram direcionados a Jaehwan, no entanto. Eles estavam com medo de algo invisível, como se coisas familiares para eles de repente se tornassem símbolos de medo.

— O que eles estão…

Os vice-gerentes dos deuses de nível alto estavam confusos. Eles tinham ouvido falar da Configuração [Nu], mas foi a primeira vez que realmente testemunharam seu poder. No entanto, apenas alguns entre eles perceberam exatamente o que esses vice-gerentes de nível médio estavam enfrentando.

“Isso é impossível…”

Os Gigantes eram a melhor proteção para qualquer deus ou vice-gerente. Se alguém estivesse dentro de um Gigantes, sempre era garantido que evitaria a morte súbita, não importa o quão poderoso fosse o ataque. No entanto, Jaehwan os rasgou como se não fossem nada.

Ele fez isso como se não houvesse tal proteção neste mundo. A ‘segurança’ que eles sentiam era fraca a esse ponto.

Destruir os Gigantes foi mais do que apenas a destruição de uma [Peça]. À medida que os Gigantes eram dilacerados, os vice-gerentes dentro sentiam algo neles sendo dilacerado. E alguns deuses já tinham ouvido falar desse sintoma antes.

“Colapso mundial?”

Colapso mundial.

Era a doença que fazia alguém se sentir distante do mundo de seu Deus e perder o poder mundial. Também era chamado de ‘Destruição de Geshtalt’.

“Mas isso é impossível.”

Mesmo quando viram os vice-gerentes desmoronando na frente deles, não podiam acreditar. O Deus Antigo que poderia causar a ‘Destruição de Geshtalt’ havia desaparecido há muito tempo. O que estavam vendo era um vice-gerente de cerca de vinte mil de poder mundial, na melhor das hipóteses.

Então, em vez de acreditar em seus próprios palpites, eles decidiram confiar em sua experiência.

Então, seguiu-se a humilhação. Havia um ser profanando a santa cruzada deles. Era aquele que destruiu Gigantes como se fossem brinquedos e despiu Vice-gerentes. Esse ato que o homem ‘Jaehwan’ estava fazendo não terminaria apenas com os vice-gerentes de nível médio.

— Isso é loucura… O que você está tentando fazer?!

Um dos vice-gerentes de um Deus de nível alto gritou com raiva. No entanto, era também o que Jaehwan realmente queria perguntar. Não, ele queria perguntar a Andersen.

“Diga-me antes de fazer algo assim.”

Por um curto período de três minutos, foi Andersen quem controlou o corpo de Jaehwan, pois ele não estava familiarizado o suficiente com a Configuração [Nu] para usá-la em todo o seu potencial. Não havia como Jaehwan conhecer uma música tão humilhante também.

[Não se preocupe. Eu tinha que cantá-la. A Configuração não é totalmente ativada a menos que eu termine de cantar. Mas eu não fiz você cantar, fiz? Fui eu que cantei, então não fique muito…]

“Você cantou através de mim, então é a mesma coisa!”

[Haha. E-Eu acho que você tem uma boa voz!]

Andersen falou com uma risada estranha.

“Enfim. Por que você não os matou?” Jaehwan perguntou enquanto se virava para olhar os vice-gerentes no chão. “Achei que você os odiasse?”

Como Jaehwan estava ligado a Andersen, ele sentia o ódio dela pelos outros deuses. A Deusa de nível alto, que havia perdido todos os seus Seguidores devido à traição de seus amigos, e caiu para o ranking mais baixo dos Deuses.

A Deusa que odiava os outros Deuses. Essa era a Andersen [Nua].

[Eu não posso matá-los.]

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar