Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

The World After the End – Capítulo 220

Grande Irmão (14)

Jaehwan continuou passando pelos rabiscos. Eram os rabiscos dos que estavam ali para os que viriam. No começo era bem engraçado, mas os rabiscos ficaram mais pesados com o passar do tempo.

Três bilhões e duzentos milhões de anos.

—Ei, original, seu desgraçado filho da puta! Por que você teve que vir aqui?!

Ah, porra… Porra…

—Número mil novecentos e setenta e quatro. Estou fora.

Quatro bilhões, novecentos e oitenta milhões de anos.

—Por favor.

—Vamos lá.

Seis bilhões, setecentos e oitenta milhões de anos.

—MERDA! MERDA! MERDA! MERDA!

—….

—AaaaAAAAaAaAAaaaAAAAahaAAA…

Sete bilhões, novecentos e vinte milhões de anos.

…..

Nove bilhões, oitocentos e trinta milhões de anos.

E, finalmente, dez bilhões, quatorze milhões e duzentos e dez mil anos.

Os rabiscos rapidamente diminuíram em número em algum momento e desapareceram. Mas eram tantos rabiscos que poderia levar uma vida inteira para ler tudo. No entanto, rabiscos eram as únicas coisas que estavam lá.

Ao lado dos rabiscos estavam as verdades do universo. Havia algumas que Jaehwan conhecia, mas a maioria era o que Jaehwan não sabia, que variava de várias configurações, teorias, Despertar, Adaptação, bem como magia para criação. A informação parecia ser a coleção de todo o conhecimento do mundo inteiro. Havia dez bilhões de anos de história escritos ali. Estavam protegendo-o.

Jaehwan percebeu que estava chorando. Ele entendeu o significado do tempo, como resistiu a dez bilhões de anos e quem eram essas vozes que viveram esses anos em seu lugar.

“Foram eles. Eles viveram esse tempo para mim.”

Inúmeros gritos e gemidos… Todos eles vieram de sua consciência, ou de suas ‘roupas’.

Fui dormir, porque estava tudo bem? O que estava bem? Não estava nada bem.

Jaehwan percebeu que não havia muitas ‘roupas’ dentro dele agora. Jaehwan não conseguia nem imaginar o peso do tempo que elas tiveram que aguentar.

[Entendo. Então foram suas ‘roupas’ que Transcenderam, não você.]

Parecia que Mulack também havia percebido algo depois de olhar para o mundo único de Jaehwan.

[Mas como isso aconteceu…? Dar a outras ‘roupas’ o controle de seu espírito pode levá-lo para fora de seu corpo para sempre. Como você confiou nas roupas para fazer isso…?]

Mulack resmungou por um tempo e de repente caiu na gargalhada. Depois de um tempo, as risadas pararam tão repentinamente quanto começaram.

[Você é um homem lamentável. Sacrificou suas ‘roupas’ para manter seu ‘ser’? Você realmente precisava ir tão longe para fazer este mundo cair? O que fez você se tornar um monstro?]

— Este ‘universo’, incluindo você.

Jaehwan disse enquanto cerrava os dentes. Sua voz falhou por causa de seus gritos. As roupas que eram do próprio Jaehwan, mas também não eram Jaehwan, morreram por ele. Eles morreram para deixar Jaehwan permanecer como um ser, para que ele mantivesse o motivo de iniciar esta jornada.

No entanto, mesmo que esses sacrifícios o salvassem, Jaehwan não poderia derrotar Mulack.

Os ‘seres’ que tinham um motivo para destruir o Sistema não tinham poder suficiente para fazê-lo. Os ‘Transcendidos’ que tinham o poder de destruir o Sistema não tinham um motivo para destruí-lo, porque entenderam que não havia sentido no final.

Jaehwan se levantou com sua espada quebrada.

— Eu sou…

Ele não podia desistir agora. Mesmo que não tivesse Transcendido, mesmo que não tivesse o poder de fazer isso, tinha que ficar de pé. Ele nunca desistiu, só porque não tinha poder. Mesmo que perdesse ali, não desistiria. Isso era o mínimo de respeito que poderia pagar por suas roupas que morreram por ele.

— Eu sou…!

Foi então que uma voz veio.

—Ei, quer ajuda?

Jaehwan ficou pasmo. Foi uma das vozes que ouviu no ‘Fim do tempo’.

—Quero dizer, eu não quero, mas acho que vai ser estúpido se você morrer aqui.

“Você é…”

Oh, certo. Você deve estar curioso sobre quem eu sou. Eu sou, hmm… Vamos apenas dizer que eu estoquei por cem milhões de anos.

“O quê…?”

—Observe que são cem milhões de anos. Não cem milhões de vezes.

A mão direita de Jaehwan começou a tremer. Algo estava acontecendo com ela.

—EI! Todos vocês devem ajudar aqui! Vocês todos querem se fazer de bobos, porque transcenderam? Espero que não queiram se tornar o Grande Irmão! Droga, idiotas. Eles não respondem.

A voz continuou sozinha.

—Acho que sou o mais fraco dos dezesseis restantes, mas mesmo assim… Espera. Você deveria ser aquele a implorar. Olá, corpo original. Implore-me para assumir o controle de você para lutar em seu lugar.

Mas Jaehwan não podia. O espaço agora o pressionava para baixo.

“Esse…!”

Jaehwan percebeu que esse poder se originou do ‘Fim do tempo’. Era o poder que o prendeu por dez bilhões de anos. O poder do ‘Fim do tempo’ estava esmagando seu mundo único. Enquanto Jaehwan gemia em resistência, uma voz irritada veio.

Ah, droga! Isto não é o que eu imaginava.

Algo entrou em sua mão e ela começou a se mover por conta própria. Com algum tipo de luz brilhando intensamente, uma dimensão na frente havia se rasgado horizontalmente. Era o nível que Jaehwan não conseguia atingir, mesmo depois de milhões de anos de estocadas. Parte do Pan-óptico foi destruído e os espíritos dos Mestres Artesãos foram sugados. Mulack ficou chocado.

Despertar sexto estágio: [Editar]

Era a estocada final que foi repetida por cem milhões de anos.


Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar