Estamos testando algumas plataformas de anuncios, caso notem links suspeitos e direcionando forçadamente para páginas indesejadas nos avise através do formulário de contato.

Kill the Hero – Capítulo 5

Capítulo 5

Uma luz brilhante, brilhante demais para os olhos, lentamente foi se apagando e aos poucos uma floresta verdejante apareceu diante dos olhos do Kim Woo-jin.

– Uau!!

Depois de alguns segundos, um alvoroço começou atrás dele.

– Meu deus!!!

Os clamores vinham de Bang Joo-seop e seus companheiros, que estavam todos boquiabertos.

– Impressionante. Não parece que realmente estamos em outro mundo?

– Parece que estou em um jogo de realidade virtual.

– Jogos de realidade virtual não chegam nem perto disso, é impossível diferenciar isso da realidade.

Depois de todos os clamores, todos começaram a andar.

– Estamos em um lugar cruel onde as regras são bem diferentes da realidade na qual vivemos. Se alguém morrer aqui, provavelmente não conseguiremos nem mesmo recuperar o cadáver.

Bang Joo-seop, que estava falando, sacou sua espada da bainha que estava pendurada em sua cintura.

Brilhante!

O som da espada que ele tinha sacado da bainha era muito sinistro.

– Pessoal, fiquem alerta o tempo inteiro.

Bang Joo-seop, que brandiu sua espada, estava com uma expressão bem sombria.

Gulp!

Encarando essa situação, seu grupo respondeu acenando com a cabeça demonstrando nervosismo e engoliram suas salivas. Por outro lado, Kim Woo-jin estava calmo. Kim Woo-jin nem mesmo tentou disfarçar sua expressão. Ele não tinha nenhum interesse na situação atual ou no comportamento do Bang Joo-seon e seu grupo. O fato de que o Bang Joo-seon e seus companheiros estavam fazendo barulho o suficiente para alertar os goblins que estavam perto, não o preocupou, nem mesmo se importou com como o Bang Joo-seop estava arrogantemente brandindo sua espada para tentar acalmar os nervos de seus companheiros. Kim Woo-jin não tinha o menor interesse neles.

Era melhor assim.

Kim Woo-jin estava apenas interessado nas informações fornecidas pelo ambiente.

– Isso é uma árvore Dumpree. Sai bastante seiva dela. É uma floresta, mas há muitas encostas.

Identificar o terreno era o básico do básico das caçadas em masmorras.

– Vendo as pegadas deixadas pelos goblins perto daquela árvore… Eles devem estar em grupos de mais de três. Significa que tem bastantes goblins e analisando o terreno, eles provavelmente se acomodaram em um covil aqui perto. Também há traços de goblins por aquele lado. Mas o odor particular dos goblins não estava presente, querendo dizer que não havia goblins ali atualmente.

Então…

– Você disse que seu nome era Kim Woo-jin?

Bang Joo-seop perguntou ao Kim Woo-jin.

– Fiquei sabendo que essa é a primeira vez que está caçando e que costumava ser um mercenário.

Sem responder, Kim Woo-jin apenas confirmou com a cabeça.

– Então você provavelmente está acostumado com os comportamentos dos monstros. Poderia agir como um batedor?

Essa era a proposta do Bang Joo-seop. Não era difícil imaginar a verdadeira intenção por trás de sua proposta.

– Então ele quer me usar como isca, hein.

Bang Joo-seon pretendia usar o Kim Woo-jin como isca para atrair os goblins.

– Como esperado.

Tal proposta já estava dentro de suas expectativas. Kim Woo-jin já sabia que tipo de jogadores eles eram no momento em que se encontrou com eles. Não, para o Kim Woo-jin, haviam apenas dois tipos de jogadores: os que estavam determinados a salvar o mundo ou os que pretendiam somente devora-lo máximo que podiam.

Se o Bang Joo-seop e seu grupo estivessem dispostos a fazerem do mundo um lugar melhor, mesmo que um pouco, eles não teriam escolhido a Guilda Fênix.

– Acho que seria mais estranho da parte deles se fossem amigáveis comigo, considerando a maneira que agi.

Kim Woo-jin nunca demonstrou suas habilidades para o grupo; é esperado eles não terem nenhuma confiança ou segurança nele. De qualquer forma se o Bang Joo-seop fosse um pouco amigável, Kim Woo-jin suspeitaria.

– Tudo bem.

Apesar de suas intenções, Kim Woo-jin não tinha motivos para recusar.

– Como devo procurar?

Depois de ouvir essa pergunta, Bang Joo-seop respondeu tão rapidamente, como se já estivesse esperando por ela.

– Quero que procure por ali enquanto limpamos essa área. Você pode voltar aqui a qualquer momento se algo der errado.

– Entendi.

Esse foi o final da conversa. Era mais que o suficiente. Kim Woo-jin saiu do lugar e desapareceu, Bang Joo-seio se dirigiu para seus colegas e disse.

– Achei que ele iria resisti, mas isso foi surpreendentemente fácil.

Todos sorriram com sua afirmação.

– Não é?  Pensei que choraria e tentaria se agarrar a nós o máximo possível.

– Talvez estivesse feliz por ter recebido uma tarefa?

– Bem, acho que pode ter sido isso.

– Todos, vamos nos focar de novo, – Bang Joo-seop disse com uma séria expressão. – Ouçam, a partir de agora, estamos prestes a entrar em uma luta sangrenta.

A caça aos goblins tinha começado.

Os papeis dos jogadores eram determinados por suas auréolas. Podia se dizer que os Lutadores Imortais eram os guerreiros, os Guardiões dos Conhecimentos eram os magos e os Totens das Orações eram os sacerdotes. Mais de 80% dos jogadores tinham um desses três papeis, e como resultado, essas três classes se tornaram a composição padrão de grupos quando se tratava de tentar limpar uma masmorra. Basicamente, O grupo do Bang Joo-seop tinha um guerreiro a mais do que um grupo normalmente teria. A composição deles não tinha um problema em particular. Em teoria, era uma composição sem falhas graves.

Entretanto, como sempre, os problemas estavam nas pessoas em si. Bang Joo-seop percebeu isso no momento em que sua espada ficou presa no corpo do goblin.

Pu-ukk!

O golpe da espada tinha cortado quase até a metade do corpo do goblin. Foi uma demonstração impressionante de destreza e poder.

– Hã? Urg!

Tal poder se tornou uma fraqueza.

– Não… Não consigo tirá-la!

A espada foi fundo demais no corpo do goblin. Portanto, não podia ser facilmente removida.

– Merda! Merda!!

A situação inesperada o assustou e percebendo isso os goblins correram até o frustrado Bang Joo-seop.

Kaya!

– Aarrgh!

O goblin na frente do Bang Joo-seop colidiu com ele, fazendo ambos caírem no chão. Então, naquele momento, os outros goblins atacaram o Bank Joo-seop pelas costas… Os goblins tiraram proveito da oportunidade demonstrada. Um dos goblins acertou a cabeça do Bang Joo-seop com uma pedra que tinha na mão.

Kaang! Kaang!

Felizmente, o capacete do Bang Ju-seop mitigou o impacto dos ataques.

– Aarrrgh! Aaarrrgh!!

Entretanto, o raciocínio do Bang Joo-seio estava uma bagunça graças ao intenso som ressoando no seu capacete.

– Socorro! Alguém em ajuda!!

Bang Joo-seop gritou pela ajuda de seus colegas, que ainda estavam lutando contra outros dois goblins. Em resposta, o choro angustiado do Bang Joo-seop angustiou o coração de seus colegas.

– O que fazemos?

– Desse… Desse jeito ele não vai morrer?

Em vez de solucionar a situação, seu pedido por ajuda fez todos entrarem em pânico. Nessa situação, toda o aprendizado e treinamento que tinham recebido era inútil. Se não fosse pelos itens que tinham preparado… isso é: se estivessem como os primeiros jogadores que entravam nas masmorras, praticamente pelados, já teriam sido mortos pelos goblins. Em outras palavras, apenas tinham sobrevivido até agora graças aos seus itens.

– Seu goblin fodido de merda!

Bang Joo-seop e seus colegas finalmente conseguiram derrotar os seis goblins depois de 30 minutos de luta intensa. Eles imediatamente se sentaram depois de colapsarem em exaustão. Sem nenhuma reclamação ou conversa, começaram a descansar. Era uma pena que a masmorra não permitia nem mesmo isso.

Kieeehhh!

– O-o que foi isso?

– O que caralho tá acontecendo do nada?

A floresta transbordou com o grito de goblins.

Jogadores do tipo guerreiros normalmente começam com espadas como sua arma principal. Humanos tem muitos tipos de armas diferentes, mas a maioria das pessoas modernas preferem as espadas. Além disso, em jogos, filmes, desenhos e novels, espadas são sempre representadas com armas muito fortes. Para pessoas comuns que foram expostas para uma mídia assim, a espada é a mais forte, mais versátil e mais eficiente entre todas as outras armas.

Entretanto, na verdade, a espada como arma não é tão efetiva como as pessoas imaginam. Era ainda menos efetiva contra monstros de verdade. A distância para o monstro teria que ser encurtada, o que desafiava o senso comum. Kim Woo-jin não podia aceitar uma irracionalidade assim.

Ele não pretendia evitar um combate corporal contra os monstros, mas ele nunca iria entrar em uma luta contra monstros ridiculamente fortes a não ser que não tivesse escolha. Foi uma decisão sensata do Kim Woo-jin, escolher um chicote como sua arma. É claro, um chicote tinha suas próprias limitações e era até mais restrita que uma faca. Entretanto, se todas as condições para usar um chicote fossem atendidas, mostraria ser incomparavelmente mais efetiva que a maioria das outras armas. Kim Woo-jin comprovou esse fato lutando contra esses três Goblins.

Jjwaak!

A ponta do chicote gerava um som terrível enquanto cortava o ar.

Kieeehhh!

O som do estalar era seguido com o grito continuo do goblin.

Tuuk!

Entre os gritos estava o som do braço direito do globin caindo no chão. Foi como descrito O chicote cortou o braço do Goblin.

Kieeehhhh…
 
Esse era o poder do chicote. Era uma arma cortante. Kim Woo-jin pegou o chicote e balançou na direção do segundo Goblin.

Jjwaak!

O chicote produziu um som terrível quando acertou e cortou o estomago do Goblin.

Kieeehhh!

No momento em que o goblin começou a gritar, o estomago esbugalhado se abriu e seus intestinos começaram a vazar. O goblin caiu no chão enquanto segurava seu estomago e desmaiou.

Agora, só restava um goblin.

Kieee, Kieee!

O goblin que faltava só conseguiu gemer e gritar, foi incapaz de tomar alguma ação significativa.

Kieee!

Era porque o goblin não conseguia entender o ataque do Kim Woo-jin através de seu senso comum. Do ponto de vista do goblin, algo invisível do corpo do Kim Woo-jin voou e matou seus aliados. Então, ele não podia nem mesmo escolher fugir.

Kieee…!

O medo de algo invisível o cortar se ele virasse para correr fez o goblin se comportar como uma estátua. Kim Woo-jin balançou seu chicote contra o goblin.

Jjwaak!

Junto com o som da rajada do vento, o chicote decapitou o goblin.

Keck!

O terceiro goblin não conseguiu nem mesmo gritar enquanto caia no chão.


[Você subiu de nível.]


Uma notificação apareceu dentro da cabeça do Kim Woo-jin naquele mesmo instante.


[Você conseguiu o interesse do emissário do submundo]
[Conquista “O notado” foi liberada]


Kang Woo-jin também escutou outras novas notificações. Ao ler as notificações, uma das extremidades dos lábios do Kim Woo-jie sorriu.

– E pensar que conseguiria a atenção dele apenas com algo medíocre como isso…

O notado.

Literalmente significa que o jogador conseguiu a atenção de sua auréola. Uma simples explicação seria a de que ele é uma estrela em ascensão.

– Essa conquista é mais fácil de conseguir do que eu pensava.

Foi a segunda vez que o Kim Woo-jin tinha conquistado esse feito. Ele tinha conquistado isso mesmo quando ele tinha o Guerreiro Imortal como sua auréola.

– Aumenta os status do jogador em 1%.

Por esse motivo, ele não precisava checar o efeito da conquista.

– Janela de status.

E assim, Kim Woo-jin apenas abriu sua janela de status.


[Kim Woo-jin]
Nível: 2
Auréola: O Emissário do Submundo
Status: Constituição (11) / Força (2) / Mana (3)
Pontos não distribuídos: 3


Kim Woo-jin distribui todos seus pontos em constituição sem pensar duas vezes.

– Afinal de contas, seja agora ou mais tarde, você não pode fazer nada sem habilidades físicas.

Por isso ele pretendia investir todos seus pontos em constituição até mesmo no futuro.

– Lee Se-joon, isso vai ser ainda mais importante quanto eu lutar contra ele…

Além do mais, sua presa, Lee Se-joon, se gabava de ter a constituição mais poderosa do mundo.  Sem força física o suficiente, esqueça de tentar enfrentá-lo, seus dentes quebrariam assim que tentasse mordê-lo. Para enfrentar o Lee Se-joon sozinho, sua constituição seria a coisa mais importante para conseguir matá-lo. Afinal de contas, ele planejava enfrentá-lo sozinho.

– Quem em sã consciência iria me ajudar a matar o herói que está tentando salvar o mundo? Não, mesmo que encontrasse um colega, seria alguém em quem não poderia confiar. Não há ninguém no mundo com moral e sanidade que queira matar o herói.
– A distribuição dos pontos acabou.

Depois de terminar tudo que tinha para fazer, Kim Woo-jin se dirigiu até o último goblin, que tinha caído depois de tentar fugir quando seu braço foi decepado. O goblin caído reagiu ao escutar os passos do Kim Woo-jin.

Kieee…

Sua reação estava cheia de medo. Aparentava ser muito covarde e não parecia com um goblin que tentaria cravar os dentes em você até morrer.

– Como esperado de um item único.

Era graças ao efeito único do chicote do Campeão Goblin. Não existia opção melhor que o medo para caçar goblins. Na verdade, olhando as opções do item, definitivamente valeu o seu custo.  O efeito medo no chicote do Campeão Goblin era uma opção bastante cara. Se essa opção estivesse nas armas populares como espada, lança ou arco, Kim Woo-jin não conseguiria comprar a arma mesmo que se afogasse em dividas. Entretanto, pelo fato de pouquíssimas pessoas saberem como lutar usando uma arma como o chicote, que era muito difícil de controlar, ele conseguiu comprar.

Kim Woo-jin parou na frente do goblin aterrorizado e o encarou. Entretanto, Kim Woo-jin não o matou, pois a verdadeira caçada estava prestes a começar.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar