Participe do nosso novo grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação e veja os benefícios.

Lord of Mysteries – Capítulo 1117

A Organização Mais Forte

Enquanto as chamas tremeluziam, Derrick e companhia inconscientemente olharam para a longa mesa vermelha escura. A primeira coisa que notaram foi a figura mais próxima deles.

A pessoa usava um manto simples de linho e tinha longos cabelos prateados e traços faciais indiscerníveis. Isso fez com que Colin, Lovia e Derrick a achassem estranhamente familiar.

Em um instante, sentiram como se um relâmpago atingisse suas mentes, iluminando suas memórias embaçadas.

— Anjo do Destino, Ouroboros!

Assim que as pupilas da equipe da Cidade de Prata se dilataram, a figura se virou e olhou para eles.

Um par de olhos indiferentes imediatamente ocupou sua visão quando anéis misteriosos extraordinários apareceram.

Atordoado, Derrick viu uma figura à sua frente. Ele era um homem bonito, radiante e enérgico. Usava um manto branco puro e tinha cabelos dourados curtos.

Com sua aparição, o ambiente ficou anormalmente claro. A sensação calorosa era como um raio de luz, preenchendo instantaneamente todos os pontos.

Derrick sentiu como se tivesse visto o dia, conforme mencionado nas lendas, esquecendo momentaneamente onde estava ou o que estava fazendo.

O homem deu um passo à frente e sua figura embaçada se sobrepôs à de Derrick.

Então, Derrick sentou-se ao lado da longa mesa vermelha escura, ocupando uma das cadeiras de encosto alto.

Ele havia se tornado o homem bonito e radiante que participava de uma reunião secreta.

Ao mesmo tempo, o grisalho Chefe da Cidade de Prata, Colin, cujo rosto estava coberto de cicatrizes antigas, encontrou a mesma figura borrada e ilusória.

A figura tinha sete a oito metros de altura. Ele usava uma armadura prateada que cobria todo o corpo e seus olhos brilhavam como a luz do amanhecer.

Ele ergueu a longa espada na mão, deixando-a pressionar a testa de Colin Iliad como um cetro.

O Caçador de Demônios Colin lutou por um momento, mas rapidamente se acalmou quando foi envolvido pela luz laranja.

Com isso, ele e o gigante à sua frente se fundiram em um só. Ele caminhou em direção à mesa vermelha escura e sentou-se no segundo assento à direita.

A Pastora Lovia encontrou um homem com uma longa túnica preta. Ele tinha cabelos pretos cacheados sobre os ombros e um par de olhos que pareciam cobertos de sombras. Era difícil ver seu rosto com clareza, mas os fios prateados, os padrões complicados e os lindos acessórios refletiam-se diretamente em sua mente.

Lovia tremeu e não pôde evitar abaixar a cabeça, permitindo que as camadas de asas negras nas costas do homem a envolvessem.

Ela se tornou o homem e caminhou até o final da mesa vermelha escura.

Havia duas cadeiras de encosto alto com padrões complexos colocadas ali. Lovia escolheu o esquerdo.

Os demais membros da equipe de expedição da Cidade de Prata também encontraram situações semelhantes, mas os seres que enfrentaram eram diferentes.

Depois que eles encontraram seus assentos em ambos os lados da mesa vermelha escura, a área ao redor da cadeira vazia de encosto alto no assento de honra tornou-se mais escura, delineando uma figura feminina que parecia envolta em névoa.

Logo depois disso, uma voz que parecia transmigrar dos tempos antigos ecoou nos ouvidos dos participantes.

— … Estamos tentando nos redimir e também manter o equilíbrio deste mundo…

— … Dissociação e desvio são sem dúvida a ordem mais básica…

— … Isso também está de acordo com os Seus pensamentos…

— … Não posso negar que todos nós temos nossos próprios pensamentos e desejos sinistros, mas isso é muito normal…

— … A morte e o derramamento de sangue são inevitáveis. Em nome da Rosa da Redenção…

Acima da névoa cinza, Klein ouviu atentamente. Ele mal podia esperar para ouvir mais do conteúdo dito pela voz.

No entanto, fosse a cena ou a voz, tudo começou a girar. Era como se tivesse sido consertado apenas em um trecho com duração inferior a um minuto.

“Este é o cenário do estabelecimento da Rosa da Redenção? Anteriormente, o espírito maligno do Anjo Vermelho disse que esta era uma organização extremamente secreta estabelecida por um grupo de anjos corrompidos. Agora, parece que não é o caso… A pessoa que disse isso provavelmente não foi Medici, mas sim Sauron e Einhorn. Eles na verdade não sabiam muito sobre a Rosa da Redenção…” Klein murmurou interiormente enquanto olhava para a equipe da Cidade de Prata que estava repetindo as ações como marionetes — aproximando-se da mesa, sentando-se, ouvindo e saindo.

Quando as tochas ao redor do salão acenderam uma após a outra, Klein já havia encontrado algo incomum em sua verdadeira visão.

Ele viu os murais na parede ganharem vida e se expandirem rapidamente, sobrepondo-se ao salão. Isso fez com que a mesa, as cadeiras e os pisos que estavam frios há milhares de anos esquentassem novamente. Fez com que as figuras que outrora estiveram nesta reunião secreta ultrapassassem as fronteiras do tempo, revivendo nos seus assentos fixos, permitindo que as palavras do passado reaparecessem.

Muitas dessas figuras eram familiares para Klein.

Um deles foi o Anjo do Destino Ouroboros.

Este Rei dos Anjos, que ainda era membro da Rosa da Redenção, era o mais realista entre todas as figuras ilusórias.

Combinado com a forma como as cenas se repetiam, Klein começou a suspeitar que a pessoa que deixou os murais era o Devorador de Cauda Ouroboros.

“Nas ruínas do templo anterior, havia murais deixados por Ele, da mesma forma para as ruínas da batalha dos Deuses…”

“Na Corte do Rei Gigante, existem murais e sinais semelhantes desses poderes. Eu não acreditaria se alguém dissesse que não é Ele… Até que ponto esse Rei dos Anjos gosta de murais? Ele os desenha onde quer que vá…” Klein não pôde deixar de satirizar Ouroboros em sua mente.

A segunda figura que ele notou estava sentada ao lado do Anjo do Destino Ouroboros. Ele estava vestido com uma armadura preta que parecia salpicada de sangue. Tinha cabelos ruivos que lembravam fogo, parecendo jovem e bonito.

A razão pela qual ele prestou atenção a esta figura foi porque a viu em seus sonhos.

Além disso, isso também era a pessoa mais arrogante entre todas as figuras. Não apenas recostou-se na cadeira, mas também colocou os pés sobre a longa mesa vermelha escura. Não se importava que as pessoas ao redor fossem pessoas de alto nível do mesmo status.

Anjo Vermelho, Medici!

“Estes são os Reis dos Anjos que participaram da reunião secreta? Quem mais está envolvido…” Enquanto os pensamentos de Klein corriam, ele decidiu primeiro resgatar as pessoas da Cidade de Prata que não conseguiam sair dos ciclos circulares do destino.

Ele tinha muita experiência nesse aspecto.

“Sim, o meio para o loop é o próprio salão. No entanto, não há necessidade de tentar destruí-lo. Contanto que possa quebrar temporariamente o ciclo do destino, o crepúsculo lá fora se infiltrará e dissipará qualquer anormalidade… Eles pertencem ao próprio reino divino. Em termos de status, eles só podem ser mais fortes ou estar no mesmo nível do poder deixado por Ouroboros…” Depois de observar por alguns segundos, Klein rapidamente chegou a uma conclusão.

Depois de jogar uma moeda de ouro para uma adivinhação, imediatamente espalhou sua espiritualidade em direção à estrela carmesim que representa o Sol.

O Corpo Espiritual de Derrick Berg imediatamente rompeu o ciclo do destino, criando uma fenda invisível.

O brilho laranja da luz do crepúsculo fora do palácio imediatamente surgiu no corredor vindo da janela lá no alto.

Sem esperar que o Jovem Sol descobrisse sua situação, por medo de que o Verdadeiro Criador o prendesse, Klein não hesitou em deixá-lo retornar ao mundo real.

Derrick saiu do torpor e percebeu que, sem saber, havia se sentado ao lado da mesa vermelha escura.

Ele olhou inexpressivamente e viu o Chefe, a Anciã Lovia, Haim, Antiona e os outros. Ele percebeu que ainda havia certos traços de confusão em seus rostos.

Pensando em sua experiência agora há pouco, Derrick estava alerta enquanto deliberava e dizia: — O ciclo do destino…

— De fato. — Colin Iliad, que já havia experimentado isso antes, assentiu levemente e se levantou.

Ele olhou em volta e seu olhar pousou no maior mural que tinha visto recentemente.

O mural representava exatamente o mesmo salão. Havia colunas semelhantes, tochas, a mesa vermelha escura, cadeiras complicadas de espaldar alto e disposição de objetos.

Quanto às cadeiras de encosto alto, havia onze figuras sentadas nelas. Bem no final havia dois assentos e, ao longo da mesa, cinco à esquerda e quatro à direita.

Os olhos da equipe da Cidade de Prata também seguiram o Chefe e observaram a cena correspondente.

As cinco figuras à esquerda eram o belo homem de cabelos grisalhos; o homem ruivo e sentado arrogantemente; um velho usando um capuz que expunha apenas a boca, as rugas e a barba; um digno homem de meia-idade vestido com uma armadura preta; e um homem bonito vestido com vestes brancas.

Os quatro da direita eram uma múmia vestida de preto e envolta em bandagens; um homem de meia-idade com traços faciais que lembram os nativos do continente sul; um gigante coberto por uma armadura prateada; e uma mulher flexível, bonita e digna.

As duas cadeiras de encosto alto no final eram um homem com cabelo preto escuro e encaracolado e uma mulher envolta em névoa.

Naquele momento, um Guardião levantou a mão direita e apontou para o belo homem vestido de branco.

— Sua figura é composta de símbolos misteriosos. Esses símbolos representam:

— Anjo Branco, Aucuses…

Antes que o Guardião pudesse terminar sua frase, ele de repente soltou um grito trágico enquanto chamas douradas eram expelidas de seu corpo.

Ele instantaneamente se tornou um cadáver carbonizado, como se fosse reduzido a cinzas no momento em que fosse tocado. Isso fez com que o Caçador de Demônios Colin e a Pastora Lovia fossem incapazes de salvá-lo a tempo.

— Não tente distinguir esses símbolos. Eles contêm um poder imenso, — Colin avisou apressadamente aos outros.

E acima da névoa cinza, Klein estava pensando em outro assunto:

“Aucuses… Anjo Branco. Esse é o verdadeiro nome do Eterno Sol Ardente?”

“Se não fosse pelo fato de que a própria Corte do Rei Gigante se isola dos poderes projetados, apenas usar Jotun para ler este nome atrairá Sua atenção e incorrerá em punição divina…”

Em meio a seus pensamentos, o Caçador de Demônios Colin esfaqueou suas espadas na frente dele, criando uma barreira invisível.

Então, este Chefe da Cidade de Prata identificou os símbolos e padrões que formavam essas figuras.

Ele começou a ler lenta e firmemente da esquerda.

— Anjo do Destino, Ouroboros…

— Anjo da Guerra, Medici…

— Anjo da Sabedoria, Herabergen…

Neste ponto, a barreira invisível que tremia constantemente parou de repente. Isso porque esse nome não era estranho ao povo da Cidade de Prata.

Este era o verdadeiro nome do Dragão da Sabedoria!

“Será que o Dragão da Sabedoria mais tarde se tornou o Anjo da Sabedoria próximo ao Senhor?” Perguntas semelhantes surgiram nos corações de todos, mas Klein descobriu algo estranho.

A história da Cidade da Prata teve registros do nome Herabergen. A linguagem que usavam diariamente era o Jotun, uma linguagem que conseguia mobilizar as forças da natureza circundantes.

Isso também significava que, nos últimos dois a três mil anos, alguém na Cidade de Prata definitivamente havia lido ou escrito o nome Herabergen antes, mas não houve resposta do Deus do Conhecimento e da Sabedoria. A Igreja do Conhecimento e da Sabedoria ainda não conseguiu encontrar a Terra Abandonada dos Deuses.

Neste momento, Colin Iliad controlou suas emoções e continuou lendo: — Anjo do Vento, Leodero…

— Anjo Branco, Aucuses…

— Anjo Negro, Sasrir…

— Deusa da Noite, Amanises…

— Deus do Combate, Badheil…

— Mãe Terra, Omebella_

— Deus dos Mortos, Salinger…

— Deus das Criaturas Espirituais, Tolzna,

Embora Klein esperasse isso, ele ainda estava um tanto atordoado.

A antiga Rosa da Redenção era assustadoramente poderosa!

Entre as sete divindades de hoje, seis delas eram membros. Havia também a Morte, o Deus das Criaturas Espirituais, e três Reis dos Anjos.

Isso o fez lembrar o que o espírito maligno do Anjo Vermelho disse uma vez:

— A Rosa da Redenção tem uma relação estreita com o nascimento do Verdadeiro Criador. É impossível para você imaginar que certas pessoas já foram membros da Rosa da Redenção, mas desde então a deixaram…


Gostaria de ter sua novel favorita em PDF ou algum outro formato digital para ler offline?? ACESSE AQUI e saiba como!!

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar