Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

My legendary class is Husband of Deathwill Sisters?! – Capítulo 221

Irmã Mais Velha

Alex queria falar com Sara primeiro.

Sabia que devia ter sido muito chocante para a mamãe dullahan. Ela sempre acreditou em seu pai, esperando que ele pelo menos expiasse por seus pecados e consertasse os relacionamentos.

De todos os dullahans, o coração de Sara era o mais caloroso. Ela também suportava muita responsabilidade porque era a filha do rei humano e a princesa dullahan. Então, foi perseguida pela própria raça, que foi um erro do lado deles.

Alex queria suportar aquelas responsabilidades com ela.

Ele a encontrou numa das torres mais altas do castelo. Também era um dos locais secretos de Celia; para ser preciso, o terceiro local favorito dela. Sara sentou no topo da torre, suas pernas cruzadas acima do chão.

Um empurrar e ela voaria!

— Estou bem, Alex — Sara falou enquanto sentia a presença de Alex. Após sentar perto dela, Sara pegou sua mão, transmitindo seu estado. Ela não estava tremendo, nem estava fria. Era a mamãe dullahan normal, só perdida em pensamentos.

Alex olhou para o céu escuro e as montanhas à frente. Vários desafios os aguardavam atrás delas porque o Coveiro de Almas com certeza usaria seus subordinados para forçar o crescimento de Alex e das Irmãs Deathwill.

Ele sorriu: — Acredito em você. No entanto, qual é o seu plano?

Alex não pediu por um plano de batalha, mas sim um plano de Sara para sua família. Para suas palavras, Sara sorriu docemente. Ela o olhou nos olhos, então sussurrou palavras que não o surpreenderam.

Ele já teve uma conversa similar com Stella.

— Me esforçarei para ser uma esposa melhor. Sei o que tenho que fazer em meu mundo… Este castelo precisa de mais cores, mais pessoas e um ambiente melhor. Também me tornarei uma irmã mais velha melhor e preencherei o buraco deixado pelo meu pai egoísta.

— Seguirei os princípios do meu marido — Sara expressou seus pensamentos, acrescentando algo num tom tímido e baixo: — E quero que a Celia tenha um irmãozinho no futuro. Ele protegerá sua irmã mais velha e nos deixará orgulhosos.

— Ele nos conectará mais… — A voz de Sara ficou mais tímida a cada segundo, soando tão fofa que Alex nem pensou em discordar ou acrescentar seus próprios pensamentos. Se quisesse, a engravidaria agora mesmo.

Isso mostrava quanta influência Sara deixou nele com seu sorriso hipnotizante atual.

Após um tempo, sua mente clareou e passou o braço pelo ombro dela: — Que tipo de desculpa darei agora? Não posso usar a mesma que falei para a Stella.

Sara riu: — Te falei que quero no futuro. Não precisa de desculpas e temos muito tempo também.

Alex assentiu, ficando com Sara nesta posição íntima por muito tempo.

*****

Para fazer as coisas diferentes, Alex decidiu falar com Stella por último. Ele foi ao quarto de Schnee.

Ela estava em transe de novo, focando na caixa da sorte peculiar.

Alex viu que seus fios dourados estavam muito mais rápidos, e sua quantidade era relativamente abundante, como se seu ódio por seu pai a empurrasse ao limite.

Aquelas emoções pensaram no crescimento de todos, e uma guerra iminente no continente dos humanos e demihumanos seria o mesmo. Alex e suas esposas enfrentariam inimigos de alto calibre, ambos demônios famintos e jogadores.

Isso era o que Elias Deathwill queria. Tudo estava indo de acordo com seu plano, mas Alex e as meninas não sabiam disto.

E mesmo que soubessem, não se importariam demais. No final, aqueles eventos contribuíram para seu crescimento. Eles domariam sozinhos, aproveitariam todas as experiências e ficariam mais fortes, muito mais fortes que o mentor prévia.

Com seus sentimentos, eles superariam tudo.

Alex a observou. Então, deixou alguns petiscos para que Schnee soubesse da sua presença mais tarde. Também escreveu algo para ela, que eram simplesmente palavras de apoio.

Ele a encorajou com palavras simples.

E a última frase agradou e iluminou a esposa gata.

[Você estava certa sobre seu pai, Schnee. Sua personalidade direta e cautelosa nos salvaria no futuro se eu não o encontrasse a aprendesse sobre seu coração vazio.

Matá-lo seria uma salvação para ele, no entanto. Vamos despojá-lo de sua esgrima. Vamos fazer Elias Deathwill ser incapaz de empunhar uma espada pelo resto da vida.

Vou roubar sua esgrima e transformar na minha própria arma, assim como suas outras habilidades.

Vamos fazê-lo entender o que ele perdeu.]

*****

No quarto de Stella, a pequena dullahan estava fazendo seus movimentos. Ela colocou a linda rosa-branca no copo, encheu com água, então sorriu amplamente.

Ela mostrou seu trabalho duro para a tia alada.

Depois, correu pelo quarto para checar se estava tudo limpo.

Alex entrou exatamente nesse momento. Viu a rosa-branca e a pequena dullahan correndo feliz pelo quarto.

Alex a pegou em seus braços, o qual Celia não reclamou.

Eles sentaram na cama de Stella e Alex falou num tom feliz: — Sabia, Celia? Sabemos onde a mãe da Stella pode estar.

— Verdade?! — Os olhos de Celia brilharam: — Tia Stella ficará feliz!

— Eu sei, não é? — Alex riu.

Stella olhou para eles e assentiu.

E isso foi exatamente o que ela precisava. Ela só precisava do que tinha agora, suas irmãs, Celia e seu marido. Seria ótimo se sua mãe também pudesse se juntar se ela não tivesse encontrado uma nova felicidade.

E sabendo do coração de Alex, Stella não estava preocupada com o futuro de sua mãe, caso ela ficasse sozinha e sem ajuda.

Todos viriam ajudar.

Alex confirmou que Stella estava bem com todos os eventos, então saiu com Celia. Era hora de fazer alguma coleta de informação!

Ele saiu do jogo e ligou o computador.

Ele conversou com Tomo Homie também. Eles decidiram fazer uma pesquisa apropriada e chamar seus amigos para a guerra iminente.

Tomo Homie também previu que as guildas de heróis e vilões participariam da batalha. Ele fez uma pesquisa completa e até tentou contatar alguns.

Depois, Tomo Homie jogou uma bomba: — A irmã mais velha da Lily é uma líder das cinco maiores guildas. Eles também trabalham naquelas áreas, então podemos ter um bom aliado, mano.

Alex inclinou a cabeça: — Lily? Haha! Então vocês já devem ter se tornado um casal. Parabéns. E bem… não sabia que sua namorada tinha uma irmã.

Tomo Homie assentiu: — Também. No entanto, conheci ela. Ela fica no fundo, então não é tão conhecida quanto sua irmãzinha. Porém, o pai a elogia sem parar e a Lily também.

— Ela também conquistou uma masmorra sem ninguém saber nos estágios iniciais do jogo.

Alex ficou impressionado por esta mulher. Ele continuou assentindo para as palavras de Tomo Homie… E enquanto conversavam, Alex perguntou aos amigos sobre civis.

— Haverá um grupo de pessoas que quero caçar… E meu objetivo será proteger os civis como Deathwill.

Tom entendeu: — Sei.

Alex indagou: — Se eu te falasse que o Mundo de Avander é real, você conseguiria continuar jogando da mesma maneira?


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar