Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Second Life Ranker – Capítulo 543

Outra Sucessora (8)

Depois de terminar sua discussão com Kahn e Phante, Yeon-woo passou um tempo com Sesha antes de sair da vila à tarde. Claro que Yeon-woo teve cuidado para evitar que os membros da tribo percebessem sua partida. Aqueles malditos com certeza pediriam por mais sessões de treino e forçariam Yeon-woo a lutar contra eles de novo. Yeon-woo achava uma pena não poder instalar um portal direto para o mundo externo já que a vila era protegida por uma barreira.

Antes de sair da vila, Yeon-woo olhou para trás por reflexo. Por algum motivo, ele estava com um mau pressentimento em seu peito. ‘O esquema do assassinato.’ Sem Rosto e seus associados estavam em algum lugar planejando o assassinato. Parecia com uma ideia absurda. Agora que foram levados aos seus limites por Arthia, Sem Rosto e os outros pareciam estar fazendo um último esforço em vão. Não importaria quantas pessoas trouxessem, eles não seriam capazes de tocar em nenhum fio de cabelo na cabeça do Rei Marcial. Isso só era prova do quão forte o Rei Marcial era.

Yeon-woo podia garantir que não importava o quanto alguém procurasse pelos céus, seria difícil de encontrar alguém que fosse páreo para o Rei Marcial. ‘Mesmo despois de ter ficado mais forte, ainda não sei se consegui alcançar o Mestre.’

Quanto mais poderoso Yeon-woo ficava mais ele entendia a grandeza do Rei Marcial. Yeon-woo se consideraria sortudo só por ter a habilidade de lidar com a Tribo dos Unichifres, muito menos alcançar o nível do Rei Marcial.

Como resultado, quando Yeon-woo viu informações relacionadas a Sem Rosto na Biblioteca Changgong, e até mesmo quando Doyle relatou sobre seus movimentos, Yeon-woo não deu muita atenção a isso, mas não era como se ele não tivesse nenhuma preocupação.

Sem Rosto. Um cara com a alma do Deus da Espada teria uma boa ideia da força do Rei Marcial. Yeon-woo não conseguia entender por que ele resolveu executar um plano tão idiota. Será que ele possuía algo que o ajudaria? Mesmo se algo assim existisse, Yeon-woo ainda sentia que o Rei Marcial não correria perigo. Ainda assim, Yeon-woo não conseguia deixar de lado o mau pressentimento que estava sentindo.

“Médium Psíquica, você sabe de algo?” Yeon-woo perguntou para a Médium Psíquica, que o estava observando de algum lugar. Ela conseguia ver o lugar inteiro de onde estava e também possuía olhos que podiam ver o futuro.

『Claro que sei. Já que está relacionado ao meu marido, você acha que eu não verificaria?』

“Entendi. Tudo bem, então.” Assassinatos só tinham sucesso se o alvo estivesse despreparado ao invés de cauteloso. Somente depois disso que Yeon-woo conseguiu sair da vila com o coração mais leve.


『Que fofo. Mesmo não mostrando, ele está preocupado com o mestre. Ele é exatamente o que eu esperava de um genro. Você não concorda?』

O Rei Marcial estava sentado de pernas cruzadas em meditação quando a voz da Médium Psíquica ressoou em seus ouvidos, fazendo-o franzir a testa.

“Fofo, meu cu! Ele está mais preocupado em chegar em um ponto em que vai conseguir espancar o rosto do mestre.”

『Não foi essa a qualidade que te deixou interessado nele?』

O Rei Marcial sorriu. Ele não respondeu, mas a Médium Psíquica sabia que seu silêncio significava que ele via Yeon-woo de forma positiva. Antes de conhecer Yeon-woo, o Rei Marcial teve dois discípulos, mas ele os expulsou e os deserdou porque eles não corresponderam a suas expectativas.

Já que o Rei Marcial mantinha Yeon-woo como um discípulo, significava que ele tinha altas expectativas. Além disso, Yeon-woo estava progredindo tão bem quanto ele antecipou – na verdade, Yeon-woo estava excedendo suas expectativas. Yeon-woo possuía sabedoria, espírito de luta, ardor, ambição, um entendimento de atos benéficos mutualmente, vingança, um desejo por dominação e… um temperamento.

Por causa disso, o Rei Marcial não conseguiu evitar de sentir um pouco de pena de Yeon-woo.

『Você realmente não vai contar a ele?』

“Sim. Ele está ocupado com várias coisas, então não quero preocupá-lo mais. Não é como se predições estivessem sempre certas.”

Morte absoluta. “Então, eu definitivamente vou morrer…” O pensamento de que ele poderia não conseguir mais ver o quão longe seu discípulo chegaria, o quanto ele conquistaria… Quando pensou no futuro que o esperava…

Tch! O Rei Marcial estalou a língua.


Em algum ponto, um boato estranho começou a circular pela Torre: “Kahn e Phante formaram suas próprias facções!”

Arthia normalmente operava com uma estrutura incomum. Yeon-woo, o líder do clã, e um pequeno número de elites formavam o núcleo da liderança. Várias organizações afiliadas estavam conectadas à liderança como filiais. Diferente de outros grandes clãs que possuíam vários membros fortes no núcleo, Arthia operava mais como uma oligarquia com algumas pessoas governando a maioria. Como resultado, o poder era concentrado naqueles que eram mais ativos em conduzir atividades externas para o clã, como Kahn e Phante.

Os dois eram responsáveis por várias conquistas de Arthia, o que permitiu que o clã dominasse a Torre. Várias organizações e jogadores afiliados estavam naturalmente dispostos a impressionar esses dois membros do clã.

Kahn odiava ficar preso a algo, e Phante possuía uma atitude inflexível que não permitia que ele escondesse seu desprezo pelos fracos, o que significava que eles não tentaram criar facções antes. No entanto, Kahn passou a ficar menos ativo nas atividades do clã e estava começando a realizar reuniões com várias organizações e jogadores do clã.

Ele se encontrou com os líderes das organizações afiliadas a Arthia pessoalmente, desenvolveu amizades e frequentemente saía com outros rankers. Como resultado, as pessoas gradualmente se reuniram ao redor de Kahn, fazendo com que sua facção se formasse naturalmente, composta por pessoas influentes de várias áreas.

Por outro lado, Phante liderava vários jogadores através dos desafios principais de cada andar e, apesar de sempre ser arrogante e desprezar os outros, ele ganhou admiradores que gostavam se sua atitude machista e começaram a segui-lo como se ele fosse seu mestre.

Portanto, Arthia foi gradualmente dividida em duas facções. A fação de Kahn, um homem de espírito livre, era chamada de facção do Falcão, e aqueles que seguiam Phante, alguém que gostava de causar destruição, eram conhecidos como a facção do Tigre. Apesar dos limites entre as facções não estarem totalmente determinados, em algum ponto, os confrontos entre Kahn e Phante começaram a sério.

Eles brigavam durante discussões do clã sobre como suprimir o Dragão Branco e até acabaram com uma luta de espadas uma vez. Felizmente, Doyle interferiu e impediu que a luta ficasse pior. Mas os dois viraram as costas um para o outro e disseram que não conseguiam mais aguentar o outro. Já que os dois nunca se deram bem, várias pessoas preocupadas com o clã sentiram que a situação parecia com um barril de pólvora prestes a explodir a qualquer momento.

As duas facções ficaram atentas uma com a outra e começaram a estabelecer seus limites.


Em algum ponto, Kahn começou a contar para aqueles próximos dele sobre sua insatisfação com Arthia. “O Phante é um idiota. Na verdade, ele é só um filhinho de papai que não sabe de nada sobre o mundo lá fora e que causa problemas só porque tem a proteção do pai.”

“O líder do clã também não aparece muito… Isso parece meio estranho.”

“Arthia também tem membros demais. Está cheio de inúteis no clã. Precisamos diminuir os membros e nos reorganizar.”

“E a personalidade do líder do clã? Ninguém fala nada porque todos nós sabemos como a personalidade dele é ruim.”

Inicialmente, os membros estavam com medo de revelar suas reclamações, mas conforme Kahn continuou a expressar suas insatisfações, eles ficaram mais corajosos e tagarelas. Pouco a pouco, eles se livraram do medo absoluto que Yeon-woo induziu neles e começaram a abrir os olhos aos seus desejos.

Um por um…


Depois de algum tempo, Kahn começou a receber ofertas estranhas através de fontes obscuras.

“Por favor, pode vir nos procurar no futuro. Se precisar de algo, é só nos dizer.”

Primeiro, começou com subornos.

“Vamos discutir os direitos e lucros desse andar…”

Não muito tempo depois, outros pedidos começaram a aparecer, incluindo aqueles que lidavam com os segredos de Arthia. Em público, Kahn fingia como se tudo estivesse normal, mas, por trás das cenas, ele começou a vazar informações. Os planos de se livrar de rebeldes internos algumas vezes acabavam falhando.

Vários membros do clã expressavam suas opiniões dizendo que Kahn tinha mudado e que agora era um perigo para o clã, mas sua posição era tão forte que a maioria do que diziam era ignorada.

Um dia, uma proposta secreta apareceu de repente.

“Hmm?” Enquanto organizava documentos em seu escritório sozinho tarde da noite, Kahn pegou sua Espada Sanguinolenta rapidamente quando sentiu algo estranho ao redor dele, mas uma lâmina sombria apareceu abaixo de seu queixo antes que ele pudesse assumir uma postura defensiva.

‘Forte!’ A expressão de Kahn se enrijeceu quando ele percebeu que deveria levar o oponente a sério. “Quem é você?” Se a pessoa tivesse vindo para assassiná-lo, a lâmina não teria parado onde estava.

『Você é uma pessoa atenciosa, como fiquei sabendo. Foi a decisão certa ter vindo visitá-lo ao invés de Phante.』O dono da lâmina sombria se curvou enquanto puxava sua arma de volta.『Meu nome é Narc e sou da Aliança de Mercadores Krancia.』

“Aliança de Mercadores?” Kahn bufou. O cara que apareceu de repente no meio da noite com o rosto coberto por uma máscara estava dizendo que era um mercador? Até um cachorro riria disso.

『Eu sei o que você está pensando, mas o fato de que somos uma aliança de mercadores não muda nada.』

“Ótimo. Um mercador inferior como você deve ter vindo aqui por algum motivo. Que tipo de oferta você quer fazer?”

『Quero comprar algumas informações de você.』

“Informações?”

『Sim. Quero informações sobre o líder do clã Arthia, o Rei Sombrio.』

A expressão de Kahn se enrijeceu. “Por que você quer informações sobre aquele maldito mal-humorado? Ele não faz nada já faz um tempo.”

O intruso mascarado arregalou os olhos com o modo rude que Kahn usou para se referir ao líder do clã. Parecia que os boatos sobre Kahn estar bastante insatisfeito com o líder do clã, o Rei Sombrio, eram verdadeiros.

『Os seus sentimentos são o motivo exato do porquê eu preciso dessas informações. No futuro, os movimentos dele vão influenciar o estado das coisas na Torre. Acreditamos que ele está preparando algo durante esse tempo de inatividade, então a nossa aliança gostaria de saber o que o Rei Sombrio está fazendo, mesmo que seja só uma pequena informação. Você pode nos ajudar?』

“Não.”

『Parece que você ainda está desconfiado de nós, então…』

“Não. Eu também queria te ajudar.”

『Hmm?』O homem mascarado inclinou a cabeça como se não tivesse entendido o que Kahn disse.

“É porque aquele maldito mal-humorado está vendo tudo isso.” O homem mascarado ficou assustado e tentou rasgar o pergaminho de portal que carregava no peito.

“Urgh!” De repente, algo saiu da sombra do homem, esmagou sua espinha e perfurou seu peito.

Kahn riu enquanto observava a cena. Foi só então que o homem mascarado percebeu que ele estava atuando o tempo todo. Swish! Mas o homem não teve muito tempo para pensar. Quando a sombra se moveu novamente, sua cabeça foi cortada. Yeon-woo apareceu acima da sombra e interceptou a alma do homem mascarado, que estava prestes a sair de seu corpo.

「Argh! Aaah!」

Yeon-woo começou a queimar a alma do homem mascarado usando sua habilidade de Fornalha do Purgatório. Enquanto a alma se contorcia de dor, ela cuspiu vários pensamentos antes de se tornar somente restos que foram sugados para dentro da Coleção de Almas de Yeon-woo.

“E então?”

Quando ouviu a pergunta de Kahn, Yeon-woo chacoalhou a cabeça.

Kahn estalou a língua. “De novo, não são eles? Merda!”

A revolta de Kahn e Phante fazia parte dos planos de Yeon-woo para atrair o Mar do Tempo, mas eles não estavam mordendo a isca e continuavam na surdina.

Enquanto isso, Yeon-woo conseguiu alguns benefícios colaterais inesperados, como descobrir quais membros do clã estavam insatisfeitos com Arthia e quais nem mereciam ser membros. Ele também descobriu algumas associações e organizações secretas que foram formadas evitando a rede de informações de Arthia.

Doyle já havia criado uma lista negra e estava planejando cuidar de todos eles de uma vez depois, mas Yeon-woo estava irritado que o plano estava demorando tanto para dar certo já que tinha várias outras coisas para fazer.

“Além disso, Kahn…”

“Huh?”

“Quem que você estava chamando de maldito mal-humorado?”

“Heh. Eu só disse aquilo pra enganar ele.” Como se já tivesse antecipado a pergunta, Kahn usou um pergaminho de portal para sumir dali.

Yeon-woo franziu a testa quando foi deixado sozinho no escritório.


‘Acho que vou ter que continuar observando um pouco mais.’ Ele acreditava que o Mar do Tempo já tinha se infiltrado profundamente em Arthia. Já que era virtualmente impossível pegá-los rápido assim, Yeon-woo decidiu prosseguir calmamente com o plano, não importava o quão impaciente ele se sentia.

Além disso, ele tinha trabalhos para fazer nesse meio-tempo. ‘Recuperar o Tártaro.’ Era a vez dele de resgatar os deuses do Olimpo, que estavam esperando por ele em algum lugar lá embaixo.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar