Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Shadow Slave – Capítulo  1105

Passo a Passo

Traduzido usando o ChatGPT



A reunião estratégica se arrastava. Os emissários dos grandes clãs pareciam estar bem cientes da situação no continente infectado – na verdade, pareciam ter uma imagem mais clara do que estava acontecendo do que mesmo Sunny – mas seu entendimento das nuances da campanha na Antártica era puramente teórico.

Apenas Sky Tide e Dire Fang possuíam conhecimento prático do que significava lutar contra a terra que estava sendo devorada lentamente por uma maré de pesadelos. Os outros teriam que se atualizar rapidamente.

Ainda assim, eles não eram pessoas inexperientes. Whispering Blade, especialmente, era um veterano de muitas guerras – ele havia liderado os Cavaleiros da Valor em muitas regiões selvagens do Reino dos Sonhos, passando anos em campanhas longas e angustiantes para expandir as fronteiras do território humano nesse mundo inóspito.

Dessa perspectiva, era fácil entender por que Anvil havia escolhido seu irmão para liderar a conquista da Tumba de Ariel.

Beastmaster era pelo menos uma década mais jovem que Santo Madoc, mas parecia não ser menos uma tática experiente. Sua reputação exaltada não surgiu do nada, afinal. As terras controladas pelo clã Song podem não ter se expandido tão dramaticamente quanto as governadas por Valor nas últimas duas décadas, mas cada região que conquistaram tinha sido um inferno muito mais terrível de superar.

A tentadora Santa era surpreendentemente tranquila e cordial. Sunny esperava que ela fosse arrogante, distante e inacessível, mas ela era na verdade muito descontraída. Sua voz rouca era agradável aos ouvidos, e seus lábios vermelhos se curvavam rapidamente em um sorriso pequeno, mas brilhante.

Aquele sorriso era absolutamente sedutor.

Seishan na verdade não era muito mais jovem que Beastmaster. Embora não fosse uma Santa, ela havia passado mais tempo enfrentando os horrores do Reino dos Sonhos do que a maioria dos Transcendentes – uma década sobrevivendo na Costa Esquecida a qualificava para participar dessa reunião.

O mesmo valia para Nephis. Ela pode não ter permanecido lá por tanto tempo, mas sua conquista singular de sobreviver por quase dois anos de solidão em uma das regiões mais terríveis do Reino dos Sonhos, eventualmente escapando através de uma Semente do Pesadelo, lhe rendeu algum respeito de todos presentes na sala de estratégia.

Quanto a Morgan… ninguém, exceto Madoc, sabia muito sobre suas conquistas e experiências, mas também não duvidavam de sua competência. Sua mente era tão afiada quanto seus olhos, e seu conhecimento de guerra e estratégia parecia quase sobrenatural.

O sangue do Deus da Guerra corria em suas veias, afinal. Sunny não ficaria surpreso se a Princesa da Valor acabasse sendo a estrategista mais talentosa entre todos eles.

Portanto, cada um deles era mais do que capaz de absorver rapidamente as novas informações sobre os perigos e nuances da Cadeia de Pesadelos.

…Exceto pelo homem sombrio e modesto, que havia sido apresentado como Ascendido Bast. Até mesmo seu nome era monótono e fácil de esquecer.

Pelo que havia sido dito sobre ele, Ascendido Bast era simplesmente um retentor do grande clã Song. Ele fazia parte do grupo de avanço deles por causa de um Aspecto de Utilidade raro e útil.

Ninguém acreditava nessa explicação, porém.

Sunny e Jet haviam sido relegados ao papel de observadores silenciosos, mas mesmo assim falavam de vez em quando, respondendo perguntas ou compartilhando suas experiências pessoais de lutar na linha de frente. Bast, no entanto, não havia dito uma única palavra desde o início da reunião, permanecendo placidamente em um canto e observando os acontecimentos com calma relaxada e indiferença.

‘…Como um gato brincando com um rato.’

Sunny nunca tinha visto um gato, mas havia conhecido alguns ratos na periferia. No que dizia respeito a vermes, os ratos eram bem assustadores… então uma criatura que fazia um hobby caçá-los e torturá-los devia ser realmente aterrorizante.

Ainda assim, havia um limite para quanto tempo ele poderia ficar olhando para o sombrio Mestre.

A discussão que Wake of Ruin estava tendo com os emissários dos grandes clãs não era tão interessante. Claro, muitas coisas importantes estavam sendo discutidas, mas Sunny já sabia a maioria delas. O resto ele poderia absorver alocando uma pequena parte de sua mente para a tarefa, o que era facilitado ainda mais pela [Bênção da Mente].

Eventualmente, seus olhos se fixaram em Nephis.

Sunny ficou por um tempo, então perguntou a ela através da ligação mental:

[O que você está planejando fazer?]

Ele sabia o que os grandes clãs queriam. Ele sabia o que o governo queria. Definitivamente, ele sabia o que as Criaturas dos Pesadelos queriam, e até certo ponto ele sabia o que ele mesmo queria.

Estrela da Mudança, no entanto, era um mistério. Seu objetivo final era absolutamente claro, mas aqui e agora? Sunny não tinha certeza do que Nephis queria obter da Antártica.

Ela olhou brevemente para ele, depois aparentemente voltou sua atenção para a discussão sobre qual força seria responsável por qual área da Antártica Oriental.

Sua resposta veio alguns momentos depois e foi muito simples:

[…Sobreviver.]

Sunny inclinou um pouco a cabeça.

[Resposta bem sóbria vindo de você. Onde está a verdadeira Nephis e o que você fez com ela?]

O canto de sua boca tremeu para cima. Essa pequena mudança era tão sutil que ele duvidava que alguém além dele a tivesse notado.

Nephis ficou por um tempo. Eventualmente, ela falou – ou melhor, pensou – em seu tom habitualmente equilibrado:

[Sunny… você não acha a vida muito estranha?]

Sunny piscou.

‘O que deu nela?’

Ele não estava acostumado a ouvir tais perguntas de Nephis.

[Sim, claro. Por quê?]

Ela manteve sua aparência calma, fingindo prestar atenção na conversa sobre a disposição das forças dos clãs, enquanto respondia:

[Você passou por muitas coisas nos últimos seis meses. O tempo antes disso deve parecer uma vida atrás para você. Mas para mim… quando eu acordo, ainda acho que estou no Pesadelo, às vezes. Para mim, parece que eu estava perdida no Reino dos Sonhos ontem.]

Estrela da Mudança pausou, depois continuou após alguns momentos:

[Mas eu não estou. Agora sou membro do clã Valor, tenho minha própria Cidadela e dezenas de Despertos prontos para seguir minhas ordens. Isso… foi ontem. Hoje, estou no Quadrante Sul, me preparando para travar guerra tanto contra incontáveis Criaturas dos Pesadelos quanto contra os melhores do clã Song. Beastmaster está aqui, sorrindo educadamente para mim. Whispering Blade também está aqui, observando cada movimento meu. Tudo isso… é um pouco avassalador.]

Ela virou a cabeça e olhou para ele, seus olhos cinza claros parecendo um pouco… sobrecarregados.

[Então, meu plano é dar um passo de cada vez. Um pequeno passo após o outro, até que todos os meus inimigos estejam mortos. E é por isso… meu primeiro passo é sobreviver.]

Nephis balançou a cabeça, então olhou de volta para o mapa da Antártica Oriental, que estava sendo atualmente dividida entre Valor, Song e o governo.

Alguns momentos depois, sua voz ressoou em sua mente mais uma vez, dessa vez com um toque de diversão.

[…Por que você acha que sobreviver a essa confusão será fácil? Não será.]


Comentários

5 3 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Beiceta
Membro
Beiceta
4 dias atrás

Sunny: Oi!
Ascendido “Bast”: Oi!
Sunny: Tu é o Modret né?!
“Bast”: Eu? Eu não!
Sunny: Tem certeza?
“Bast”: opa! Claro!
Sunny: Para com isso cara. Tu é o Mordret sim!
“Bast”: Não! Não, sô nada!
Sunny: Ó! Tô ligado em Mordret!
“Bast”: Q isso man, sou o… Bast! Isso… é… Bast! Quando nasci já era.
Sunny: Jura?!
“Bast”: De pé junto
“Então tá…”
Haha, depois do duelo de blefes no segundo pesadelo achei esse muito mais dinâmico kkkk

Confiamos em vc Ascendido Bast!

Última edição 4 dias atrás por Beiceta

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar