Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  1289

Coroa do Crepúsculo

Traduzido usando o ChatGPT



‘Uma ferramenta…’

Sunny não se importaria de receber uma arma ou uma armadura, mas uma ferramenta também poderia ser incrivelmente valiosa. Afinal, ele já tinha o Pecado do Consolo – a espada de jade era apenas do Rank Transcendente, mas ainda possuía a capacidade de cortar a carne das Grandes Criaturas do Pesadelo, embora com algum esforço. Era apenas que Sunny tinha que criar uma oportunidade para usar essa habilidade primeiro.

Ele também tinha o Manto e o Sudário do Crepúsculo, e embora nenhum deles fosse durável o suficiente para resistir a um ataque de uma criatura como a Serpente Azure, esse problema poderia ser resolvido não sendo atingido.

Tanto a falta de uma arma adequada quanto a ausência de uma armadura adequada poderiam ser resolvidas. Uma ferramenta poderosa, por outro lado, daria a Sunny mais maneiras de encontrar a solução. Então, ele não ficou decepcionado.

Sentindo tanto o suave balanço do ketch quanto a silenciosa quietude de seu Mar da Alma, Sunny continuou a estudar as runas. Ele esperava que a descrição da Coroa do Crepúsculo respondesse algumas de suas perguntas.

Dizia:

Descrição da Memória: [Houve um rei que governava sobre uma terra moribunda. O rei era valente e sábio. Recusando-se a abraçar o desespero, ele pensou em um plano audacioso, reuniu seus companheiros e enfrentou o deserto sem fim para entrar na Tumba de Ariel, onde o Grande Rio fluía incessantemente do futuro para o passado. Assim, o valente rei tornou-se um guia que protegia seu povo em seus pesadelos.

Eles construíram uma cidade à beira da aurora e reuniram um exército para derrotar o que estava profanado. No entanto, no final, o exército foi destruído, a cidade foi perdida, e o valente rei sucumbiu à loucura.

Consumido por ira e ressentimento, ele se transformou em uma besta sem mente e percorreu o Grande Rio por incontáveis anos. Nada podia resistir à sua fome e fúria… até que, um dia, o rei louco encontrou uma sombra traiçoeira.

“Mas o que você sabe?” disse a sombra. “Você acha que é tão especial? Eu também conheço a fúria. Eu também conheço a fome. Eu também conheço a loucura! Ah… e eu já matei muitas criaturas mais poderosas do que eu. Quem é você para ousar me enfrentar, besta?”

“Eu sou Perdido da Luz, que nasceu das sombras. Sou o herdeiro legítimo da morte e o filho bastardo do destino. Onde quer que eu vá, a ruína segue. Se você tivesse algum juízo, teria fugido assim que me visse.”

E, fiel à sua palavra, o traiçoeiro Perdido da Luz lutou contra o rei louco, eventualmente se tornando sua perdição.

Foi assim que o rei que sobrevivera à sua terra morreu.]

Sunny piscou algumas vezes.

‘O que…’

Parecia que o Feitiço… tinha realmente gostado de seu recente desabafo. Ele até o incluiu, palavra por palavra, na descrição da Coroa do Crepúsculo!

‘Ah, não…’

Ele olhou para baixo e cobriu o rosto com uma mão.

‘Ah… tão embaraçoso!’

Nephis já tinha lido isso?

Lutando contra o desejo de cair pelo convés do ketch e se afogar, Sunny respirou fundo e concentrou-se na descrição. Ainda havia muitas informações contidas nas runas cintilantes que ele precisava ponderar.

‘Então, Daeron veio de fora da pirâmide. Ele até lutou pelo Deserto do Pesadelo, em vez de entrar em uma Semente.’

Não havia dúvida sobre isso, já que aqueles que haviam conquistado um Pesadelo de um Rank específico não podiam entrar em nenhuma Semente do mesmo Rank novamente. Então um Soberano não seria capaz de desafiar um Terceiro Pesadelo.

Bem… na verdade, havia alguma dúvida. Nada sobre a Tumba de Ariel e esse Pesadelo em particular era normal. Ainda assim, Sunny acreditava que estava certo. Daeron deve ter chegado à Pirâmide Negra e entrado no verdadeiro Grande Rio, em oposição a uma versão dele recriada pelo Feitiço.

Essa próxima parte, no entanto, não fazia sentido algum. Ele se tornou um guia que protegia seu povo em seus pesadelos? O que isso significava?

Sunny ficou imóvel por um tempo, depois franziu a testa.

A resposta mais óbvia… também era a mais confusa. O Feitiço criava Pesadelos com base no passado. O Grande Rio, no entanto, existia simultaneamente no passado, no presente e no futuro. Então, se Daeron realmente tivesse entrado na verdadeira Tumba de Ariel… ele estaria presente em qualquer recriação do Grande Rio conjurada pelo Feitiço.

Portanto, se seus súditos desafiassem uma Semente conectada à Pirâmide Negra, seu Soberano estaria esperando por eles do outro lado, para ajudá-los a conquistá-la.

‘Se eu estiver certo… então foi realmente um plano audacioso.’

Havia apenas um problema gritante com essa teoria.

Era que as Sementes dos Pesadelos e os Próprios Pesadelos não existiam no passado antigo do Reino dos Sonhos. Nenhum explorador jamais descobriu sinais de que seus habitantes humanos possuíssem conhecimento dos Pesadelos, e Noctis também não sabia nada sobre eles.

Então como Daeron poderia ter elaborado um plano para usar a singularidade do Grande Rio para ajudar seu povo a Transcender através de um Pesadelo, se não houvesse Pesadelos naquela época ainda?

Por outro lado… Ananke era de uma época em que a semente do Feitiço já existia. Concedido, aquela época foi no início da guerra entre os demônios e os deuses, então Daeron não poderia ter vivido muito depois – aquela guerra foi o cataclismo do qual ninguém escapou.

‘Argh, tão confuso…’

De qualquer forma, o plano de Daeron falhou. Embora muitos de seus súditos tenham conseguido se juntar a ele dentro da Tumba de Ariel, eles morreram tentando destruir “aquilo que foi profanado”… seja lá o que fosse.

‘Na verdade, essa frase é talvez a informação mais importante de toda a descrição.’

Era importante, de fato… porque insinuava o objetivo do Pesadelo. O que também significava que Sunny, Nephis e os outros membros da coorte teriam que ter sucesso onde o antigo Soberano e seu exército falharam.

‘Ótimo.’

Sunny sentiu um pouco de temor diante da perspectiva… mas, ao mesmo tempo, também se sentiu um pouco aliviado. Pelo menos ele sabia agora que não precisariam realmente procurar o estuário místico do Grande Rio para retornar ao mundo desperto.

Eles só precisavam matar algo que nem mesmo um Soberano havia conseguido matar.

Ele teria que discutir isso com Nephis.

Enquanto isso…

Ele ainda não havia aprendido o que sua nova e reluzente Memória Suprema poderia fazer.

Olhando novamente para as runas cintilantes, ele leu:

Encantamentos da Memória: [Legado do Crepúsculo], [Ressentimento do Rei], [Promessa Real]…


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

5 3 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
3 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Wan
Visitante
Wan
12 dias atrás

Velha serpente💔

Newton borges do carmo
Membro
Newton borges do carmo
14 dias atrás

Ainda acho que o feitiço em si é um ser vivo

SandyD
Membro
Sandy
23 dias atrás

Hm…

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar