Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  129

Consolo

Traduzido usando o ChatGPT



Após a revelação chocante sobre a futilidade cruel de sua longa e árdua jornada para a Cidade Sombria, o desejo de chegar ao prometido castelo que os mantinha motivados diminuiu significativamente. No entanto, ainda queriam chegar lá o mais rápido possível. Havia um pequeno resquício de esperança que ainda ardia no coração de Sunny. Talvez… talvez Effie estivesse mentindo para eles, ou errada sobre tudo.

De alguma forma.

No entanto, ele não acreditava realmente nisso. A bela caçadora parecia sincera e competente, se um pouco excêntrica. Mais do que isso, suas palavras faziam muito sentido.

Mas Effie não tinha pressa para deixar a torre de granito.

“Não há luz do dia suficiente para percorrer tanta distância. Passar pelas ruínas é uma provação lenta. Fiquem confortáveis e descansem. Partiremos amanhã ao amanhecer.”

Depois disso, ela ocupou-se em limpar as carcaças dos monstros com uma longa faca que apareceu em sua mão. Ela até invocou uma Memória que parecia um avental de couro para evitar sujar sua túnica com sangue. Assobiando uma melodia animada sob o nariz, a vigorosa jovem parecia um chef gourmet entusiasmado.

Nephis, Sunny e Cassie não estavam com vontade de conversar. Cada um deles sentou-se sombriamente sozinho, tentando digerir a terrível realidade de sua nova situação.

Sunny estava completamente desanimado.

Sentia como se alguém tivesse retirado as baterias de seu corpo, deixando-o sem força ou vontade de fazer qualquer coisa. O mundo havia se tornado sombrio e cansativo.

‘É assim que a esperança funciona.’

Ele nem mesmo tinha motivação suficiente para ficar com raiva. Era como se… como se tivesse corrido uma maratona exaustiva e cruzado a linha de chegada, apenas para descobrir que havia outra corrida esperando por ele do outro lado.

De fato, ele teria que continuar correndo para sempre.

Ele nunca mais encontraria a Mestra Jet e o Professor Julius para agradecê-los pelos conselhos e ensinamentos que o ajudaram a sobreviver e talvez retribuir sua bondade. Ele nunca se tornaria um Desperto e aprenderia mais mistérios de seu estranho Aspecto. Mais importante ainda, seus sonhos de se tornar rico e passar o resto da vida em conforto também não se concretizariam.

O que doía mais.

‘É óbvio.’

Desanimado, ele fez um esforço para encontrar algum consolo nesse desastroso fracasso.

‘Bem… se você pensar sobre isso… eu ainda estou vivo. Isso tem que valer alguma coisa, certo?’

Sua sombra olhou para ele, não totalmente convencida.

“Além disso, posso facilmente ficar vivo no futuro previsível. Sim, a imagem geral mudou para pior, mas nossa situação imediata melhorou bastante. Estamos a salvo da ameaça constante de afogamento ou sermos devorados pelos habitantes do mar escuro profundo. Também encontramos uma forte comunidade de humanos.”

Não importava como as coisas eram administradas no castelo, havia centenas de pessoas vivendo lá. Números e experiência significavam tudo no Reino dos Sonhos. Ao se tornarem parte de um coletivo humano, eles iriam eliminar a maior parte dos fardos que haviam estado silenciosamente esmagando-os todo esse tempo. Comparado com a infernal via crucis do Labirinto, a vida no castelo seria como um sonho.

Se eles estivessem dispostos a se submeter ao seu mafioso mestre, é claro. Se Sunny estivesse sozinho, provavelmente faria isso. Agora, no entanto…

Mas mesmo que eles se recusassem, ainda havia o assentamento externo. Effie parecia estar muito bem como caçadora independente. Ela nem parecia miserável.

‘Na verdade, ela pode ser a pessoa mais contente que já vi. Sério, como ela pode ser tão descontraída e alegre? Ela é louca?’

Ele lançou um olhar lateral para a caçadora absurdamente alta e franzindo a testa.

‘Bem, vamos ponderar sobre isso. Ela tem um teto sobre a cabeça e um suprimento ilimitado de comida deliciosa, desde que ela mesma a cace. Isso já é melhor do que minha vida na periferia.’

Pensando bem, ficar na Cidade Sombria pelo resto de sua vida não era como ele havia imaginado seu futuro, mas não era tão diferente de lutar para sobreviver nos cortiços do mundo real. Na verdade, em muitos sentidos, era muito melhor. Então, talvez, a situação parecesse tão ruim não porque realmente fosse, mas porque simplesmente não se encaixava em suas expectativas infladas.

Talvez Effie não esperasse nada da vida, e por isso era tão feliz e animada mesmo no meio desse inferno odioso.

‘Sim… deve ser isso. Problema resolvido. Fácil.’

A sombra balançou a cabeça e virou-se. Sunny suspirou. Apesar de sua tentativa meio racional de encontrar o lado bom dessa calamidade, ele não se sentia melhor, de jeito nenhum. Na verdade, pensar sobre o quão inevitável e sombrio era o futuro deles só o deixava mais cansado.

De repente, sua pele se arrepiou. A sensação familiar de medo e desconforto invadiu sua mente, mas agora era muito mais profunda e invasiva.

A sombra do Pináculo Carmesim havia caído sobre a Cidade Sombria.

… Logo, o som das ondas batendo contra a pedra os informou da chegada da noite. Sem ânimo sequer para levantar, Sunny silenciosamente enviou sua sombra para dar uma olhada do lado de fora.

Enquanto os últimos raios do sol poente tingiam o mundo em tons de vermelho, o mar amaldiçoado se erguia do grande cratera. Sunny observou enquanto a estátua distante da bela mulher sem rosto era lentamente afogada pela escuridão, até que apenas sua mão aberta permaneceu acima das ondas. Então, ele mudou seu olhar e olhou para baixo.

A superfície negra ondulante do mar amaldiçoado parava a poucos metros abaixo da borda da parede de granito. Parecia que ele quase poderia tocá-lo com a mão. Do outro lado da barreira de pedra, a cidade em ruínas jazia submersa nas sombras, dezenas de metros abaixo do nível da água.

Preso entre a vastidão infinita do mar escuro e o vazio imenso das ruínas, a parede poderosa parecia tão fina quanto uma folha de papel. E ainda assim, ela silenciosamente suportava a pressão esmagadora das ondas negras, servindo como uma represa que protegia a cidade abaixo de ser apagada pela terrível inundação… assim como havia feito por milhares de anos.

No entanto, Sunny não pôde deixar de imaginar todo o peso esmagador rompendo a parede em uma torrente devoradora de escuridão. Ele sentiu calafrios descendo por sua espinha.

Comandando sua sombra a retornar, Sunny finalmente se forçou a se levantar e caminhou até Nephis.

Estrela da Mudança estava sentada com as costas contra a parede, com uma expressão sombria no rosto. Ao ouvir seus passos, ela levantou os olhos.

Sunny sentou-se ao lado dela, hesitou por um tempo e então disse:

“O que você acha?”

Ela ficou em silêncio por um longo tempo, simplesmente olhando para ele com uma expressão inexorável. Justo quando ele estava prestes a pensar que não haveria resposta, Neph finalmente falou.

Enquanto falava, faíscas brancas se acenderam nas profundezas de seus frios olhos cinzentos.

“Nós encontraremos um caminho de volta. Não importa o que precise ser feito, nós encontraremos.”

Suas palavras ecoaram dentro da torre de granito, fazendo as sombras nas paredes dançarem em alegria sinistra.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4.9 15 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
3 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
MolartD
Membro
Molart
25 dias atrás

Não se se Neph é otimista ou realista kkk

GreyD
Membro
Grey
1 mês atrás

É isso nephis a esperança nunca morre

Nonno
Membro
Nonno
8 meses atrás

obg pel ocap

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar