Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  95

Luz das Estrelas

Traduzido usando o ChatGPT



Sunny sentia que estava no fim de sua força. Ele havia se submetido a muitos abusos nos últimos dias. Agora, era difícil até mesmo lembrar qual foi a última vez que ele dormiu.

Um dia antes de escalar a Árvore Devoradora de Almas em busca de um fruto especial, talvez.

Desde então, ele passou pelo torturante processo de transformação da Trama de Sangue, passou inúmeras horas à beira do colapso mental resistindo aos efeitos do encantamento, machucou as mãos para permanecer lúcido, guiou o barco pelos terrores do mar escuro na escuridão absoluta, viu ser destruído pelo horrendo morador das profundezas e enfrentou esse monstro nas profundezas negras e frias, quase se afogando como resultado.

Seu corpo e mente estavam à beira de desligar.

Apesar disso, Sunny teimosamente continuou a nadar, aproximando-se cada vez mais da gigantesca mão de pedra que emergia da água, como se tentasse abraçar os céus.

O mar escuro estava em fúria ao seu redor, ainda se recuperando dos efeitos da explosão de luz que o havia abalado algum tempo antes. Ondas altas ameaçavam afogar os dois Adormecidos, jogando-os de um lado para o outro como brinquedos. Lutar contra elas era uma tarefa difícil.

E, mesmo assim, ele persistiu.

A aurora estava se aproximando, mas, por enquanto, ainda havia apenas frio, escuridão e perigo ao redor deles. A qualquer segundo, algo poderia emergir das profundezas do abismo e pôr fim à sua desesperada tentativa de salvar a si mesmos.

Pelo menos os tentáculos tinham desaparecido, talvez assustados pela dor de serem expostos à luz abrasadora.

Por algum milagre, Sunny conseguiu chegar à mão de pedra.

Levantando Cassie, ele a ajudou a subir nas rochas escuras e seguiu logo atrás. Logo, chegaram à palma da mão aberta e rastejaram até o centro dela, então caíram, completamente esgotados e exaustos.

Por um longo tempo, nenhum deles conseguiu falar. Tudo o que Sunny podia fazer era deitar imóvel, inspirar respirações ásperas e tentar ficar acordado.

Sua mente estava vazia de pensamentos. Isso estava bem, porque ele não queria pensar. Se pensasse, ele seria forçado a lembrar… lembrar o que havia acontecido com…

‘Cale-se!’

Qual era o sentido de se lembrar? Ele não podia mudar nada.

O som da água negra batendo na base da mão gigante o lembrou que a noite ainda não havia acabado.

Abrindo os olhos, Sunny tentou entender as circunstâncias atuais.

O abrigo deles estava levemente elevado acima das ondas, a base do polegar gigante quase tocando a superfície do mar escuro. A palma não era muito espaçosa, aproximadamente metade do tamanho da plataforma circular que havia salvado sua vida no primeiro dia na Praia Esquecida. Estava inclinada para cima, criando uma ligeira inclinação.

Os dedos estavam mais altos acima das ondas e eram largos o suficiente para acomodar uma pessoa, mas estavam dobrados para cima em direção ao céu, tornando-os menos adequados para servir como refúgio.

‘Precisamos nos afastar mais da água.’

Com esse pensamento, Sunny se levantou cansado e se inclinou para tocar o ombro de Cassie.

“Cassie. Levante-se. Precisamos subir mais.”

Sua voz soou oca e frágil.

A garota cega estremeceu e levantou a cabeça, a pele pálida como a morte.

“…Sunny?”

Ele assentiu.

“Sim. Sou eu.”

Ela ainda estava em choque. Sunny podia ver que a mente de Cassie ainda não estava totalmente presente, então ele a puxou gentilmente para levantá-la.

“Vamos lá, vamos. São apenas alguns metros.”

Ela hesitou.

“O que aconteceu? Eu ouvi um… um som… e então algo estava me puxando para baixo…”

Ele cerrou os dentes e tentou manter o tom de voz uniforme.

“Fomos atacados por um monstro marinho. O barco foi destruído. Eu mergulhei e consegui te encontrar, então nadei até esse monte de pedras. Não está muito alto acima da água, então…”

Cassie vacilou.

“Onde está… onde está…”

Sunny apressou-se em interrompê-la, não querendo responder à próxima pergunta.

“Venha, siga-me. Podemos descansar quando estivermos mais alto.”

Guiando gentilmente a garota cega, Sunny subiu até a base do dedo indicador da mão gigante, que era o ponto mais alto que eles poderiam alcançar sem escalar os próprios dedos. Sentado na pedra fria, ele descansou as costas contra a falange gigante e encarou a superfície inquieta do mar escuro.

Seus olhos estavam frios e vazios.

Cassie ficou em silêncio ao seu lado. Seu rosto pálido estava contorcido, como se ela quisesse fazer a pergunta e temesse a resposta ao mesmo tempo.

Finalmente, reunindo coragem, a garota cega sussurrou, sua voz trêmula quase inaudível:

“Sunny. Onde está Neph?”

Ele permaneceu em silêncio, sem vontade de dizer as palavras em voz alta.

Estupidamente, ele sentia que se as dissesse, elas se tornariam a verdade. Mas se não o fizesse, ainda havia a possibilidade de que fossem uma mentira.

‘Eu não vou responder.’

Alguns momentos depois, a pressão familiar apareceu em sua mente. A pressão cresceu e cresceu, fazendo sua cabeça girar.

‘Eu não!’

Então, a dor lancinante veio. Sunny suportou teimosamente. Ele durou muito mais tempo do que jamais havia durado antes, mantendo a boca fechada até que lágrimas quentes rolaram de seus olhos, seu corpo todo tremendo com o sofrimento terrível.

Mas, eventualmente, ele ainda foi forçado a dizer aquelas palavras amargas.

“Ela está… ela está…”

Antes que ele pudesse terminar, um som sutil atraiu sua atenção. Vinha de baixo, das bordas das ondas escuras inquietas.

O coração de Sunny pulou.

Lá na base do polegar gigante, onde o mar amaldiçoado quase tocava sua superfície de pedra, uma mão branca pálida apareceu da água negra e agarrou as rochas.

Então, uma figura alta lentamente se puxou para a palma aberta da gigante de pedra.

Seus olhos se arregalaram.

Sentindo que algo estava errado, Cassie virou a cabeça e perguntou:

“Sunny? O que houve?”

Ele tremeu e sussurrou, tomado pela tristeza.

“É Nephis.”

Um sorriso incerto apareceu no rosto da garota cega.

“Neph?! Ela está bem?!”

Sunny se viu incapaz de responder.

Não, Nephis não estava bem.

Na verdade, ele não sabia como ela estava viva.

A Armadura da Legião Luz das Estrelas estava estilhaçada e rasgada, revelando a carne mutilada por baixo. Havia uma ferida horrível e aberta no tronco da Estrela da Mudança, parecendo como se quase metade do seu lado direito estivesse faltando. Sunny podia ver os cacos afiados das costelas quebradas, os rios de sangue escorrendo pelas pernas e a confusão ensanguentada das vísceras derramando pelas bordas da ferida.

Ele queria fechar os olhos.

Outro grande pedaço de carne faltava na coxa dela, expondo os restos despedaçados de músculo e a superfície branca do fêmur, rachado e mal se mantendo unido. Seu braço direito também estava severamente danificado. Na verdade, estava quase arrancado, pendurado apenas por uma estreita tira de pele e alguns tendões, como o de uma marionete maltratada e quebrada.

Mesmo o rosto dela não foi poupado. Um dos olhos de Neph estava perdido, a cavidade esmagada e estilhaçada, a pele da bochecha raspada como se por uma lixa, deixando para trás uma confusão ensanguentada de carne e dentes quebrados.

A visão dela era angustiante e de partir o coração.

Era evidente que a Estrela da Mudança estava prestes a morrer.

“Sunny? Por que você não está respondendo?”

Ele olhou para Cassie e mordeu o lábio, tentando mais uma vez suprimir a resposta que lutava para sair. Algo afiado e quente esfaqueava seu coração, deixando sua visão embaçada.

Enquanto isso, Nephis cambaleou e cegamente deu um passo à frente. Suas pernas fraquejaram e ela caiu pesadamente de joelhos, espalhando sangue por toda a superfície fria da pedra. Um gemido terrível escapou de seus lábios quando seu fêmur rachado finalmente se estilhaçou, os ossos perfurando músculos e pele.

Sunny sentiu como se estivesse mergulhado no pior pesadelo. Ele queria gritar, mas sua voz sumiu. Uma dor profunda e quase física o dilacerava por dentro.

Ele não queria estar aqui. Ele não queria ver isso.

E ainda assim, ele não conseguia desviar o olhar.

…Foi por isso que ele notou instantaneamente quando duas chamas brancas se acenderam nos olhos de Neph. O brilho ficou mais intenso e intenso, derramando-se de seus olhos, boca e das feridas abertas em seu corpo. Era como se houvesse uma estrela flamejante queimando no lugar onde seu coração deveria estar, como se ela fosse nada mais que chama branca escondida atrás de uma fina camada de pele humana.

A radiação incandescente preencheu o sangue da Estrela da Mudança, transformando-o em correntes de fogo branco líquido.

Enquanto Sunny assistia, paralisado no lugar com os olhos bem abertos, aquele fogo começou a derreter e remodelar sua carne. Lentamente, seus músculos se regeneraram, seus órgãos retornaram aos seus lugares, seus ossos se reagruparam a partir dos fragmentos.

Onde não havia nada para substituir uma parte faltante, o fogo assumiu sua forma e se solidificou.

Com um grito terrível, Nephis segurou seu braço quase decepado e o arrancou, em seguida, pressionou-o ao coto que sangrava com chama branca. Logo, as metades despedaçadas se fundiram, tornando-se inteiras novamente.

Chocado, ele viu cada ferida terrível em seu corpo curar, lavadas no fogo purificador.

Em breve, não havia nada além de pele branca imaculada aparecendo através das grandes lacunas na armadura estilhaçada.

Nephis levantou a cabeça, olhando para eles, mas sem ver nada. Não havia reconhecimento em seu olhar, todo entendimento destruído pelo cruel crisol do fogo sagrado.

Então, a última filha do clã Chama Imortal fechou os olhos e caiu no chão, perdendo a consciência.

…Finalmente, os primeiros raios de sol apareceram além do horizonte leste.

O amanhecer estava chegando.


No final, Nephis permaneceu inconsciente por dois dias inteiros.

No terceiro dia, ela finalmente abriu os olhos e lentamente se levantou, olhando em volta com uma confusão sutil.

Seu rosto, como de costume, estava calmo e indiferente.

No entanto, ela estremeceu um pouco quando seu olhar caiu sobre Sunny, que estava sentado no topo do dedo indicador da mão gigante e sorrindo de orelha a orelha para ela.

Franzindo a testa, Estrela da Mudança olhou para si mesma, notando as lacunas embaraçosas em sua armadura e disse:

“Por que você está sorrindo?”

Sunny piscou maliciosamente e deu de ombros.

“Olhe atrás de você.”

Demorando por alguns segundos, Neph suspirou e se virou, imaginando o que ele queria que ela visse.

Atrás dela, uma vasta extensão de terra escura se erguia acima da encosta do cratera colossal.

E sobre ela, um alto muro de cidade construído de pedra cinza polida se erguia sobre o gigantesco abismo do abismo. Parecia antigo, mas ainda impenetrável, capaz de resistir à pressão esmagadora do mar escuro por mais mil anos.

Eles conseguiram.

Eles encontraram o castelo humano.


[Fim do Volume Um: Filho das Sombras.]




Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4.9 36 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
27 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Ell Picasso
Membro
Ell Picasso
5 dias atrás

Esse primeiro volume não deixou ninguém respirar, quando vc achava que eles iriam ter um minuto de paz,aparece um monstro pior que o outro pra te deixar tenso

Ell Picasso
Membro
Ell Picasso
5 dias atrás

Por um momento achei que o motivo da cas virar uma fdp(de acordo com os spoilers) seria por culpar o MC por deixar a neph morrer ou naquele estado toda destruída

BL1ND4DOD
Membro
BL1ND4DO
9 dias atrás

Achei muito bom até aqui pra uum final de um primeiro volume, emocionante, reviravoltas, suspense, drama etc. Ainda tou curioso pra saber como o autor vai explorar o aspecto dele sem deixar a obra sem graça

GodSpeed_zD
Membro
GodSpeed_z
18 dias atrás

Krlho, melhor primeiro volume de uma obra que eu já li, a mina simplesmente tem um aspecto op que só a porra, muito apelão, ela literalmente se reconstruiu inteira

Samira Vitória
Membro
Samira Vitória
20 dias atrás

esse povo comentando que o protagonista ainda tá mt fraco kkkkkkkkkk a novel tem 1400 caps e o sunny ainda tá em desenvolvimento, vcs jamais aguentariam 5 capítulos de lord of the misteries

Ray
Visitante
Ray
24 dias atrás

Esqueci de comentar mas muito bom adorei.

Fang yuan
Membro
Fang yuan
26 dias atrás

Bom, oq posso dizer…
Foi de fato um ótimo primeiro volume pela premissa q a obra qr entregar.
Tomara q o mc não fique sempre sendo tão fraco.
E seria muito massa se essas duas ou pelo menos essa Cas falesece, de acordo com os cara dos spoilers, e tbm pq eu curto um protagonista mais solitário e frio.

Última edição 26 dias atrás por Gu yue fang yan
IfosD
Membro
Ifos
1 mês atrás

confesso que nem eu acreditava no meu ultimo comentário… que bom que deu tudo certo graças a Deus

GreyD
Membro
Grey
1 mês atrás
Resposta para  Ifos

Graças graças

BLACK X
Membro
BLACK X
2 meses atrás

Que grande merda, preciso de um upgrade de força no prota, já que ter o poder do sung não tá adiantando.

GreyD
Membro
Grey
1 mês atrás
Resposta para  BLACK X

Calma parça isso se chama desenvolvimento e demora muito se vc não gostou, desculpe te dizer mas essa obra não é pra vc

Roberto alstenyo (Leitor_supremo)
Membro
Roberto alstenyo (Leitor_supremo)
2 meses atrás

Krl filho que momento de T uma hora você fica nervoso e dps relaxado aí vc fica nervoso de novo que porra .mano

treshart
Membro
treshart
3 meses atrás

puta que pariu que volume 1 foda, queria que esse arco tbm tivesse terminado no volume 1 mas tanto faz, continua sendo foda

3xp3D
Membro
3xp3
4 meses atrás

tranquei o cu, a bicha é imortal, q bagulho roubado do caralho. Achei q geral iria morrer e só sobraria ele.

Última edição 4 meses atrás por tarzanchutaveia
Ildhaurg
Visitante
Ildhaurg
4 meses atrás

Cara, eu jamais li nada que sequer se parece com esse volume. Simplesmente insano. Não consigo descrever em palavras

Cavalo
Membro
Cavalo
4 meses atrás

Irmão, dps de ver o aspecto dela.. agora eu fico pensando, o aspecto do MC não é digno de ser divino, ele aparentemente é “buxa” comparado ao da neph, além de ter uma fraqueza medonha, ent… O autor com certeza percebeu isso tbm, ent qual é o verdadeiro potencial do MC?

RotoghtD
Membro
Rotoght
4 meses atrás
Resposta para  Cavalo

O aspecto dele não tá completo, ele é um escravo e um escravo precisa de um dono. Não se esqueça disso.

Yago
Membro
Yago
1 mês atrás
Resposta para  Rotoght

Se o dono tiver ele como posse, não ficaria mais forte tbm? Só vejo desvantagem.

danilo
Membro
danilo
5 meses atrás

eu tava mo triste, ai fiquei feliz ai fiquei triste dnv ai fiquei feliz, tmnc

ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏD
Membro
ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏ
5 meses atrás

Que sofrimento do kraio, pelo menos todo mundo sobreviveu. A da Cas estava errada? Ou a neph simplesmente não se juntou a eles na ‘cidade’?

Hazzard4CmDuro
Membro
Hazzard4CmDuro
6 meses atrás

Seloko que poder roubado esse blgh de chamas e mais op que esses blgh de sombra do prota ae

Luiz
Membro
Luiz
6 meses atrás

Obrigado pelo cap.

Lando
Visitante
Lando
7 meses atrás

O medo da desgraça akakkakak

Nonno
Membro
Nonno
7 meses atrás

fim do primeiro volume, embora pra mim o primeiro volume só termine quando ele sai do pinaculo carmesim aaa
obg pelo cap

Matheus Hendrew
Membro
Matheus Hendrew
8 meses atrás

Aspecto roubado do kct, pelo o que entendi é herdado de família, por isso o pai e o avô dela eram tão fortes.

Frost
Visitante
Frost
8 meses atrás
Resposta para  Matheus Hendrew

Meu irmão, eu já tava pensando que ia ser o meu mais novo trauma, sfd. O jeito que ela apareceu do nada, aí me mete que ela se regenerou, graças ao Deus pai!!

Rauan
Membro
Rauan
8 meses atrás

Muito boa essa novel primeiro volume incrível muito suspensa , Situações de vida e morte
Minha primeira experiência lendo novel e estou feliz que seja com essa obra linda

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar