Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Super Detective in the Fictional World – Capítulo 267

Talento na Atuação

Luke exibiu uma expressão chocada: — Sério? O que ele fez?

Ponderando por um momento, Elsa pediu a Selina para fechar a porta.

— Dustin me contou algo. Mexi alguns pauzinhos também. — Mesmo que a porta estivesse fechada, a voz de Elsa estava mais baixa quando disse: — Ouvi que o Mercenário enfrentou uma pessoa desconhecida em uma fábrica abandonada. Eles tiveram uma luta enorme, e mais de trinta pessoas morreram. No final, Mercenário fugiu para a costa e escapou de barco.

Luke perguntou descrente: — Quem foi? Temos tal gângster durão em Los Angeles?

Elsa balançou a cabeça: — Improvável. Ele pode ter sido alguém do mesmo ramo do Mercenário, se sabe o que quero dizer.

Luke e Selina se entreolharam pensativos.

Elsa pensou que estavam pensando sobre o caso anterior: — Então, este caso não é da nossa preocupação agora. A Segurança Interna e o FBI estão na cidade a procura do Mercenário. Ele só pode voltar para Nova York, onde o Rei do Crime tem mais poder se não quiser ser encontrado.

Luke indagou com alívio: — Então estou seguro agora?

A expressão de Selina ficou bem estranha.

Elsa respondeu: — Presumivelmente, sim. Contudo, o Mercenário se escondeu por um longo tempo quando pensávamos que ele havia ido embora, então você ainda deve ter cuidado. Você ficará no departamento para guiar a Elizabeth até confirmarmos que o Mercenário foi embora.

Luke e Selina disseram: — Entendido, chefe.

Elsa falou: — Elizabeth tem os arquivos do caso. Você por ir ajudá-la.

Luke assentiu, e como de costume, Selina deu a Elsa uma caixa de sobremesas.

Elsa habilmente colocou a caixa na gaveta. Tiramisu era mais do seu gosto e gostou muito do que comeu no dia anterior.

Luke e Selina voltaram para suas mesas.

Olhando para a expressão estranha de Selina, Luke avisou resignado: — Você sabe o que é atuação? Até o Sr. Stu era um ator melhor que você. Quanto mais conhecimento tiver, mais terá que atuar. Está tudo bem na frente da Elsa, mas sua expressão pode trair você se tivesse falado com outra pessoa.

Selina assentiu em silêncio.

Ela teve que admitir que Luke se saiu muito bem e agiu como se realmente não soubesse de nada da noite passada.

Ela, por outro lado, quase caiu na gargalhada naquela hora.

Enquanto conversavam, Elizabeth e Billy se aproximaram.

Os dois novatos escolheram especificamente as mesas que estavam mais próximas de Luke, para que assim fosse mais fácil de pedir por ajuda.

Eles os cumprimentaram e Elizabeth começou a repassar a visão geral.

Seus papéis eram similares a de Luke e Selina: Elizabeth era responsável por analisar a informação e Billy pelo trabalho pesado, tal como avisar ou prender os bandidos.

Elizabeth falou: — Temos três novos casos. O primeiro é uma casa em Wever. O novo dono da casa relatou que havia um corpo lá ontem, mas os oficiais não encontraram nada. O segundo caso é em Beverly Hills. A empregada de uma celebridade foi atingida com força contundente na cabeça, e pode morrer da ferida. O último caso também é em Wever. O corpo de uma mulher foi encontrado num banco de rua. Foi relatado dez minutos atrás e estamos indo checar.

Selina perguntou: — O que há com o primeiro caso? É necessário que investiguemos quando não há corpos?

Elizabeth respondeu: — O caso não teria sido escrito se o dono não tivesse mencionado a filha dos donos anteriores; ela desapareceu um ano atrás, quando tinha cinco anos. A mãe morreu de ataque cardíaco causado pela tristeza um mês após ela desaparecer e o pai se matou na casa.

— E quanto a empregada da celebridade? — Selina perguntou de novo.

Elizabeth disse: — A celebridade disse que estava dormindo e não tem ideia de quem bateu na empregada.

Selina riu e olhou para Luke, que estava girando uma caneta entre os dedos.

Luke pensou por um momento e falou: — Vão dar uma olhada no corpo no banco. Estudaremos os arquivos dos outros dois casos primeiro.

Elizabeth assentiu e entregou os arquivos antes de sair com seu parceiro.

Luke olhou para Selina e perguntou: — Você quer pegar o primeiro?

Sem hesitação, Selina pegou o caso da empregada da celebridade.

Luke sorriu; sabia que essa seria sua escolha.

Ela sempre ansiava pelas fofocas que apareciam nos casos que envolviam celebridades.

Desde que nunca vazou os detalhes de uma investigação, Luke não a impediu.

Eles pegaram um caso cada e começaram a ler.

Levou dez minutos para Luke ler os documentos.

Um deles foi a declaração do novo dono, e o outro era a informação da garota desaparecida um ano atrás.

Não havia nada de surpreendente no documento.

Havia muitas “casas mal-assombradas” e garotas desaparecidas na América.

No entanto, quando os documentos foram colocados lado a lado, ficou bastante bizarro.

Por que o novo residente proclamou que viu a garotinha? Isso era estranho.

Vendo que terminou de ler o arquivo, Selina perguntou: — Você quer ler este comigo?

Luke assentiu e sentou no braço da cadeira para ler o arquivo com ela.

Selina estava lendo as declarações, então deu a Luke o relatório da cena do crime que já havia lido.

Luke olhou para o relatório e perguntou: — Jennifer Perry? A mulher no comercial do perfume Dior?

Selina respondeu casualmente: — Sim, ela está no comercial onde usa todos aqueles diamantes brilhantes e tira a roupa enquanto caminha.

Luke falou: — Pensei ser um comercial de diamantes quando vi pela primeira vez.

Selina expressou: — Ela é rica e famosa, então este caso é confidencial.

Luke comentou: — Pessoas ricas tem privilégios.

Selina: — As chances são de que a Elsa deu este caso para nós precisamente por causa de sua experiência em lidar com mulheres ricas.

Luke. … Você está falando sobre os homens profissionais que oferecem serviços especiais?

O celular de Luke tocou enquanto estavam discutindo. Ele olhou para o número e atendeu: — Elizabeth, e aí?


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar