Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Swordmaster’s Youngest Son – Capítulo 99

A Arena Cosmos (10)

“Jovem mestre, isso é—!”

Assim que viram o objeto que Beradin revelou, os rostos dos guardas ficaram brancos de medo.

O jovem Zipfel colocou o dedo indicador sobre os lábios franzidos.

“Silêncio. E usem as suas capas para nos encobrir.”

Os guardas morderam os lábios e cercaram Beradin, Jin e Dante com suas capas.

A multidão começou a tagarelar, sussurrando entre si com a mudança repentina dos acontecimentos. Ninguém detestou as ações de Beradin depois de ver as insígnias dos Zipfels nas capas dos guardas.

“O Clã Zipfel…?”

“Aquele sujeito… era um Zipfel?”

“Oh, o que você vai fazer? Quando aquele Zipfel torceu pelo Jin Grey, você o xingou para que torcesse pelo Paul Mick.”

“É, t-talvez eu vá para casa primeiro.”

Assim que o brasão de armas Zipfel foi revelado, todos — incluindo os piratas — ficaram quietos e calmos como um rebanho de carneiros. Mesmo Cosmos, o anfitrião, não se atrevia a entrar no ringue para intervir considerando o estado atual dos acontecimentos.

‘Está pra acontecer alguma merda. Ele veio raptar o Paul Mick por ser um Runcandel?! Droga. Um passo errado e vou dar tchau à minha vida de pirata. Tenho de agir profissionalmente.’

“Todos, fechem os olhos e tapem os ouvidos!”

Cosmos gritou. O carismático anfitrião que acolheu calorosamente o seu público ordenou subitamente o fechamento dos sentidos.

Era uma situação muito ridícula, mas o público de fato ouviu as suas ordens. Nem uma única pessoa sorriu ou riu.

O clã Zipfel não era uma força a ser levada em conta.

“Esse sujeito… ele sabe o que está acontecendo. Talvez eu possa descontar 100.000 de ouro dos meus ganhos.”

Beradin havia sacado algum tipo de pedra preciosa. À primeira vista, era um rubi esférico. No entanto, olhando mais de perto, tinha um tom muito mais profundo de vermelho, como se fosse sangue comprimido.

E detectaram uma energia inexplicavelmente estranha.

‘Isso é…?’

Jin também tinha visto em algum lugar.

Mas ele não conseguia lembrar exatamente o que era. Não era algo que ele tinha visto fisicamente, mas algo que ele viu em um livro quando era estudante.

“É o Sangue de Inúmeros.”

No momento em que Beradin revelou o nome, o queixo de Jin caiu.

Inúmeros.

O Deus da Esperança que desapareceu por causa de alguns incidentes antes da ascensão do Sagrado Reino de Vankella.

Tudo o que Inúmeros deixou antes de desaparecer foram oito lágrimas e cem gotas de sangue, e os humanos lideraram uma história sangrenta para coletar esses artefatos.

A Lágrima de Inúmeros era um item que poderia ressuscitar os mortos.

Por outro lado, ressuscitar os mortos não era facilmente possível com o Sangue de Inúmeros. No entanto, podia curar qualquer lesão ou doença com facilidade.

Até agora, haviam sido utilizadas setenta gotas de sangue e as restantes ainda estavam desaparecidas.

Era o artefato mais procurado no início, mas à medida que se tornou mais raro, a sua existência tornou-se um mito.

E um desses objetos míticos brilhava à sua frente.

“O que…? Usar isso no Dante agora…?”

Embora o Sangue de Inúmeros fosse um nível mais baixo do que a Lágrima, não poderia ser replicado em qualquer lugar. Os Runcandels e Zipfels ainda procuravam com sangue nos olhos por mais cópias.

‘E os Zipfels tinham um deles!’

Na verdade, nem sequer era o patriarca que tinha. Estava nas mãos de Beradin que saiu para uma viagem. Jin não conseguia entender.

Isso sugeria que o clã Zipfel havia reservado exclusivamente o sangue para Beradin. O maior clã do mundo, os Zipfels, tinha apenas duas das pedras preciosas.

“Shhhhh, vamos manter isso entre nós. Eu, você e o Dante.”

Jin não podia perguntar por que ele iria usá-lo em Dante.

Do ponto de vista racional, as ações de Beradin não eram sensatas. Embora o clã Hairan fosse menor que o clã Zipfel, eles ainda competiam entre si. E Dante era o futuro sucessor desse clã.

No momento, a morte de Dante era o melhor cenário para Beradin.

‘No entanto, também sinto o mesmo. Embora a morte de Dante seja benéfica para os Runcandels, já que ele abaixou a espada no último momento…’

Beradin sorriu.

“Tenho certeza de que não preciso explicar por que estou fazendo isso.”

Beradin colocou o Sangue de Inúmeros perto da boca de Dante e falou. Usando magia, ele quebrou a joia e uma névoa vermelha emergiu. A nuvem carmesim de energia deslizou lentamente como água na boca de Dante.

“Ah, e não precisa me agradecer. Perder um rival é tão triste como perder um amigo, não é?”

Assim que o Sangue de Inúmeros entrou em seu corpo, Dante reagiu. Eles não conseguiam ver o que estava acontecendo dentro dele, mas seu rosto pálido gradualmente recuperou sua cor normal.

‘Beradin Zipfel… eu não pensava que você faria algo assim.’

Jin nunca pensou que ele seria tão imprevisível. Fazer um enorme favor a outra pessoa que não era mais que um inimigo. Ele não era um personagem fácil de julgar.

Enquanto Jin se prendia em pensamentos complicados, ele tinha uma emoção clara.

‘Ele tem um lado legal.’

Dante respirou rouco, como se tivesse saído da água. Chocado, ele olhou para seu próprio corpo com espanto. Ele sabia que tinha escapado da beira da morte.

“Mas o quê…?”

“Vamos tomar uma bebida depois da cerimônia de encerramento, Dante. Você vem junto, né, Jin? Não diga não. E sempre que nos encontrarmos em qualquer lugar, seria bom se você me notasse.”

Jin lembrou-se de ignorar Beradin no banquete de Runcandel. Jin riu.

“Certo.”

Enquanto Dante se levantava lentamente, Cosmos olhou em volta e concluiu que a questão estava resolvida. Então ele soube o que os três adolescentes precisavam naquele momento.

Fazer parecer que nada tinha acontecido.

Na realidade, o público não sabia o que acontecia debaixo das capas. Apenas suposições de que Beradin tinha tratado Dante com sua magia.

No entanto, todos questionavam as ações do jovem Zipfel ao ajudar Paul Mick, que supostamente era um Runcandel. Ainda assim, ninguém expressou curiosidade, pois valorizavam suas vidas.

“Tudo bem! Foi uma batalha acalorada! O vencedor é o espadachim adolescente sem nome, Jin Grey! Senhoras e senhores! Por favor, deem uma salva de Palmas!”

A cerimônia de encerramento começou naquela noite.

A arena que antes estava cheia de matança e assassinatos tornou-se um local de celebração. Sempre que tinham a oportunidade, os competidores sobreviventes espirravam vinho no chão para homenagear os lutadores mortos.

Normalmente, todos começavam a se empanturrar de comida.

No entanto, as pessoas apenas bebiam vinho, não ousando comer antes de um Zipfel.

“O vencedor, Jin Grey. Por favor, um passo à frente!”

Jin deu um passo em direção ao pódio feito de garrafas de vinho empilhadas.

Cosmos esperou à sua frente com um troféu feito de ossos de tubarão, bem como um saco contendo 1.000 moedas de ouro.

E aos pés de Cosmos havia um pequeno baú de tesouro. Era o prêmio secundário.

Ele poderia escolher entre 1.000 de ouro ou o baú com um prêmio desconhecido dentro dele.

“Tudo bem, escolha o seu prêmio! Ouro ou baú de tesouro? O que você escolhe—”

“Apenas me dê os dois.”

Jin respondeu, cansado do lugar. O riso explodiu da plateia.

Na história da arena, não era a primeira vez que o vencedor solicitava os dois prêmios. Mas nunca assim, tão direto.

‘Não consegui dormir durante os primeiros dias e quase matei Dante enquanto lutava contra ele. Arriscar a minha vida para ganhar estes prêmios patéticos… e escolher apenas um?’

Ele não podia aceitar.

Lembrando-se da onda de desespero quando pensou que Dante estava morto, Jin pensou que mesmo tomar posse de toda a gangue de piratas de Cosmos não satisfazia sua frustração.

“Eu entendo que você quer ter tudo, haha. Mas sabe, criança, temos uma coisa chamada tradição.”

“E eu posso aniquilar essa história e tradição hoje.”

Cosmos franziu a testa e assentiu.

“É, está bem, parceiro. Pegue tudo…”

A essa altura, Cosmos e os espectadores sabiam que Jin era um figurão de um clã famoso. O Rei Pirata deixou-o fazer o que quisesse, simplesmente porque não queria mexer com ele.

‘Este rabugento parece que é do Palácio oculto… Ha. A partir do próximo ano, farei uma verificação completa dos antecedentes. Garantir que só tenha sujeitinhos que eu possa controlar.’

Após a cerimônia.

Enquanto os bêbados invadiam a arena, Jin e Dante se reconciliaram na cela que conheceram.

Junto com Beradin, que escapou de seus guarda-costas.

“Uau… vocês dois… viveram aqui vários dias? Minha nossa. Eu nem sobreviveria um dia! Até os estábulos do meu clã são melhores do que isto.”

Beradin abriu o vinho luxuoso, que ordenou aos guarda-costas que levassem antes do evento.

Enquanto cada taça estava sendo cheia, Jin passou o saco de ouro para Dante.

“Você está me dando isso?”

“Sim. Fique com ela.”

“Mas você é o vencedor.”

“Bem, não aceite se não quiser, então.”

Dante olhou para o saco e balançou a cabeça.

“Não, vou aceitar. Embora o Clã Hairan tenha muito dinheiro… colocarei num pedestal quando chegar em casa. Para comemorar este momento.”

Com um humor levantado, Dante pegou o saco e o sacudiu. Um som sólido de tilintar ecoou por toda a cela.

Vendo o olhar de satisfação de Dante, Beradin lambeu os lábios de decepção.

“Jin, eu também. Me dê alguma coisa também. Alguma lembrança de recordação. Hoje também foi um dia especial para mim.”

Com os olhos brilhando, Beradin colocou as duas mãos para a frente.

‘Arranje alguma coisa você mesmo.’

Jin teria respondido sem coração. No entanto, uma vez que Beradin realmente fez algo especial hoje, ele se sentiu gentil o suficiente para lhe oferecer algo.

Jin queria ficar com o troféu de osso de tubarão com o nome dele.

Então, só havia o baú do tesouro.

Pensando em uma boa ideia, Jin assentiu.

“Espere um segundo.”

Jin quebrou a fechadura e abriu o baú. Foi a primeira vez que revelou o conteúdo da caixa.

‘Papel?’

Dentro da caixa havia um mapa topográfico do tesouro mal desenhado com um ‘X’ próximo ao meio.

“Oh? Há textos antigos ali. Eu nunca vi esses símbolos antes. Interessante… me dê esse mapa do Tesouro.”

“Não, sua lembrança é a caixa. Toma.”

“Oh, isso também é ótimo! Obrigado!”

‘Um cara diz que vai exibir o saco de ouro em um pedestal e o outro é grato por um lixo qualquer. São idiotas?’

Jin riu. Quando ele riu, os outros dois começaram a rir também. Então, Jin corrigiu sua expressão e os outros tossiram.

“Ei, Dante Hairan. Me deixe perguntar uma coisa.”

“Oh, ehem. O que gostaria de saber?”

“Por que você não usou sua técnica secreta? Tenho certeza que falei para não pegar leve.”

Dante coçou a nuca e respondeu.

“Você… não usou seu poder secreto e pegou leve comigo, também. Portanto, eu não achava que minha técnica secreta tornaria a luta justa.”


Comentários

5 1 voto
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar