The Book Eating Magician – Capítulo 138

Navio de Passageiros Incomum #1

Desde os tempos antigos, as cidades floresciam mais perto do centro do país e diminuíam à medida que se afastavam. Claro, algumas cidades próximas da fronteira tinham um valor estratégico, mas Ramos não era uma delas.

No entanto, Ramos tinha uma vantagem geográfica. Fazia parte do litoral chamado “cabo”, um terreno que se estendia da terra ao mar.

Era uma cidade portuária. Sim, Ramos era uma das poucas cidades portuárias no meio do vasto continente central. A área era muito estreita para ser usada como ponto estratégico, mas não havia problemas com o transporte usando a rota marítima. Além disso, também era famosa por ser um atalho para a parte oriental do continente.

Por estes motivos, Ramos evoluiu para um nível comparável ao de outras cidades metropolitanas, apesar de estar no limite do reino.

O dia começou de forma habitual.

– “Ei, novato! Abra a porta imediatamente!”

– “Sim! Entendido!”

O jovem guarda designado hoje, Hanson, correu na direção da roldana que controlava o portão.

Como em qualquer cidade, Ramos controlava as admissões noturnas bloqueando o portão. Era uma distância considerável do habitat das criaturas mais próximas, mas não havia mal algum em ser cuidadoso. Então, pela manhã, o portão se abriria ao nascer do sol.

Dururuk… dururuk…

Hanson chegou à roldana e começou a abrir o portão com os braços grossos. As paredes não eram muito altas, então o portão não era tão grande, mas alguns guardas seriam necessários para abri-lo. No entanto, os guardas pediram para ele abrir por conta própria. Este era o trote dos guardas de Ramos.

– “Kuoong…!

Sem surpresa, o rosto do Hanson ficou vermelho, mas ele não conseguiu abrir o portão. No entanto, ele tinha uma força considerável para um humano que não podia usar aura. Os guardas seniores, que o vigiavam, assobiavam, assustados com a entrada de um bom novato.

Mas essa expressão relaxada não durou muito.

– “Hum, quem está vindo de lá?”

– “O que? Quanto tempo até eles chegarem?”

– “Eles chegarão logo. Baseado na poeira, é uma carruagem pequena, mas de luxo?”

Os guardas observavam o horizonte das muralhas todos os dias, então a visão deles era semelhante à de um bom caçador. Eles notaram a presença de uma carruagem vinda do horizonte ocidental e determinaram rapidamente a identidade da carruagem que se aproximava.

Até aí estava tudo bem, pois não era raro que os visitantes chegassem cedo pela manhã. No entanto, o problema era que a velocidade da carruagem era muito rápida.

– “O-O que? Por que está tão rápida?” Os guardas veteranos perceberam tardiamente a seriedade da situação e desceram apressadamente da muralha.

Uma carruagem de luxo significava que o visitante era um nobre ou de uma grande companhia de negócios. Não era uma situação em que eles poderiam se atrasar por causa de um novato. Hanson, que já estava exausto, continuava girando a roldana firmemente com seus seniores.

Durururuk…! O portão se abriu a uma velocidade super-rápida. Pouco depois, o grupo do Theodore parou em frente ao portão. Os guardas, que haviam passado pela crise, ficaram nervosos de novo ao verem a carruagem.

– “E-Eh?!

– “Marcas de sangue…?!”

Era impossível descobrir a aparência original da carruagem, que quando foi comprada era brilhante. Parecia que a carruagem tinha passado no meio de um campo de batalha. Isto era natural. Theodore se afastou dos guardas surpresos em direção à floresta que eles acabaram de passar. Ainda havia milhares de mortos-vivos dentro dela.

‘Droga, foi muito mais irritante que a primeira noite.’

Depois de matar o bruxo que atacou primeiro, Theo ficou em alerta, mas ele não viu nenhuma sombra.

Para se esconder da detecção do Hugin, o outro bruxo deve estar escondido a alguns quilômetros de distância. Nesse meio tempo, o propósito de tentar impedir a carruagem foi revelado. Por isso que os inimigos usaram apenas mortos-vivos de baixo nível, ao contrário do primeiro dia.

No final, o Theo e o Randolph desistiram de lutar contra os mortos-vivos e apenas se concentraram em passar por eles

Paahh!

Finalmente, um dos cavalos começou a espumar pela boca e caiu no chão.

– “…Eu sinto muito.”

Theo usou repetidamente magia de aceleração e recuperação de fadiga nos cavalos, então as consequências foram terríveis. O outro cavalo mal conseguia ficar de pé. Ele também morreria se tivesse corrido um pouco mais. Theodore usou uma magia simples para enterrar o cavalo que morreu. Então ele se virou para os guardas nervosos.

Theo tinha um meio conveniente para não precisar responder nenhuma pergunta.

– “Eu sou da Companhia Polonell.”

A sentença e a placa foram suficientes para fazer com que os guardas de Ramos saíssem do caminho.


– “Nós vamos nos separar aqui.”

– “Sim, nos encontramos no porto mais tarde.”

Após entrar em Ramos, os dois se separaram de acordo com seus papéis. Randolph se livraria da carruagem quebrada e do cavalo restante, enquanto o Theodore veria se tinha algum navio indo em direção ao reino de Soldun.

‘Espero que possamos sair hoje.’

Ele entrou na cidade de alguma forma, mas isso não era o suficiente para impedir a Companhia Orcus de atacar. O Theo e o Randolph só conseguiram se livrar da ralé… Seria difícil se dois mortos-vivos de alto nível como o cavaleiro da morte aparecessem.

O Peso da Perdição foi eliminado graças ao Theodore e ao Gula, mas teria sido fatal para o Randolph se ele estivesse sozinho. A força por trás da Companhia Orcus era muito mais forte do que o esperado, então ele precisava escapar desse poder o mais rápido possível.

No entanto, as respostas que o Theodore ouviu não foram otimistas.

– “Não tem nenhum navio sobrando?”

– “Me desculpe, mas eles estão todos reservados…”

Foi um erro que o Theodore cometeu porque ele nunca viu o mar ou um navio em sua vida.

– “Você terá a mesma resposta mesmo se perguntar a outra companhia de navegação.”

Basicamente, todos os navios estavam reservados. Havia uma limitação óbvia para o número de passageiros que um barco poderia suportar, e era difícil mostrar flexibilidade, ao contrário de uma viajem por terra. Além disso, ele estava procurando por um navio seguindo para outro país.

Havia ocasiões em que sobrava uma vaga, mas a sorte não estava do lado do Theodore desta vez.

Ele estava falando com o Belf, um membro da Companhia de Navegação Luere.

– “Durante este período do ano, a maioria dos navios segue para o sul ou para o norte, então há apenas três navios indo para o reino de Soldun. Se você reservar agora, provavelmente terá que esperar um mês.”

– “Mesmo para alguém de uma companhia importante?”

Os olhos do Belf se estreitaram ao ver a placa que o Theodore segurava.

– “Oh, você é da Companhia Polonell.”

No entanto, Belf não hesitou em balançar a cabeça. Apesar do status ou do dinheiro do Theodore, não havia realmente nenhum lugar sobrando.

No mar, o nome da Companhia Polonell não tinha um grande papel. A influência da Companhia Polonell se baseava principalmente nas rotas terrestres ao norte, o que significava que ela não tinha tanta influência nas áreas distantes do continente central. Ramos estava entre elas, pois operava principalmente pelo mar.

Theodore mordeu os lábios ao ser bloqueado em um lugar inesperado.

‘Se eu não conseguir um navio aqui… eu terei que pegar uma carruagem e correr para a fronteira ocidental? Não, será difícil devido ao tempo gasto nesse lugar. Eu também preciso de uma carruagem boa o suficiente para romper o cerco dos mortos-vivos… Será que eu devo me esconder?’

Ele estava encurralado. Theodore reconheceu esse fato e olhou para o chão com uma expressão sombria.

Embora ele tivesse o conhecimento, inteligência e experiências de várias pessoas incríveis, Theodore ainda era jovem. Veronica superaria essa adversidade com sua força, enquanto o Vince reservaria um navio em uma cidade portuária antecipadamente.

Foi nesse momento que…

– “Hum… Você disse que se chama Theodore?”

– “Ah, sim.”

– “Como eu disse, é impossível com um navio normal. No entanto, pode ser possível com um navio especial.”

O deprimido Theodore ficou tocado pelas palavras. – “Navio especial?”

Ele podia pagar, independentemente do custo extra. Graças ao lance por duelo, ele não gastou tanto dinheiro no leilão subterrâneo. No entanto, em vez de explicar as implicações, Belf colocou um dedo nos lábios. – “No entanto, existem duas condições.”

– “Quais são?”

– “Primeiro, você deve concordar em manter a confidencialidade do navio. Você saberá o segredo depois do embarque.”

– “…Eu compreendo.”

Theodore queria reclamar, mas ele não estava em condições de ser exigente. Ele precisava se defender dos perseguidores e chegar ao Reino de Soldun. Contanto que ele pudesse alcançar seu objetivo, Theo não se importava com a surpresa.

Então o Belf lhe disse a segunda condição. De certa forma, a condição era o que o Theo esperava.

– “Eu preciso de um depósito.”

– “Está dizendo que eu preciso pagar um bônus?”

– “Não, não é isso.”

Theodore pareceu confuso, fazendo o Belf sorrir e sussurrar alto, – “Existe alguém no seu grupo além de você?”

– “Sim, mais uma pessoa.”

– “Então 20 moedas de ouro serão necessárias. Eventualmente você saberá o motivo de cada um ter que pagar 10 moedas de ouro.”

Ele queria dizer que o resto do dinheiro seria coletado após o embarque? Theodore tentou perguntar, mas o Belf insistiu que ele não podia explicar mais.

‘Tsc, não tem o que fazer.’

Devido às circunstâncias, Theo tinha que tomar uma atitude submissa. No final, Theodore aceitou a oferta do Belf. Ele entregou algumas moedas de ouro e recebeu dois cartões de embarque. Graças à marca de bronze da Companhia Luere, era difícil falsificar o cartão de embarque. Talvez ela tenha mais utilidades.

– “Vou arrumar um quarto para duas pessoas. A partida será esta noite.”

Theodore olhou para baixo com uma expressão preocupada e perguntou ao Belf algo que ele quase esqueceu, – “Quanto tempo vai demorar para chegar ao Reino de Soldun? Ouvi dizer que podemos chegar em quatro dias.”

– “Ah, me desculpe. Eu demorei para explicar.” Belf coçou a cabeça pela pergunta antes de responder, – “O navio faz um pequeno “desvio”, então levará mais de uma semana. Você tem algum negócio urgente?”

– “…Não, está tudo bem.” Theodore pensou por um momento antes de guardar os dois cartões de embarque. O mais importante era se livrar dos caçadores da Companhia Orcus, não chegar ao Reino de Soldun rapidamente.

A vantagem de ir pelo mar era que ele não precisava se preocupar com ataques dos bruxos. Os zumbis, carniçais e outros mortos-vivos de baixo nível não conseguiam suportar a pressão das correntes marítimas ou das criaturas do mar.

No entanto, Theodore estava cético sobre a natureza especial deste navio.

‘Hora de me encontrar com o Randolph e contar as novidades.’

Theodore saiu da Companhia Luere e se dirigiu para onde o Randolph estaria esperando. Como o líder de um grupo de mercenários ativo no continente central, Randolph poderia conhecer o segredo.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar