The Book Eating Magician – Capítulo 307

Lairon, o Último Dia #2

– “Roupa de sacerdote?” Theodore pensou que estava enganado a princípio.

Ele esfregou os olhos e olhou novamente, mas não havia diferença. A túnica branca com guarnições douradas era definitivamente a roupa usada pelos sacerdotes de Lairon. Além disso, o morto-vivo não era um zumbi ou um carniçal. Era um lich, algo que só era possível de ser alcançado quando um mago com habilidades consideráveis era transformado em morto-vivo. Portanto, o lich não foi completamente queimado quando foi atingido pela magia do Theodore. Metade de seu corpo havia sobrado.

‘Não importa como eu pense sobre isso, algo está estranho.’ Theodore balançou a cabeça enquanto sentia uma estranha incongruência. ‘Um morto-vivo não pode se disfarçar de sacerdote. Além disso, ele não deveria ter queimado imediatamente quando foi tocado pelo poder divino? Nesse caso, talvez um sacerdote tenha se transformado em um lich…’

Ainda não fazia sentido. O conhecimento que restava em sua cabeça do Jerem dizia que era impossível. Os deuses, os guardiões do mundo físico, eram os inimigos naturais de todos os bruxos. Assim como aconteceu quando o Jerem enfrentou a deusa inferior Mitra, a presença de qualquer ser sob a influência de um deus não podia ser transformada em um morto-vivo. Lairon podia ser um falso deus, mas seus seguidores tinham poder divino real.

Além disso, foi um sacerdote, não um mago, que foi transformado em lich…? A possibilidade de o Jerem ter sucesso nessa difícil tarefa era próxima de zero, sem falar nos mortos-vivos do tipo infeccioso.

– “Eu preciso conferir.”

De qualquer forma, todos os mortos-vivos dentro da cidade foram destruídos. O lich mal respirava e o Theodore não tinha mais nada a fazer. Então, ele rapidamente desceu ao chão. Enquanto várias construções pegavam fogo, o mago de túnica vermelha estava no chão manchado de sangue.

Tak.

O lich caiu como um trapo a seus pés. Realmente era uma roupa de sacerdote. Os tecidos luxuosos e as decorações douradas eram o resultado da extração do sangue e suor do povo. Repugnância ferveu dentro do Theodore enquanto ele se aproximava.

– “Ei, você consegue ouvir o que estou dizendo?” Ao dar exatamente três passos à frente, Theodore falou com o lich.

O lich era um morto-vivo do tipo humano e ainda tinha inteligência. Se a consciência ainda permanecesse no corpo, ele poderia falar por um momento antes de sua destruição. De onde veio? Quem causou isso? Theodore não tinha grandes expectativas. No entanto, se ele pudesse resolver uma dessas questões, poderia se tornar a pista para essa situação misteriosa.

– “…Kuah….” O lich não conseguia nem produzir um som.

Theodore suspirou e estendeu a mão direita, enviando um pequeno fluxo de poder mágico até o lich. Não era o suficiente para restaurar o corpo, mas devia ser o suficiente para ele ser capaz de falar.

– “Me responda. Qual é o seu nome?”

Os maxilares do lich se abriram e ele respondeu, – “…Grande… Sacerdote… de 2º Grau de Lairon… Verm-ud…”

– “Vermud.” Theodore repetiu. Ele percebeu a autenticidade das palavras e perguntou rapidamente, – “Vermud. Você é um sacerdote? Ou um mago?”

– “…N-Não… Me insulte…! S-Servo de… Lairon… para toda a vida…”

– “Droga! Não é uma mentira.”

Theodore obteve a resposta que queria, mas não pôde deixar de xingar. Ele esperava que o corpo original fosse alguém que havia roubado a roupa, mas suas expectativas não foram recompensadas. Em vez disso, um sacerdote sênior de Lairon foi transformado em um morto-vivo.

Era difícil de entender, mas seu cérebro tinha encontrado a pior relação causal. ‘Droga, talvez Lairon já tenha…’

Enquanto o Theodore estava ocupado se preocupando, o lich ficou sem poder mágico e começou a tremer.

– “Kuock! Ku…oh, ohhhh! Argghhh…!”

O corpo, que não tinha mais carne, apareceu. A roupa de sacerdote foi rasgada, e um som estranho foi feito. Então, algo aconteceu quando o Theodore estava prestes a acabar com a situação rapidamente.

– “…Grande Lai… Lairon…!” O sacerdote morto-vivo, Vermud, começou a gritar. – “Por quê…? Lançando-me nas trevas… Seu servo… Você me abandonou?!”

Com aquele último grito, ele finalmente morreu. As cinzas que se acumulavam dentro das roupas eram os últimos vestígios do Vermud no mundo material. Era impossível para ele ser até mesmo enterrado. No entanto, não foi a morte do Vermud que causou um calafrio na espinha do Theodore.

– “Lairon, abandonou…?”

O último grito do Vermud estimulou a supersensibilidade do Theodore. Ele não sabia por que, mas foi como se um martelo tivesse batido na parte de trás de sua cabeça. Theodore ficou entre as chamas e viu sinais dos mortos-vivos que foram eliminados com suas flechas. Roupa de camponês, roupa de soldado, roupa de ferreiro…

Os tipos de trabalho podiam ser distinguidos, mas todas pareciam ser roupas de Lairon.

*Calafrio*

Talvez o pior cenário que ele havia imaginado—

– “Theo! Todos os que estavam fora da cidade foram eliminados!” Naquele momento, a voz da Veronica soou do céu distante.

– “Isso foi rápido. Havia pelo menos 2000-3000 deles.” Theodore murmurou com um sorriso irônico.

Claro, era mais fácil para a Veronica lutar fora de lá do que lutar nas ruas. Ele observou a Veronica no céu e logo ouviu os aplausos de uma multidão. Talvez os guardas aos quais o Randolph se juntou reconhecessem a situação.

‘Bem, acho que preciso falar com o Conde Albert.’

Independentemente de ele estar certo ou errado, o impacto dessa situação não terminaria com um reino. Era um desastre que podia se espalhar para mais da metade do Continente Central. Se a resposta inicial fosse incorreta, dezenas de milhares de vidas poderiam ser perdidas.

Para comunicar adequadamente a seriedade, a situação precisava da garantia de alguém com credibilidade… como um grande mago cuja reputação era conhecida em todo o continente e que tinha uma amizade com a família real.

– “…Vamos lá.” Theodore deixou os restos mortais do Lich Vermud, que já foi um sacerdote, e voou para os céus.


– “Eu sinceramente agradeço sua ajuda, Sr. Theodore! Eu nunca poderei retribuir esta graça!” O Conde Albert chorou enquanto segurava as duas mãos do Theodore.

Como um senhor de uma área de fronteira, seu grande físico e poder refinado mostravam que ele era um usuário de aura bem treinado. Não era o suficiente para atingir o nível de um mestre, mas ele ainda era um especialista. A maior parte dos destroços na área foi resultado de sua cooperação com o Randolph.

– “Não foi nada, Conde Albert. Eu me deparei com esse desastre por acaso e fiz o que qualquer aliado faria.”

– “Ohh, tão modesto em uma idade tão jovem! Eu vi as verdadeiras cores do herói de quem só ouvi falar em rumores.”

Theodore mal conseguiu acalmar o Conde Albert e fez algumas perguntas.

– “O ataque dos mortos-vivos definitivamente começou na noite passada.” O Conde Albert cerrou os punhos e baixou a voz no momento em que lhe perguntaram quando o ataque havia começado.

Ele estava cheio de uma intenção assassina de quebrar os ossos do bruxo ausente.

O nobre do Reino de Soldun espalhou uma energia fria por todo o lugar enquanto contava a história. – “A princípio, eu não tive medo. No entanto, eles continuaram chegando a cada minuto. Depois de matar cem, mais mil chegaram. Depois dos mil, havia mais… Meus soldados não são fracos, mas nessa situação, eles não conseguiram respirar nem por um momento. Depois alguns mortos-vivos conseguiram atravessar as muralhas.”

– “Então nós chegamos.”

– “Sim! Foi isso o que aconteceu. Eu enviei um mensageiro logo após o nascer do sol, mas vai demorar pelo menos mais dois dias para uma resposta chegar. Se você não tivesse ajudado, este território…!”

Theodore acalmou novamente o frenético Conde Albert e pediu um lugar para conversar com seus dois companheiros. A próxima tarefa foi feita rapidamente. Os soldados do Conde Albert rapidamente montaram um quartel para as três pessoas ficarem. Em retrospecto, não foi fora do esperado. Eles apareceram do céu, salvando os soldados de dezenas de milhares de mortos-vivos. Então, essa reação foi normal.

No alojamento confortavelmente mobiliado, as três pessoas sentaram ao redor de uma mesa redonda e iniciaram uma reunião séria. Claro, o líder era o Theodore, e ele imediatamente pegou um pedaço de pergaminho.

– “Randolph.”

– “Hum?”

A caneta se moveu rapidamente na mão do Theodore, e ele logo terminou de escrever uma carta.

– “Permaneça no Reino de Soldun e envie esta carta ao Rei Elsid. Você é conhecido pelo Marquês Piris — não, Duque Piris e o rei, então eles ouvirão você.”

– “Então, e quanto a Lairon? Você vai com a Veronica?”

– “Sim.”

Ele sentiu pena do Randolph, mas a velocidade com que os magos seniores podiam se mover ia além da imaginação. Não importa o quão rápido um mestre da espada fosse, sua aura era finita. Seria tarde demais se o Randolph voasse com os dois. Era melhor deixar o Randolph no Reino de Soldun para preparar as defesas.

– “Além disso, é altamente provável que não possamos passar por Lairon por terra. Eu preciso chegar rapidamente à capital de Lairon.”

– “Hã? Por quê?”

Desta vez, tanto a Veronica quanto o Randolph ficaram confusos. As defesas de Lairon eram rígidas, mas não eram capazes de parar um mestre da espada. Mesmo que ele precisasse se apressar, por que não usar a rota terrestre em vez de correr o risco de deixar um mestre para trás? Theodore olhou para eles e abriu a boca assim que confirmou que não havia ninguém por perto. – “Hah, é provável que o Reino de Lairon já tenha sido destruído. Quaisquer cidades que ainda estejam intactas provavelmente serão cobertas por milhões de mortos-vivos.”

– “…O quê?”

– “Entre os mortos-vivos que atacaram o território do Albert, havia um vestindo roupas de sacerdote. Era um lich, não um zumbi ou um carniçal.”

– “O quê?! Isso é bobagem!” Randolph não tinha conhecimento de magia e estava confuso.

No entanto, Veronica estava bem ciente do significado e ficou espantada. Pensar que o adorador de um deus, que não podia se tornar um morto-vivo, na verdade se tornou um morto-vivo sênior? Além disso, havia o grito de que Lairon os havia abandonado. Além disso, embora ainda não tivesse contado a ninguém, Theodore tinha algumas outras pistas sobre essa situação.

「 O adorador da morte se esconde. 」

「 A sombra do falso deus é levantada. 」

O que restaria se a sombra fosse levantada? Luz? Não, não sobraria nada depois que a sombra se fosse. Se o deus da igreja de Lairon tivesse “desaparecido”, não seria impossível para os sacerdotes se tornarem mortos-vivos.

‘Não, seria ótimo se o problema fosse apenas o desaparecimento de Lairon.’

Na pior situação da qual Theodore não podia falar em voz alta, era possível que um demônio estivesse enterrado atrás da máscara do falso deus. Se um deus se transformasse em demônio, então um sacerdote se tornaria um bruxo. Os servos de um deus se transformariam em servos de um demônio.

“Lairon” era um nome que unificou o reino, e se essa união fosse usada…

Mais de 10 milhões de mortos-vivos e um reino da morte poderiam nascer em uma manhã.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar