Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

The Villain Wants to Live – Capítulo 360

Epílogo (4)

#Passado

Nesse dia, há cinco anos, a maior estrela do mundo se apagou.

Deculein está morto.

Era um fato indiscutível. Sophie observou o momento de sua morte.

FSHSH!

Topo de uma montanha coberta de neve.

Com olhos além das capacidades humanas, Sophie observou a paisagem dentro da cabana de Rohakan.

-“Irmão.”

Yeriel chamou por Deculein. Deculein sorriu para ela.

Sophie supervisionou pessoalmente a última conversa entre os dois.

“Yeriel.”

Deculein estendeu a mão para confortar sua irmã de luto.

“… por que você estava se escondendo? Yeriel perguntou.”

Ela tentou não chorar, mas sua voz tremeu.

“Eu não estava me escondendo”, respondeu Deculein.

Naquele momento, Ellie deu um passo mais perto e abaixou a cabeça. Foi uma saudação modesta e simples.

Olhando para o olhar dela, que era mais profundo do que cem palavras, Deculein acenou com a cabeça em resposta.

Com isso, eles se despediram.

Deculeinentão falou com Yeriel novamente.

“Eu estava esperando.”

Sophie apoiou o queixo na mão e sorriu.

Essas palavras foram calorosas e carinhosas. Então se dirigiam uns aos outros aqueles que eram parentes de sangue.

Embora Yeriel não tivesse uma gota do sangue de Yuklaine, ele a aceitou como sua irmã.

“…você está indo bem.”

Cada uma de suas palavras esquentou como o sol.

“Eu estou fazendo o meu melhor.”

Yeriel chorou com o elogio de Deculein.

No entanto, era impossível dizer por sua expressão manchada de lágrimas se ela estava feliz ou triste.

“Então você estava me observando? Yeriel perguntou, apertando sua mão.”

As lágrimas dela caíram na mão dele.

“Sim, Yeriel”, disse Deculein. “Você está indo bem. E você ficará bem no futuro.”

Foi um elogio sincero.

“Então não há nada para ficar triste. Eu posso confiar em você.

Deculein sorriu. Erguendo um pouco o corpo, ele abraçou Yeriel com força.

Porque você é minha irmã.

Depois disso, houve um rugido alto.

Yeriel não conseguia mais conter suas emoções. O grito de seu coração encheu a cabana.

Olhando para ela, Sophie pensou.

Essa Yeriel será capaz de controlar suas emoções no futuro? Sua sanidade evaporou, tornando qualquer julgamento impossível. Seria bom se ela não desmaiasse.

“Sim. Porque eu sou sua irmã.”

… no entanto, Yeriel recuperou a compostura mais cedo do que Sophie esperava. Ela mordeu o lábio e enxugou as lágrimas com a bainha da manga. Então ela enterrou o rosto no peito de Deculein.

Ela é a chefe da família com a mesma determinação e vontade de Deculein.

“Muito obrigado. E…”

Ela não queria desperdiçar os últimos momentos de sua vida apenas com a tristeza, então decidiu deixar escapar tudo o que estava em seu coração todos esses anos, sem deixar arrependimentos …

“Eu te amo.”

Ela sempre queria dizer algo que nunca havia dito antes. Pelo menos agora ela não podia ficar em silêncio.

“Estou feliz que você é meu irmão.”

Nesse momento, Deculein sorriu calorosamente e respondeu:

“… obrigado, Yeriel.”

No entanto, seu sorriso foi temporário.

O corpo, cujo coração havia parado, já havia atingido seu limite naquele momento e estava apenas esperando que Yeriel o liberasse.

Aceitando a própria morte, que há muito procurava, Deculeinfechou lentamente os olhos.

“Descanse em paz irmão.”

Yeriel também aceitou sua morte.

###

 O presente

” …Eu não gostei disso.”

Sophie olhou para Ifrin, pescando na margem do lago.

-“O que você não gostou? perguntou Ifrin.”

“Não quero tolerar a morte dele”, disse Sophie.

Ifrin inclinou a cabeça.

“E o que isto quer dizer? Existe alguma maneira?”

Era um dia calmo e ensolarado. De fora vinha o chilrear dos pássaros.

Elas conversaram nas montanhas, onde as pessoas raramente apareciam e onde a natureza permanecia intocada.

“Você não é um mago? Sua especialidade é criar uma oportunidade, mesmo que não exista.”

-“Não há como voltar atrás.”

Ifrin franziu a testa.

“Mesmo que seja possível, não podemos distorcer uma linha do tempo que já existe.”

Ifrin era rígida em suas palavras.

Para ver Declain, ela poderá sacrificar “todo o seu ser”, mas isso só diz respeito a “ela”.

Para seus próprios propósitos, ela não pode sacrificar nada que não seja ela mesma.

Esta é a filosofia de Ifrin e Deculein.

“Ha. Nada para se preocupar. Sua dedicação será suficiente.”

Segurando a vara de pescar nas mãos, Ifrin olhou para Sophie.

Sophie olhou direto para a água.

“Partículas de tempo.”

“…o que?”

“Partículas de tempo.”

Este é o nome de uma teoria que Deculein deu a Ifrin em Lokralen 5 anos atrás. Foi um milagre realizado pelos esforços conjuntos de um professor e um aluno.

“Dizem que é a magia que você aprendeu em Lokralen.”

BRR!

A vara demorou. A bóia começou a afundar.

E?”

Com a ajuda dela, podemos fazê-lo.

“O que…”

“Como você se lembra, logo após a morte de Deculein, um meteorito caiu no norte.”

Meteorito.

Ifrin pensou por um momento, então assentiu.

“O dia em que Vossa Majestade e eu viajamos juntos para o futuro…”

“Sim.”

No passado, Sophie Ifrin viajaram juntos para o futuro.

Lá, Ifrin recebeu uma varinha de Deculein.

O último presente que o falecido Deculeindeixou para ela.

“Eu tenho um fragmento deste meteorito.”

As pupilas de Ifrin vibraram. Ela olhou para Sophie com preocupação em seu rosto.

“E também…”

Clique!

Sophie estalou os dedos.

Naquele momento, os arbustos atrás deles se mexeram. Olhando em volta, Ifrin fez uma expressão engraçada, mas sorriu rapidamente.

“Oi. Não te vejo há muito tempo,” uma voz seca soou.”

Ela era a única mulher que á Arquimaga Ifrin poderia chamar de amiga.

Sylvia .

“Saudações, Arquimaga Ifrin.

Além disso, havia outra pessoa que a chamava de arquimaga. O maior aventureiro do continente que não era mais criança.

“Lia, Sylvia. Por que vocês duasestão aqui?

No entanto, a alegria de Ifrin foi temporária. De repente ela franziu a testa.

Lia sorriu amplamente. Por alguma razão, seu olhar e postura estavam cheios de confiança.

Ifrin levantou-se sem dizer uma palavra. A mana em seu corpo também começou a se mover.

Claro, esse encontro inesperado é tão agradável quanto repentino, mas como arquimaga encarregada de proteger a causalidade e a providência, como líder do mundo mágico do continente, ela deve eliminar qualquer ameaça séria.

“O que você acha? Ifrin perguntou baixinho.”

A pressão do poder mágico era tão grande que sufocaria imediatamente uma pessoa comum.

Mas Lia sorriu suavemente de qualquer maneira.

“Achei que você gostaria.”

“Se você quer distorcer a passagem do tempo…”

“Existe uma maneira melhor do que isso.”

Liaé da equipe de aventureiros Granada Vermelha. Tendo recebido o título de “Melhor Aventureira do Continente” nos últimos 5 anos, ela agora tinha quase a mesma altura de Ifrin.

“Se apenas….”

Olhando diretamente em seus olhos, Lia explicou:

“Se descobrir que o professor não está realmente morto. Não, se fizermos isso, então será possível.

Foi a frase mais absurda que ela disse com a expressão mais séria no rosto.

###

Cabana Rohakan

Nada é impossível. Isso é o que os feiticeiros costumam dizer.

A causalidade do mundo não é apenas uma dicotomia entre “possível” e “impossível”, mas a “possibilidade” que existe entre eles. Portanto, um verdadeiro mágico está procurando por esta oportunidade. Por mais impossível que algo pareça, ele embarcará no caminho das possibilidades, não poupando sua alma.

“Concordo com essa ideia”, disse Sylvia.

Ela também é uma espécie de “verdadeira mágica”.

– …

Ifrin, por outro lado, estava em silêncio.

Ela estava agora na cabana de Rohakan, ponderando sobre as palavras de Lia.

“Você quer enganar o mundo? Ainda é difícil de entender.”

Enganar o mundo.

Esta é a essência da sugestão de Lia: “Deculein pode não estar realmente morto.”

“É possível? Não é impossível.”

“Em primeiro lugar, não contradiz a providência. Não se trata de trazer os mortos de volta à vida e não se trata de voltar no tempo.”

Ifrin acenou com a cabeça com as palavras de Sylvia.

O conteúdo desse plano absurdo era simples.

O primeiro passo é criar uma [Passagem] que leve ao passado usando as Partículas do Tempo. Retorne por um breve momento ao tempo em que o Inverno Eterno congelou todo o continente.

Será preciso muito esforço, mana, um catalisador, um intermediário e sacrifícios apenas para concluir esta primeira etapa, mas será bem-sucedido de qualquer maneira.

Em seguida, o segundo passo: encontrar Deculein, que entrou em hibernação há dez mil anos, e “escondê-lo” do mundo.

“Você já desenvolveu a magia?” Ifrin perguntou a Sylvia.

O trabalho de Sylvia era “esconder” Deculein, e ela já teve sucesso.

Ela respondeu calmamente:

“Eu fiz parecer [Fora do Mundo] tanto quanto possível.

E ela incorporou essa magia na forma de uma forma da qual ela tinha muito orgulho.

“Tela?”

“Sim.”

Tela.

O esconderijo de Deculein, criado usando centenas de milhões de elne e muitas pedras de mana de Marik. Lá ele pode se esconder dos olhos do mundo.

“…e o que vem a seguir?”

“Existem muitas pinturas na galeria do farol. Pendure uma tela entre eles, depois volte…”

Não havia necessidade de falar sobre o terceiro e último passo.

Encontro com oprofessor.

“… isso é um absurdo.”

Ifrin sorriu amargamente.

Sylvia acenou com a cabeça da mesma forma..

Arquimaga Ifrin e de fato Arquimaga Sylvia. Mesmo que esses dois magos pensassem que era um plano absurdo…

“É possível. Tenho certeza.”

A aventureira Lia estava mais confiante do que ninguém na possibilidade de salvar Deculein.

“Eu estava lá no último dia da vida do professor”, disse Lia.

Ela virou a cadeira à sua frente e encostou o peito no encosto.

“Em seus últimos momentos.”

Os últimos momentos de Deculein.

E, ao mesmo tempo, os últimos momentos de Kim Woojin.

Embora tarde demais, ela sabia quem era Kim Woojin, que veio a este mundo, e Deculein.

Nesse momento, Prof…

Ele era diferente. Sua aparência, voz e rosto eram ligeiramente diferentes dos de Deculein antes da hibernação.

Claro, sua morte permanecerá um fato indiscutível.

“Salvaremos o professor adormecido, passaremos um tempo com ele e, antes que o professor morra, o traremos de volta a esta linha do tempo.”

“Mas…”

Quando Ifrin estava prestes a dizer algo, Liaa interrompeu, tirando-a de suas preocupações:

“Até então, o progresso da [Compreensão] irá parar. Enganar o mundo significa cortar temporariamente toda conexão com essas forças ou talentos. Assim, o professor permanecerá humano.

“… você tem tanta certeza disso?”

Ifrin tinha um rosto muito assustado, mas Liasorriu.

“Sim. Mas não espere que o professor viva muito.”

Deculein já fez muito. Este é um homem que levou sua alma e corpo ao limite.

Ele pode viver apenas um ano, ou talvez 30 anos.

“Além disso, o professor que salvamos deve um dia retornar a esta linha do tempo e morrer. Assim como aconteceu há cinco anos nesta cabana.

No entanto, seus momentos finais não vão a lugar nenhum. Deculein deve retornar a esta “cabana de cinco anos” e esperar por Yeriel e sua própria morte.

“Só assim o mundo será enganado, e assim salvaremos Ifrin em Lokralen.”

385 anos em Lokralen.

Ifrin não pode e não deve suportar este tempo sozinha. Além do mais, ela já passou por isso com Deculein. Seja qual for o futuro de Deculein, ele definitivamente retornará a esta linha do tempo.

“Claro, essa interferência causará uma leve distorção. Porém… você sabe, não é?”

Lia apontou para Ifrin.

“O que deve acontecer, com certeza vai acontecer.”

###

Experiências

Tarde da noite no norte. A cabana de Rohakan.

Após a morte de Deculein neste lugar, que Ifrin havia herdado de Rohakan, Ifrin estava agora absorta na criação da [Passagem] que leva ao passado.

“Ha-ah…”

Foi muito difícil. Mesmo sendo uma arquimaga que controla o tempo, a distância entre o passado e o presente é muito grande. Felizmente, o fragmento do meteorito que deveria ser o catalisador do milagre estava brilhando intensamente em sua mesa agora.

Mas mesmo que as coisas estivessem indo de acordo com o “otimismo” de lia, qualquer erro poderia se tornar extremamente grave.

Vale a pena abrir esta passagem e haverá possibilidade de confusão temporária. A partir do momento em que a passagem é aberta até o momento em que é fechada, essa oportunidade crescerá exponencialmente.

Se mesmo o menor cálculo estiver errado, então a destruição do mundo que o professor Deculeinfoi capaz de evitar…

Aplaudir!

Uma mão pousou em seu ombro.

“Vejo que você tem um problema.”

Essa voz pertencia a Sophie.

Ifrin olhou para ela e sorriu amargamente.

“Sim. Estou com um problema, mas está tudo bem. Tudo bem.”

Se tal situação surgir, Ifrin sabia como lidar com isso.

Então ela se espreguiçou e perguntou a Sophie:

“A propósito, como você está?”

“O que você quer dizer? Sophie respondeu, sentando-se na cadeira em frente a ela.”

“Um mundo sem professor. Já faz um bom tempo, não é?”

“…sim. Cinco anos.”

Não havia emoção na voz de Sophie. Ela era mais uma vez uma imperatriz entediada, desinteressada em qualquer coisa.

“Bobagem em todos os sentidos…”

Ela olhou para Ifrin para avaliar as emoções que apareceriam em seu rosto.

“O mundo é uma coisa muito misteriosa, e tudo no mundo não tem sentido para mim…”

De repente, a imperatriz fechou os olhos, como se tentasse se lembrar do rosto de alguém, e sorriu levemente.

“Mas sem este mundo, eu não teria conhecido a pessoa que eu mais amava.

“Aqueles que fazem o que é certo devem ser recompensados, e aqueles que cometem crimes devem ser punidos.”

Sophie olhou para a mesa de Ifrin.

A fórmula para a magia gigante que abre a [Passagem]. Os papéis em que estava escrito estavam cuidadosamente arrumados.

“Então vou recompensar Deculein por salvar este continente.”

Sophie pegou um lápis e corrigiu algumas partes da fórmula que Ifrin estava pensando.

“Este é o mundo que ele salvou, então não faz sentido que ele não possa mais viver nele.”

“MAS?!”

Ifrin arregalou os olhos quando viu as correções.

“Pelo bem de um ente querido, posso sacrificar tudo o que puder.”

Sophie sorriu suavemente e olhou para Ifrin.

“Prepare-se. É hora de começar a trabalhar.”

Ifrin imediatamente ficou de pé. Seu coração batia mais rápido. Ela sentiu seu cérebro apertar pela primeira vez em muito tempo.

“Sua Majestade a Imperatriz!”

Ela testemunhou uma visão que penetra na essência da magia e da mente e vai além do nível de um arquimago.

“Haha. Agora você está me chamando de imperatriz novamente.”

Sophie sorriu maliciosamente e disse:

Vamos salvar aquele professor insolente.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar