The World After the End – Capítulo 65

Reunião da Tríade (1)

Fortaleza Oriental – Manticore

Jinong, o líder do Clã Céu Dourado, pensou que era uma farsa quando ouviu pela primeira vez que Magrit havia sido morto.

— De jeito nenhum!

Era um Homem Morto Extra Grande que exigiria pelo menos um General Inferior das <Grandes Terras> para lidar. Um que era tão poderoso quanto um adaptado de nono estágio. Era tão poderoso que havia apenas três deles no <Caos>.

— É impossível!

Jinong enviou pessoas para verificar. E depois do terceiro dia, foi informado de que todos os seus escritórios do norte perto de Gorgon haviam sido destruídos.


[Dez dias depois que Magrit foi morto… Muitas mudanças em Gorgon… A maior mudança é… E eu entrevistei um velho passando…]

Lenius, um jornalista associado da [Caos Mensal], parou de digitar com sua habilidade [Memorando de Emergência] e olhou para cima para perguntar:

— Então, quais mudanças você notou depois?

O velho musculoso carregava um chifre enorme no ombro. Parecia que ele era um ferreiro, pois tinha um cinzel e um martelo no cinto. Como ele próprio carregava coisas, provavelmente não era muito importante em Gorgon. Era uma pessoa perfeita para fazer essas perguntas.

— Ficou melhor para viver.

Melhor para viver? Essa foi uma resposta estranha para o jovem Lenius entender completamente, já que estava apenas há 30 anos no <Caos>.

— Senhor, exatamente de que maneira melhorou?

— Bem, para começar, a economia está indo bem.

A economia de Gorgon estava crescendo. Eles agora tinham seis dos Dez-Clãs. Que se mudaram para Gorgon com um grande número de guerreiros poderosos. Isso significava que esses guerreiros trouxeram muitos chifres e outros bens que indivíduos mais fracos não poderiam obter. Mas isso não foi a única coisa.

— Tenho certeza de que isso não é suficiente para mudar tanto as ruas.

Gorgon estava em ruínas. As muralhas externas haviam sido dizimadas e muitas pessoas perderam suas casas, sem falar no incontável número de espíritos que pereceram. No entanto, as pessoas pareciam felizes. As pessoas que consertavam suas casas estavam cheias de alegria, e aqueles que compartilhavam chifres estavam animados. Nenhum outro lugar no <Caos> era assim.

— Bem, você diria isso mesmo, já que não viu o [Caminho na Onda].

Um Caminho que foi criado no mar de Homens Mortos. Lenius tinha ouvido falar disso, mas não conseguia entender. Como um homem poderia começar um ‘Caminho’ no meio de milhões de Homens Mortos?

“Mesmo se fosse verdade…”

Lenius pensou que talvez não fosse a única coisa importante. No dia do ataque, muitos jornalistas estavam no local. No entanto, todos aqueles jornalistas sêniores deixaram esta mensagem.

— Às vezes, algumas coisas valem mais do que apenas alguns artigos.

Então, se juntaram à luta contra os Homens Mortos. E morreram. Foi por isso que associados como Lenius foram enviados para investigar.

“O que eles viram naquele dia?”

Ele estava curioso sobre o que tinham testemunhado.

— Bem, vou apenas dizer que ficou melhor para viver. E deixar assim.

O velho musculoso entrou em uma pequena tenda. Tinha uma placa sobre ela que dizia ‘Tenda de Cura de Emergência’. Lenius seguiu o velho para dentro.

— Ei, aqui está um novo chifre.

— Ah, você chegou!

Os curandeiros correram rapidamente para verificar o chifre.

— Espere, isso é um chifre de besta de quatro chifres! Não podemos usar…

— É por isso que eu trouxe aqui.

O velho então bateu o martelo no chifre e o esmagou. Os curandeiros ficaram chocados, assim como Lenius. Ele era apenas um associado, mas sabia como os chifres de bestas de quatro chifres eram duros.

“Ele não é apenas um velho?”

A pergunta em sua mente foi rapidamente respondida pelos curandeiros.

— Vice-Chefe, você é realmente incrível!

O remédio que foi processado pelo velho foi então usado para curar outros pacientes. Lenius encarou pasmo. Usando um chifre de besta de quatro chifres como remédio? Era inédito em qualquer uma das outras fortalezas.

— Acho que esse lugar está cheio de gente rica.

Mas os pensamentos de Lenius foram provados errados logo em seguida.

— Espere… Esses medicamentos são distribuídos de graça?

— Hã? Sim…

Respondeu o velho. Todos os pacientes eram Não-Adaptados. Não havia como os não-adaptados terem dinheiro para comprar chifres de bestas de quatro chifres.

— Por que você está fazendo isso? Como você pode se dar ao luxo de…

— O Mestre de Gorgon os caça ele mesmo.

— O próprio Mestre?

— Sim. Ele traz de volta centenas quando sai. Há muitos destes.

Lenius não acreditou no que ouviu. Um Mestre da Fortaleza saindo ele mesmo para caçar bestas de chifres?

— Nem tente. Você não vai entender a menos que viva aqui.

O velho parecia muito orgulhoso do que estava dizendo. Lenius percebeu com quem estava falando.

O Vice-Chefe da Queda do Crepúsculo, Meikal Garnad.

Era o único humano que podia processar o chifre de Garnak e o melhor ferreiro de Gorgon.

“E ele está muito orgulhoso da mudança.”

Lenius, como viveu apenas trinta anos no <Chaos>, sabia do que essa expressão era resultado. Era uma expectativa positiva.

— Melhor para viver.

Ninguém que viveu mais de cem anos no <Caos> usava a palavra ‘viver’ facilmente. A palavra em si contradizia diretamente as pessoas do <Caos>. Mas Meikal, que viveu mais de cento e cinquenta anos no <Caos>, usou essa palavra. Lenius pegou o [Memorando de Emergência] e verificou as manchetes que havia escolhido quando foi enviado pela primeira vez.

[Mestre de Gorgon. Esperança ou Desastre?]

Lenius rapidamente apagou o título. Então, ele se virou para as ruas. As pessoas riam esperançosas. Ele então rapidamente começou a escrever o que sentia naquele momento.

[O Povo de Gorgon está ‘vivendo’ novamente.]

Ele sentiu que este seria um artigo muito importante. O que ele ia dizer era a personificação de algo muito vital para o <Caos>.

Nesse momento, uma explosão assustou Lenius. A fumaça começou a subir de dentro da fortaleza interna.

— O que está acontecendo?

Lenius perguntou, ao que Meikal deu de ombros enquanto respondia:

— Bem, isso é normal.

Lenius olhou para a fumaça. Explosões como essa só ocorreriam quando Adaptados de alto estágio lutassem. Lenius então lembrou que agora havia seis dos Dez-Clãs do <Caos> residindo em Gorgon. Parecia quieto demais para isso. Ter apenas três clãs em uma fortaleza era o suficiente para resultar em guerras de clãs. E agora havia seis deles.

— Está acontecendo uma guerra dentro do Dez-Clãs?

— Uma guerra? HAHAHA!

Meikal riu como se tivesse acabado de ouvir a piada mais engraçada de todos os tempos.

— Bem, dá para dizer que é uma guerra, eu acho.

Meikal então assistiu enquanto os líderes daqueles Dez-Clãs eram jogados ao céu.

— Foram cinco hoje.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar