Participe do nosso novo grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação e veja os benefícios.

Reaper of the Drifting Moon – Capítulo 309

Capítulo 309

— Uff! 

Geomyeon se esticou e saiu para fora.

Um dos maiores benefícios de ser um funcionário era poder dormir na estalagem.

Embora fosse um quarto simples, ainda significava ter um espaço só seu para se proteger do vento e do frio. Além disso, ele conseguia ter uma refeição relativamente satisfatória, mesmo que sua comida fosse principalmente restos dos hóspedes.

Essa era uma das razões pelas quais Geomyeon se tornou um funcionário.

O fato de poder dormir de barriga cheia sem um estômago roncando era o suficiente para ele. Mas isso não significava que ele esqueceu de seus irmãos, que ainda estavam dormindo nas ruas.

Geomyeon carregava uma bolsa nos braços.

A bolsa estava cheia de sobras deixadas pelos clientes. Ele tinha estado cuidadosamente coletando-as, enquanto era cuidadoso com o olhar do dono da estalagem, para alimentar seus irmãos mais novos.

— Hehe! Eles vão adorar. 

Geomyeon sorriu ao imaginar as expressões felizes de seus irmãos.

Tum!

De repente, alguém pulou do outro lado da viela.

— Irmão! 

Quando Geomyeon percebeu quem era, imediatamente largou a bolsa de lado e correu até ele.

A pessoa caída no chão, coberta de sangue, não era ninguém menos que Tae Musang.

— O que aconteceu, irmão?! 

— P-Precisamos sair daqui rápido. 

— Do que você está falando? 

— Ele está vindo atrás de nós. 

— Irmão! 

— Ele já matou as crianças. E, Entre elas… Entre elas estavam Amon, Cheongyu… Jinha… 

— O quê? 

Os olhos de Geomyeon tremeram.

Ele conhecia todas as três crianças.

Embora essas crianças fossem arteiras e muitas vezes se metessem em encrenca, ainda eram fundamentalmente boas crianças. Eram os irmãos mais novos que amavam muito Geomyeon e o seguiam por aí.

Tae Musang agarrou a mão de Geomyeon.

— Não há tempo para explicar. Ele está nos perseguindo. 

Tae Musang arrastou Geomyeon junto e correu.

Enquanto Geomyeon corria atrás de Tae Musang, ele continuava olhando para trás.

Nesse momento, uma figura surgiu da viela de onde Tae Musang tinha saído.

Ele segurava uma espada pingando de sangue.

Mesmo na escuridão, seus olhos frios eram claramente visíveis.

Seus olhos estavam fixos em Tae Musang e Geomyeon.

— Parece que mais um cachorro vadio se juntou. 

Sua voz era estranhamente baixa. Mas ainda assim, penetrou nos ouvidos de Geomyeon com uma clareza surpreendente.

Seu perseguidor deliberadamente infundiu sua energia interna para murchar.

Apenas para que Geomyeon pudesse ouvir.

— Glup

Geomyeon sentiu um calafrio correndo pela espinha.

Ele e Tae Musang correram a toda velocidade.

O homem os seguia de perto.

O homem brandia sua espada selvagemente no ar, fazendo o sangue na espada respingar.

Sua aparência se tornava ainda mais aterrorizante.

Geomyeon não teve tempo de perguntar a Tae Musang o que havia acontecido.

Ambos precisavam fugir agora.

Mas Geomyeon percebeu instintivamente que não poderiam escapar com sucesso assim.

Amon, Cheongyu, Jinha.

As três crianças que o homem havia matado eram todas crianças leves e ágeis. Eram tão rápidas que nem mesmo Geomyeon conseguia alcançá-las.

Se essas três crianças haviam sido mortas, seria impossível para ele e Tae Musang escapar da perseguição desse homem, não importa o quanto corressem.

— Irmão! 

Geomyeon chamou por Tae Musang.

Tae Musang virou a cabeça para olhar para Geomyeon.

Ele já estava sem fôlego de correr para longe do porto, então não tinha tempo para responder.

Geomyeon falou brevemente,

— Vamos para a estalagem! 

Foi uma sugestão sem explicação, mas Tae Musang entendeu imediatamente a intenção de Geomyeon.

Ele assentiu e empurrou as pernas juntas.

TacTac!

Os passos do homem atrás deles ficaram mais altos, o que significava que ele estava se aproximando.

O suor frio escorria pelas costas como louco.

Seus corações batiam violentamente, como se ameaçassem pular para fora de suas bocas.

Shiak!

Um som nítido de rasgar veio de trás.

Geomyeon e Tae Musang instintivamente torceram os corpos para evitar a espada do homem. No entanto, não conseguiram evitar completamente a espada.

Uma longa ferida apareceu em suas costas. Felizmente, os ferimentos eram apenas superficiais. Ainda podiam se dar ao luxo de se mover.

Mas mesmo assim, a dor lancinante fez com que eles cambaleassem e quase caíssem.

— Ah

— Desgraça! 

Geomyeon e Tae Musang lutaram para recuperar o equilíbrio e correram novamente.

Então, uma voz masculina veio de trás deles.

— Ratos persistentes, não são? 

Sua voz estava cheia de irritação.

Era inevitável.

Essa perseguição noturna era um evento inesperado que não fazia parte do plano deles.

Seu propósito original era se infiltrar à noite, realizar sua missão e sair silenciosamente.

Eles não tinham planejado uma perseguição noturna.

Tudo por causa de Tae Musang.

“Por causa de um maldito rato, não, dois malditos ratos, tenho que passar por todo esse sofrimento.”

Uma aura arrepiante emanava dos olhos do homem enquanto ele observava as costas dos dois.

Ele estava determinado a despedaçá-los se conseguisse pegá-los.

Shiak!

Sua espada mais uma vez cortou a escuridão.

Desta vez também, Geomyeon e Tae Musang evitaram por pouco a espada.

— Eles têm instintos notáveis. 

Os movimentos dos dois não podiam ser simplesmente atribuídos à sorte.

Ocasionalmente, existem crianças que possuem instintos bastante aguçados.

Se eles tivessem nascido em uma seita de artes marciais prestigiosa ou em uma família nobre, teriam sido elogiados como talentos excepcionais.

Testemunhar duas crianças assim juntas não era de forma alguma um acontecimento comum.

“Que desperdício!”

Sob outras circunstâncias, ele definitivamente teria levado as duas crianças. Mesmo que se recusassem a se juntar voluntariamente, ele as teria sequestrado e as teria criado como subordinadas valiosas.

Ele também havia sido criado nesse processo.

“Agora, vamos acabar com isso.”

A energia assassina nos olhos do homem ficou ainda mais intensa.

A longa perseguição estava prestes a chegar ao fim.

Os movimentos de Tae Musang estavam visivelmente mais lentos, enquanto os movimentos de Geomyeon também se tornaram lentos.

Não importava quão talentosos e fisicamente capazes fossem, era impossível para eles se defenderem completamente contra um habilidoso artista marcial.

Na verdade, simplesmente arrastar a perseguição por tanto tempo já era digno de elogios.

Tum!

O homem pisou no chão.

Era um movimento que não podia ser comparado a nada antes.

Como uma andorinha voando sobre a superfície da água, o homem inclinou a cintura bruscamente e avançou com uma velocidade assustadora.

— Cuidado! 

Geomyeon gritou alto, empurrando Tae Musang para a esquerda.

Em troca, Geomyeon permitiu que a espada do homem cortasse profundamente sua cintura.

Keek!

Com um som horrível de corte, a cintura de Geomyeon foi cortada profundamente.

— Urgh

Geomyeon gritou de dor, retorcendo-se no chão.

O sangue jorrou de sua cintura.

Se mais um pouco passasse assim, sua vida seria interrompida.

“E-Esse… é o fim?”

A visão de Geomyeon ficou turva.

Perdendo muito sangue, seus olhos perderam o foco.

Mesmo nesse estado, Geomyeon ainda conseguiu encontrar Tae Musang.

Graças a Geomyeon, Tae Musang havia conseguido evitar por pouco ser ferido, mas ele também não parecia bem.

Tae Musang já estava ferido, e sua fuga exaustiva o deixara sem forças.

Ele nem tinha mais forças para mexer os dedos.

— Maldição! 

Tae Musang gritou de frustração.

A culpa por não conseguir proteger as três crianças durante a fuga, e por arrastar Geomyeon junto, alimentava seu remorso e raiva.

Geomyeon se sentia da mesma maneira.

Embora não soubesse a identidade do homem, a autoacusação por não conseguir proteger Tae Musang o torturava.

Geomyeon reuniu toda a força restante e gritou:

— Quem é você?! E por que está fazendo isso conosco?! 

— Seu maldito! Seria melhor você me matar! Porque, uma vez que eu me recuperar, eu vou aniquilar todos vocês! Eu definitivamente vou encontrá-los e matar todos vocês! 

Tae Musang também soltou uma voz assassina das profundezas dos pulmões.

Não era apenas um ato de desafio de alguém encurralado.

“Manter esses malditos vivos resultará em consequências significativas.”

Ele, também, possuía os instintos de um artista marcial.

Ele conseguia distinguir se o desafio dos garotos era apenas blefe ou se eles realmente tinham a determinação.

O homem se aproximou dos garotos. Ergueu a espada alto, claramente pretendendo acabar com eles.

Uma pessoa comum teria fechado os olhos diante de tal cena, mas as reações dos garotos eram diferentes.

Eles encararam o homem com os olhos bem abertos, como se quisessem capturar cada detalhe de sua aparência.

O homem, impressionado com a resistência e ferocidade dos garotos, baixou a espada.

Tum!

— Keuh

Naquele momento, o homem soltou um gemido frustrado junto com o som de metal.

“Hã?”

O homem segurou a mão que segurava a espada com a mão esquerda.

Zing!

Sua espada estava vibrando violentamente.

Para o homem, parecia que ela estava gritando.

— Quem é você?! 

O homem gritou, mal suprimindo as vibrações da espada.

A espada não vibrava por si só. O impacto poderoso a havia feito vibrar.

Antes que a espada do homem pudesse atingir os garotos, algo voou e desviou sua espada. O objeto que desviou sua espada desapareceu na escuridão em um instante, sem lhe dar a chance de identificar sua forma.

“Um mestre!”

Ele não conseguia identificar a identidade do objeto que desviou sua espada, nem percebeu sua presença até que a entidade desconhecida interveio.

Seu oponente era definitivamente um mestre.

O homem falou cautelosamente, escaneando seus arredores:

— Isto é uma questão privada entre essas crianças e eu. Eu não sei quem você é, mas não se intrometa nos assuntos alheios e siga o seu caminho. 

Era uma ameaça educada.

Como se ele se sentisse em desvantagem, tentou intimidar seu oponente com a ameaça para enfraquecê-lo.

O homem aumentou seu qi interno, expandindo seus sentidos ao máximo.

Mas ainda não sentiu nada.

“Onde? Onde ele está?!”

Foi então.

— Sinto muito, mas não posso permitir isso… 

De repente, uma voz gelada veio bem atrás dele.

Num instante, ele sentiu arrepios percorrendo todo o corpo.

Ele podia sentir a respiração de seu oponente bem atrás dele.

Todos os seus sentidos estavam agora em alerta máximo.

Seus sentidos estavam tão aguçados que ele podia detectar o movimento de uma formiga a dez metros de distância. Mas mesmo assim, não conseguia detectar a presença de seu oponente de forma alguma.

“O quê?”

Uma gota de suor frio escorreu por sua espinha.

Nesse momento, o homem tomou uma decisão.

Swish!

Ele girou rapidamente o corpo, balançando a espada.

Sua espada cortou a escuridão.

Mas ele não sentiu nenhuma sensação de sua espada se conectar ao alvo.

Seu oponente havia desviado a tempo.

Era um movimento fantasmagórico.

Então, uma voz educada veio de trás dele:

— Você não está usando suas mãos adequadamente. 

— O quê? 

Swish!

Num instante, a mão do homem que segurava a espada foi cortada.

— AHHH

O homem gritou de agonia, segurando o pulso cortado.

Ele se virou, gemendo de dor. Mas ainda não conseguia sentir a presença da pessoa que cortara seu pulso.

Era como se estivesse sendo caçado por um fantasma.

De repente, seu olhar caiu sobre Geomyeon e Tae Musang.

Eles o encaravam como peixes fora d’água, de boca aberta.

Ele olhou nos olhos deles.

Podia ver seu próprio reflexo nos olhos deles.

Havia outro homem de pé como um fantasma atrás deles.

“C-Como?”

Um calafrio percorreu sua espinha.

Não importa quão rápida ou habilidosa fosse a arte marcial de alguém, uma pessoa não poderia se virar mais rápido do que alguém parado no lugar.

Isso era senso comum.

Entretanto, seu oponente se moveu na mesma velocidade que seu movimento de rotação, ignorando completamente esse senso comum.

Não, considerando o raio de rotação, seu oponente estava claramente a uma velocidade várias vezes maior.

Ele se perguntou se era mesmo possível para um humano realizar tal movimento.

Mas ele não conseguiu dar continuidade ao pensamento.

Swoosh!

Um objeto afiado cortou rapidamente pelo ar.

— Keurgh

À medida que seus tendões se rompiam, ele caiu de joelhos, completamente derrotado.


Gostaria de ter sua novel favorita em PDF ou algum outro formato digital para ler offline?? ACESSE AQUI e saiba como!!

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar