Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  104

Arsenal de Almas

Traduzido usando o ChatGPT



Sem perder mais tempo, Sunny mergulhou em seu Mar da Alma.

Apesar de seu estado mental alterado, estava calmo como sempre. A extensão silenciosa de água parada se estendia até a distância vazia, com o Núcleo Sombrio pairando acima como uma estrela escura. Pequenas esferas de luz flutuavam no ar ao redor dele, refletindo na superfície do mar tranquilo.

As sombras silenciosas ainda estavam lá, paradas imóveis na beira da escuridão. Comparadas a antes, suas fileiras haviam aumentado. Monstros de todas as formas e tamanhos estavam entre eles agora, fazendo a coleção de inimigos abatidos por Sunny parecer cada vez mais impressionante. Caminhando por eles, ele olhava de vez em quando para um ou outro, relembrando as emocionantes batalhas com uma mistura de medo e orgulho.

Este era seu museu pessoal, um monumento sombrio a todos os seus pecados.

“Espere… pecados? Por que pecados?”

Justo naquele momento, Sunny tropeçou e parou. Não muito longe dele, uma sombra esquálida estava entre o grupo de criaturas aterrorizantes, olhando silenciosamente para ele com olhos vazios.

Aquela sombra pertencia a um jovem, não muito mais velho que o próprio Sunny. Ele morava no assentamento precário além dos portões do castelo, lutando para sobreviver como todos os outros. Antes… antes…

Sunny desviou o olhar.

“Não me olhe assim. Foi sua própria culpa, tolo. Você não deveria ter feito todas essas perguntas!”

Das três pessoas que ele havia assassinado com as próprias mãos, este assassinato era o único que fazia Sunny sentir algo. Porque não foi feito no calor da batalha ou para resolver uma rixa pessoal. Este… este foi feito a sangue frio.

Foi por isso que ele teve que sair do castelo – entre outras coisas.

Sunny fez uma careta.

“Eu disse para parar de me olhar! Apenas fique morto e não me incomode com seu absurdo!”

Resmungando irritado, ele se virou. Logo, passou pelas sombras do Demônio de Sangue, do líder do grupo de caçadores e da mortífera Santa de Pedra.

Olhando para a figura estática do monstro de pedra, Sunny esqueceu-se de tudo sobre a sombra esquálida e sorriu. Ele estava ali para dar uma olhada no Eco dela, afinal.

A perspectiva de ter outro Eco sob seu comando já era muito emocionante. O carniceiro leal e estranhamente sociável fora de grande ajuda para Sunny no passado, aumentando tremendamente seu desempenho em combate. Afinal, apesar de ter um Aspecto Divino e uma Habilidade poderosa e única, Sunny ainda era apenas um Adormecido, um nível inteiro abaixo do Eco.

O carniceiro, no entanto, era apenas uma besta… enquanto a Santa de Pedra era um monstro. Seu poder era comparável ao dos ferozes centuriões carapaça, superando em muito tudo o que Sunny poderia esperar alcançar neste lugar amaldiçoado. A natureza estranha da estátua viva inabalável a tornava ainda mais formidável.

Ter um servo como esse tornaria muitas coisas impossíveis possíveis. No entanto, Sunny queria ainda mais. Ele estava esperando para ver que milagre seu Aspecto iria realizar, esperando que os resultados superassem suas expectativas mais loucas.

Logo, ele estava em pé sob o sol negro de seu Núcleo Sombrio, observando as esferas de luz que representavam suas Memórias.

Havia nove delas agora.

As que ele realmente usava eram o Manto do Titereiro, o Fragmento da Meia-Noite, o Espinho Espreitador, a Pedra Comum e a Fonte Sem Fim.

Saboreando a expectativa, Sunny convocou cada uma delas uma por uma e leu as runas brilhantes que cercavam as Memórias.

Ele havia conseguido o pesado kunai depois de derrotar uma criatura peculiar que se assemelhava a um porco-espinho monstruoso e blindado. A chuva de espinhos ósseos afiados deixou vários buracos no corpo de Sunny, mas a recompensa valeu a pena.

Memória: [Espinho Espreitador].

Rank da Memória: Desperto.

Nível da Memória: II.

Tipo de Memória: Arma.

Descrição da Memória: [Esta adaga voadora é tão imprevisível e volúvel quanto o afeto de uma jovem beleza, mas, talvez, não tão mortal.]

Encantamentos da Memória: [Rosa da Traição].

Descrição do Encantamento: [O Espinho Espreitador está conectado ao seu portador por uma corda invisível. Essa corda é forte, mas inconstante – assim como o vínculo traiçoeiro do apego sentimental.]

Depois de ler esta descrição pela primeira vez, Sunny não pôde deixar de se perguntar se o Feitiço havia sido desprezado por um amante uma vez. As runas praticamente exalavam amargura.

Em seguida na lista estava sua Memória mais perigosa, a pedra falante.

Memória: [Pedra Comum].

Rank da Memória: Desperto.

Nível da Memória: I.

Tipo de Memória: Ferramenta.

Descrição da Memória: [Apenas uma pedra comum.]

Encantamentos da Memória: [Nem Tanto].

Descrição do Encantamento: [A palavra é mais poderosa que a espada. A pedra é mais poderosa que a palavra.]

A coisa engraçada era que a Pedra Comum, capaz de repetir vários sons, havia caído nas mãos de uma pessoa que era incapaz de contar mentiras. Agora era a Memória mais honesta em dois mundos inteiros.

…Também fez com que Sunny pensasse duas vezes antes de abrir a boca. Às vezes.

A última Memória que ele decidiu examinar era, talvez, a mais preciosa para ele. Era a bela garrafa de vidro que Cassie havia dado a Sunny como um presente de despedida.

Memória: [Fonte Sem Fim].

Rank da Memória: Adormecida.

Nível da Memória: IV.

Tipo de Memória: Ferramenta.

Descrição da Memória: [Um diabo apaixonado já aprisionou um poderoso rio nesta frágil garrafa de vidro. Foi seu presente para um belo espírito do deserto.]

Encantamentos da Memória: [Dádiva da Água].

Descrição do Encantamento: [Esta garrafa contém água suficiente para fazer florescerem no coração desolado dos desertos mais inóspitos].

Esta era meio romântica. Parecia que o Feitiço estava por toda parte ao criar essas descrições, a ponto de Sunny nem conseguir dizer se estava falando sério.

Com um suspiro, ele dispensou a esfera de luz contendo a Fonte Sem Fim e olhou para cima.

As outras quatro de suas Memórias não eram muito úteis. Eram um escudo de torre incrivelmente pesado, uma armadura que era pior do que o Manto do Titereiro em todos os aspectos, um olho de vidro capaz de produzir feixes brilhantes de luz vermelha inofensiva e o sino de prata estridente – a primeira Memória que ele já tinha conseguido.

As três restantes foram concedidas a ele por matar monstros relativamente fracos nas ruas da cidade amaldiçoada. Ele esperava trocá-los por algo mais adequado durante sua próxima visita ao castelo, sempre que isso acontecesse.

Esquecendo-se das Memórias, Sunny finalmente concentrou sua atenção na esfera de luz mais brilhante que flutuava no vazio escuro acima de sua cabeça

A que continha seu novo Eco.

Ele desejou que descesse e observou enquanto a esfera deslizava para baixo, tocando suavemente a superfície da água escura alguns momentos depois. A luz diminuiu lentamente, revelando a figura de pedra escondida dentro.

Aqui no silêncio escuro do Mar da Alma, a Santa de Pedra parecia uma estátua. Ela tinha aproximadamente a mesma altura que Sunny, parecendo minúscula em comparação com o resto das Criaturas do Pesadelo que ele enfrentou na Costa Esquecida.

Ela também tinha uma aparência única e humanóide. Se não fosse pela tonalidade cinza escuro e pela natureza pétreas de sua pele de granito, Sunny talvez até confundisse o estranho monstro com um Adormecido. Supondo que não pudesse ver muito de seu corpo por trás da graciosa armadura escura.

A natureza dessas criaturas estranhas permaneceu um mistério.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4.9 11 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
9 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
MolartD
Membro
Molart
22 dias atrás

Agr deu pra compreender tudo
Se bobear a relação dele ficou ruim com elas pq ele não podia contar o motivo pelo qual matou o cara
Talvez ele tenha dado outra desculpa por ter matado o cara dnv
Assim saindo como um psicopata

BL1ND4DOD
Membro
BL1ND4DO
1 mês atrás

Caraí ele foi poucas ideias, mandou o maluco de F, morreu por tentar saber demais

GodSpeed_zD
Membro
GodSpeed_z
1 mês atrás

Concordo com o sunny, gente que faz perguntas demais são completamente irritantes

GreyD
Membro
Grey
1 mês atrás

Agora entendi tudo

IfosD
Membro
Ifos
1 mês atrás

sunny tá precisando de um psicólogo urgente

danilo
Membro
danilo
5 meses atrás

agr eu entendi, eu pensei isso no inicio quando ele pegou o defeito, e se alg perguntasse o nome dele mas o MC matasse ele antes de ter q responder

CavaloD
Membro
Cavalo
5 meses atrás
Resposta para  danilo

Genial kkkk

Hazzard4CmDuro
Membro
Hazzard4CmDuro
7 meses atrás

Prota mato o maluco depois que ele perguntou os blgh, cara e pocas ideias

Nonno
Membro
Nonno
8 meses atrás

obg pelo cap

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar