Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  105

Pedra Viva

Traduzido usando o ChatGPT



Anteriormente, Sunny considerava as estátuas vivas como apenas isso, monumentos trazidos à vida por espíritos malignos. Havia muitos revenants como esses perambulando pelas ruas da cidade amaldiçoada.

Pegue o Cavaleiro Negro, por exemplo – Sunny estava quase certo de que o bastardo era na verdade apenas uma armadura com um espectro vingativo preso dentro dela. Ele não tinha provas de que havia um corpo real naquela fortaleza de aço em movimento, pelo menos.

No entanto, depois de ver a Santa de Pedra morrer diante de seus olhos, ele não tinha tanta certeza de que ela e o Cavaleiro Negro eram a mesma coisa. Certamente havia semelhanças… até o design de suas armaduras era um pouco semelhante, como se um tivesse se originado do outro. Mas a armadura do guerreiro de pedra parecia muito mais… antiga.

E então havia o pó de rubi que fluía das feridas da criatura de pedra em vez de sangue. Desde quando estátuas tinham sangue? Era quase como se essas criaturas estranhas fossem projetadas para possuir sua própria forma bizarra de vida. Pensando bem, os guerreiros de pedra se pareciam mais com seres artificiais trazidos à vida por alguma magia negra do que com criaturas mortas-vivas.

‘Mistérios, mistérios, mistérios por toda parte!’

Talvez as runas descrevendo a Santa de Pedra pudessem fornecer algumas respostas.

O Eco, enquanto isso, estava ganhando vida. Duas chamas magenta se acenderam em seus olhos de pedra preciosa. A pedra de sua armadura de repente brilhava com um brilho metálico sutil, a superfície lisa de sua pele de granito se tornava um pouco menos rígida. Silenciosamente virando a cabeça, a Centurião olhou para Sunny através da estreita fenda da viseira do capacete.

“Vamos ver…”

Ele se concentrou nas runas.

Eco: Santa de Pedra

Rank do Eco: Desperto.

Classe do Eco: Monstro.

Atributos do Eco: [Mestre de Batalha], [Inabalável], [Marca da Divindade].

Sunny piscou. Marca da Divindade? Era o mesmo que seu Atributo original! Que negócio tinha uma Criatura do Pesadelo andando com vestígios de divindade em sua alma maligna e corrompida?

E o que dizer desses outros Atributos…

Descrição do Atributo Mestre de Batalha: [Nascida no campo de batalha, a Santa de Pedra é proficiente em todas as formas de combate.]

Descrição do Atributo Inabalável: [A Santa de Pedra é altamente resistente a todas as formas de dano, além de ser totalmente imune a ataques mentais e de alma.]

Perplexo, Sunny balançou a cabeça. Não é de admirar que esses silenciosos guerreiros de pedra fossem tão mortais. Eles eram literalmente um grupo de máquinas assassinas criadas para durar o máximo possível e causar o máximo de dano possível no campo de batalha.

Mas quem os havia criado?

Deixando os Atributos de lado, ele baixou o olhar e leu a próxima linha de runas:

Descrição do Eco: [Nas profundezas das cavernosas salas de seu sombrio domínio, o último filho do -desconhecido- os criou a partir da pedra para aplacar o fogo ardente em seu coração ressentido. No entanto, esse fogo apenas ficou mais quente. Projetados para trazer paz, eles nasceram, em vez disso, em uma guerra interminável.]

Huh… o Desconhecido novamente. Ou melhor, seus filhos. Parecia que sua teoria estava correta. A Santa de Pedra era uma criatura artificial ou descendente de uma. De qualquer forma, isso foi antes de ser corrompida por… bem. Seja lá o que fosse que havia corrompido todas as Criaturas do Pesadelo, e especialmente aquelas na cidade amaldiçoada. Agora nem mesmo os deuses seriam capazes de descrever exatamente o que ela era.

Não que isso importasse. Um monstro era um monstro.

Sunny estava mais interessado no fato de que os traços de divindade que o guerreiro de pedra carregava tinham que vir de seu criador original, que era pelo menos parcialmente um dos Desconhecidos. O que significava que os Desconhecidos, de fato, estavam intimamente relacionados aos deuses e à própria divindade.

Assim como o misterioso Tecelão.

Desviando o olhar das runas, Sunny estudou o Eco imóvel com seus olhos modificados. O que ele viu o fez sorrir sombriamente.

Assim como as Memórias, a verdadeira essência do Eco era tecida a partir de inúmeros fios de diamante que formavam um padrão infinitamente complexo. Só que, no caso dele, o padrão era ainda mais elaborado, superando tudo o que Sunny havia visto antes.

Duas brasas ardiam dentro do corpo da Santa de Pedra, servindo como âncoras para os fios intermináveis. Uma delas estava situada no local onde deveria estar o coração dela, a outra na parte inferior do abdômen.

Sunny fechou um olho e olhou mais de perto. E ali, atrás do brilhante padrão dos fios de diamante, ele notou outro sistema muito mais primitivo e grosseiro de fios adamantinos. Eles perfuravam a carne de pedra do Eco, assemelhando-se a um sistema nervoso humano.

Esses fios também pareciam ser feitos de diamante, mas eram muito menos etéreos. Na verdade, eram inteiramente corpóreos. Sunny franziu a testa.

‘Faz sentido… isso faz sentido. Espere, como isso faz sentido?’

As Memórias e os Ecos foram criados pelo Feitiço. Eles eram artificiais. A Santa de Pedra também era artificial, mas de um modo muito mais mundano. Ela foi feita por um filho do Desconhecido, assim como seu Eco foi feito pelo Feitiço.

O que isso significava? Que a técnica que havia sido usada para criar a Santa de Pedra era assustadoramente semelhante à técnica que o Feitiço usava, embora parecesse extremamente primitiva em comparação.

Será que isso poderia significar que o próprio Feitiço veio do Desconhecido?

Sunny fez uma careta e balançou a cabeça. Não, não. Embora fosse uma teoria sólida, havia pouca informação para considerá-la comprovada ou mesmo remotamente crível. Ele precisava descobrir mais, aprender mais, desvendar mais antes de começar a entender a verdadeira história que conectava o Feitiço, os deuses, o Desconhecido e sua própria vida em um único e assustador tecido.

Mas haveria tempo para isso depois.

Agora mesmo, ele tinha algo igualmente interessante bem ao seu alcance.

Olhando uma última vez para o elegante monstro de pedra, Sunny engoliu em seco e lambeu os lábios. Então, ele disse timidamente:

“Vamos… vamos fazer isso.”

Dando um passo à frente, ele hesitou e depois cuidadosamente colocou a mão no peitoral da armadura da Santa de Pedra, bem em frente ao local onde o principal nexo de sua Trama de Feitiço estava situado.

Para sua surpresa, o peitoral parecia de pedra e estava quente ao toque. Era como se uma furiosa chama carmesim estivesse queimando dentro do peito da Criatura do Pesadelo.

‘Huh.’

Assim que Sunny tocou no Eco, uma nova sequência de runas apareceu no ar à sua frente.

[Transformar Eco em uma Sombra?]

Ele hesitou, novamente com medo de tomar a decisão. O que ele ia fazer se o processo tornasse a Santa de Pedra mais fraca ou até mesmo inútil?

Tentando não pensar nessa possibilidade, Sunny suspirou e se forçou a dizer:

“Sim!”

Uma mudança imperceptível aconteceu no Mar da Alma, como se uma rajada de vento aparecesse de repente do nada. A tranquila água escura parecia ao mesmo tempo imóvel e agitada. Então, uma pressão repentina veio de algum lugar acima.

Levantando a cabeça, Sunny viu dois feixes escuros descendo das profundezas do Núcleo das Sombras. Um deles caiu sobre o Eco, enquanto o outro pousou em uma das silenciosas sombras que ficavam imóveis atrás dele, como se os conectassem juntos.

Banha na luz escura, a sombra da Santa de Pedra morta dissolveu-se lentamente nela.

E então o Eco começou a mudar…


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4.9 17 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
5 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Beiceta
Membro
Beiceta
5 meses atrás

O sem sol tá virando o Jinwoo

Nonno
Membro
Nonno
8 meses atrás

então, precisa da sombra dela pra completar a transformação… se tipo for um eco comprado e ele não ter matado pra ganhar a sombra, acho que essa opção não vai aparecer
obg pelo cap

Iago padilhaD
Membro
Iago padilha
6 meses atrás
Resposta para  Nonno

Pensei a mesma coisa, faz muito sentido

Joãomateus 3110
Membro
Joãomateus 3110
5 meses atrás
Resposta para  Nonno

Verdade faz sentido

MolartD
Membro
Molart
26 dias atrás
Resposta para  Nonno

Real

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar