Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Shadow Slave – Capítulo  1160

Dias Ociosos

Traduzido usando o ChatGPT



Eles acabaram passando três dias ociosos na Ilha do Naufrágio. Ela havia sido limpa há muito tempo das bonecas marinheiras selvagens pelos Guardiões do Fogo, e nenhuma nova Criatura dos Pesadelos fez dela seu lar desde então. Os cinco Mestres permaneceram na ilha quando ela estava baixa e procuraram abrigo no navio voador quando ele subia o suficiente para ser afetado pelo Esmagamento.

Diabinho estava devorando o colosso de aço com uma velocidade impressionante enquanto eles descansavam e relaxavam. Sunny não teve a oportunidade de realmente se livrar de suas preocupações há muito, muito tempo, então essa mudança de ritmo foi muito bem-vinda. Fazer férias no Reino dos Sonhos não era realmente a ideia de diversão de ninguém, mas eles fizeram o melhor possível.

Effie parecia ter recuperado o apetite, embora ainda fosse exigente com sua comida – parecia que as rações militares haviam deixado uma impressão inesquecível na caçadora glutona. Como resultado, a montanha de lanches que ela havia trazido do mundo desperto estava desaparecendo em um ritmo mais lento do que o casco do Príncipe do Sol. Ela até compartilhou um pouco com o resto deles, o que foi agradável e um grande choque.

Os membros da coorte ficaram preguiçosos, evitaram fazer qualquer coisa produtiva e passaram a maior parte do tempo dormindo ou conversando ociosamente. Sunny compartilhou mais histórias sobre seus dias no Centro Antártico com eles. As primeiras semanas de luta para repelir as hordas de abominações e estabelecer as capitais de cerco, LO49, o primeiro encontro com a Nuvem Devoradora, o Coração das Trevas, quase sendo morto por Golias, a fuga em direção a Falcon Scott e as longas semanas de cerco…

Ele pensou que lembrar desses eventos só traria amargura, mas estranhamente, falar sobre eles e compartilhar as memórias das pessoas que ele conheceu – seus soldados, Beth e o Professor Obel, os capitães dos Irregulares, os defensores de Falcon Scott – era quase reconfortante.

É claro que essas conversas inevitavelmente seguiam mais na direção de discutir várias Criaturas dos Pesadelos, estratégias de batalha e maneiras de matar as abominações melhor. Os outros membros da coorte haviam encontrado inimigos incontáveis ​​próprios no tempo em que estavam separados, então havia muito conhecimento, insights e experiência acumulada para compartilhar.

Os outros também falaram sobre suas vidas. Effie estava tendo dificuldades em ser responsável por centenas de pessoas – embora fosse uma comandante de batalha competente, a ideia de estar em uma posição de liderança era estranha para ela. Felizmente, Kai geralmente estava por perto para dar apoio e conselhos. Sua experiência em servir como centurião na Legião do Sol durante o Pesadelo foi de tremenda ajuda.

Sunny também tinha algumas coisas a dizer sobre ser colocado em uma posição de poder, apesar de não querer carregar esse fardo. Cassie, por sua vez, era uma fonte de insight sobre os aspectos administrativos e práticos de gerenciar uma poderosa força de Despertos. Desnecessário dizer que Nephis também tinha uma perspectiva única sobre esse assunto, embora ela fosse tão frugal com suas palavras como sempre..

No entanto, tanto Neph quanto Cassie compartilharam algumas coisas sobre como estavam dentro de Valor. Acontece que elas estavam em uma posição um tanto desconfortável – o grande clã estava depositando grandes expectativas em Estrela da Mudança, mas, ao mesmo tempo, ainda não confiava muito nela. Ela tinha sido tratada com respeito e favor, mas também mantida à distância, proibida de se aproximar dos assuntos realmente importantes do Domínio.

Ela só havia conhecido Anvil uma vez, e mesmo assim brevemente. Sunny estava imensamente curioso para saber mais sobre o Rei das Espadas, mas essa conversa foi completamente desviada por Kai, que os olhava com confusão e perguntou de que bigorna (anvil=bigorna) eles estavam falando. Como se constatou, o belo arqueiro não sabia nada sobre os Soberanos. Descobrir que já havia Supremos vivendo entre os humanos foi um choque para ele.

Effie, por outro lado, já sabia – ela havia recebido algumas dicas sobre esse conhecimento proibido de sua primeira coorte na Costa Esquecida e depois juntou o resto por conta própria após voltar. Houve um tempo em que Nephis avisou Sunny que simplesmente saber sobre a existência dos Soberanos poderia lhe custar a vida. No entanto, sua situação agora era completamente diferente. Os cinco não eram mais entidades desconhecidas na sociedade dos Despertos – eram Mestres renomados, considerados universalmente pilares em potencial da próxima geração.

Em outras palavras, eles haviam conquistado o direito de saber alguns segredos. Na verdade, eles tinham que saber, porque isso tornava mais fácil colocar uma coleira neles. Então, Nephis compartilhou mais conhecimento sobre os Domínios com Kai e Effie. No entanto, ela não contou a eles suas suspeitas sobre como seu pai havia perecido, como os grandes clãs a haviam caçado no passado e como ela estava determinada a destruí-los. Os dois pareciam entender o que foi deixado não dito, no entanto, assim como haviam entendido por que Caster morreu pelas mãos de Sunny sem que os motivos fossem explicados em detalhes.

Armados com esse conhecimento, ficou mais fácil para eles perceberem qual era a posição de Neph no grande clã Valor. Paradoxalmente, a situação de Cassie era um pouco melhor – Valor estava menos desconfiada dela, não considerando a garota cega uma ameaça séria. Enquanto o resto dos Guardiões do Fogo havia se tornado simples servos, ela havia recebido o título de Senescal – uma conselheira de alto escalão, a posição que era a segunda apenas para os Mestres dos Ferreiros entre os especialistas não combatentes do grande clã.

A guerra na Antártica era a melhor chance para todos eles – Nephis, Cassie e os Guardiões do Fogo – melhorarem sua posição dentro de Valor. Somente depois de provar sua lealdade no campo de batalha eles receberiam a chance de se aproximar dos governantes do grande clã, incluindo o enigmático Soberano.

‘Que confusão.’

Sunny estava olhando para o cadáver do Príncipe do Sol, que agora estava sem a cabeça, os braços e a maior parte do tronco. Ele podia ver a pequena figura do Diabinho deitada sem vida em cima de um elo de uma corrente celestial, parecendo miserável e bêbada de comer demais.

Seu comentário era tanto sobre o estado do antes temível Senhor da Corrente quanto sobre a situação em que Nephis e Cassie se encontraram. Balançando a cabeça, Sunny se inclinou sobre a borda da ilha e gritou:

“O que você está fazendo, moleque preguiçoso?! Pare de ficar brincando e coma mais!”

Lá embaixo, o Diabinho se assustou, depois olhou para cima com uma expressão apática. Desajeitadamente se levantando, o pequeno demônio suspirou, fez uma careta e sem vida deu uma mordida na perna do gigante de aço.

‘Isso mesmo…’

Diabinho mastigava o metal antigo com uma expressão miserável e, em seguida, congelou. No próximo momento, seu corpo magro de repente brilhou.


Comentários

5 3 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
2 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏD
Membro
ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏ
2 dias atrás

Qual será o próximo estágio desse pobre pokémon?

Não é da tua conta
Membro
Não é da tua conta
5 dias atrás

Coitadinho kkk

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar