Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  533

Batalha Real

Atenção: Este conteúdo foi traduzido automaticamente por meio de Inteligência Artificial (I.A.). Embora a qualidade da tradução possa ser superior às traduções automáticas padrões, ainda é possível que haja falhas ou imprecisões na tradução. Por favor, tenha isso em mente ao ler este conteúdo.



Assim que o comentarista mencionou Mongrel, a transmissão mudou para a imagem de uma figura ameaçadora em uma armadura negra calmamente caminhando pela floresta, a lâmina do infame odachi repousando em seu ombro. As covas sem luz dos olhos da máscara demoníaca encaravam diretamente a câmera, como se não houvesse nada além de escuridão por baixo.

Assim que Mongrel apareceu nas telas, o chat explodiu.

“SIM! É o Mongrel!”

“Salve ao Senhor!”

“Hein? Quem é o Mongrel?”

“…Quer dizer, salve à SENHORA?”

Dimi riu.

“Ah, sim. Esse cara. Bem, Mongrel é um lutador realmente impressionante, mas os resultados podem não ser tão previsíveis quanto todos pensam. Todo ano, a mesma coisa acontece — nas fases posteriores do torneio, dois grupos distintos se enfrentam. Um são os elites do Dreamscape, e o outro são os novatos atraídos pelas recompensas. Historicamente, os novatos tendem a se sair melhor.”

Ele suspirou e balançou a cabeça.

“Além disso, realmente não sabemos muito sobre Mongrel. Claro, ele tem um histórico impressionante, mas a maioria de suas vitórias foi contra oponentes aleatórios. Quem sabe o que acontecerá quando ele enfrentar os melhores dos melhores? Se eu fosse apostar, meu dinheiro ainda estaria na Queen Bee. Se alguém tem chance contra os novatos, deveria ser ela.”

Syclus concordou com entusiasmo algumas vezes, expressando seu acordo entusiástico.

“Claro! Mas, ainda assim, voltando a Mongrel. Todos estão morrendo de vontade de saber quem ele realmente é sob essa máscara assustadora. E se alguém souber algo sobre você, Dimi, eles saberão que você deve ter seus palpites…”

O homem mais velho sorriu, seus olhos de repente brilhando de empolgação.

“Engraçado você perguntar! Na verdade, tenho uma teoria…”


“Desafiante Lord Corvus foi eliminado.”

“Desafiante Fry foi eliminado.”

“Desafiante Erax foi eliminado.”

Sunny encarava os três cadáveres a seus pés, que já estavam se transformando em uma chuva de faíscas brancas. Esses três Despertos o atacaram em grupo, e embora sua habilidade não fosse ruim e até admirável, ele não teve problemas em eliminar o trio em questão de minutos.

O fato de eles terem conseguido permanecer vivos por mais do que alguns segundos já era um excelente resultado, considerando quem era o inimigo deles.

Flourando o odachi no ar, Sunny sacudiu as gotas de sangue da lâmina e continuou a caminhar.

…Tecnicamente, ele não precisava limpar sua lâmina, já que o sangue estava destinado a se transformar em faíscas de luz e desaparecer também. Mas isso já era um hábito seu… sem mencionar que era extremamente legal.

Verdade seja dita, aquela curta escaramuça não foi tão fácil quanto ele a fez parecer. Os Despertos eram inimigos perigosos, já que cada um deles possuía um Aspecto único. Eles eram astutos, engenhosos e imprevisíveis. Foi por isso que ele teve que agir rapidamente, fazendo a luta parecer muito mais brutal do que deveria ter sido.

Atualmente, Sunny não estava usando nenhuma de suas sombras para se fortalecer. Ele havia decidido contra isso há muito tempo, já que ser capaz de esmagar seus oponentes com bruteza era prejudicial ao seu objetivo principal — aperfeiçoar sua técnica de batalha e aprender diversos estilos.

Portanto, a sombra sombria estava se comportando como qualquer sombra normal se comportaria, enquanto as outras duas estavam envoltas na Folha de Outono — a Memória que ele usava para mudar a cor de seu cabelo. Como não tinha outro propósito, a potencialização não lhe dava nenhuma vantagem.

…Seu cabelo deve ter parecido magnífico, no entanto.

Rindo sob a máscara, Sunny correu adiante. Ele estava com pressa de eliminar o máximo de jogadores que pudesse antes que o primeiro anúncio da classificação fosse feito.

Encontrar o grupo de três Despertos aliados o lembrou do problema inerente ao formato de batalha real das rodadas classificatórias — assim que verdadeiras potências se revelassem, participantes mais fracos tinham a tendência de se unir e começar a caçá-los.

Muito em breve, poderia haver uma dúzia de lutadores lançando um ataque coordenado contra ele, ou até mais.

Sunny tinha confiança em sua habilidade, mas não a esse ponto. Mesmo para um veterano endurecido como ele, alguém que havia passado centenas de dias lutando pela vida nas profundezas mais sombrias do Reino dos Sonhos, essa luta não seria fácil.

‘Este battle royale será muito mais intenso do que eu esperava…’

Antes que Sunny pudesse terminar esse pensamento, uma árvore antiga ao lado dele explodiu subitamente em uma nuvem de lascas, e algo afiado disparou em sua direção com uma velocidade incrível. Amaldiçoando, ele correu para o lado e mal conseguiu se esquivar.

No momento seguinte, uma flecha gigante assobiou por ele e se alojou no tronco de outra árvore, seu eixo tremendo quase tão alto quanto ele era.

Sunny rolou sobre o ombro e olhou para a flecha, então se lançou em uma corrida.

‘Maldição! Um franco-atirador!’

Um segundo depois, outra flecha gigante caiu do céu, quase o empalando no chão.

Sunny cerrou os dentes e continuou correndo.


Em inúmeras telas, uma imagem de um jovem de ombros largos foi mostrada, puxando a corda de um arco superdimensionado. Seus músculos poderosos se esforçaram, e quando ele soltou a corda, um som ensurdecedor rolou pelas encostas de uma colina alta onde o arqueiro estava em pé.

Enquanto isso, os dois comentaristas não estavam prestando atenção nele:

“…E assim, posso dizer sem sombra de dúvida que Mongrel não é, na verdade, um dos sobreviventes da Costa Esquecida, mas na verdade o filho da criança secreta do lendário Nightwalker, o fundador da House of Night (Casa da Noite). Uh… bem, essa é minha teoria, de qualquer forma.”

Syclus olhou para Dimi com um largo sorriso e depois voltou a conversa para os escaramuças na antiga floresta, que estavam começando a acontecer com mais frequência e crescer em intensidade.

“É mesmo! Bem, esse neto secreto parece estar em apuros! Apesar da vitória selvagem de Mongrel sobre os três outros desafiantes, agora ele parece estar na mira de um dos novatos sobre os quais você falou anteriormente. Vamos dar uma olhada!”

A transmissão mudou para a imagem de Mongrel correndo rapidamente pela floresta, esquivando-se de uma flecha gigante após outra. Seus movimentos pareciam firmes e precisos, como se ele tivesse um segundo par de olhos na parte de trás da cabeça.

Syclus olhou para a máscara preta indiferente e involuntariamente tremeu.

“Uau! Olhem só… que feito admirável, manter a calma e a compostura em uma situação tão complicada! É quase como se Mongrel não tivesse medo de nada, nem mesmo de ser bombardeado por uma chuva de flechas encantadas, cada uma delas poderosa o suficiente para perfurar um monstro Caído! Realmente, esse homem tem nervos de aço. Fico pensando no que ele está pensando agora…”


‘Que diabos?! Como isso é justo?! Maldição! Isso é ruim, muito ruim! Eu não quero morrer tão cedo! Que maldição eu deveria fazer?!’

Panicando e suando sob a máscara, Sunny esquivava-se de uma flecha após outra e amaldiçoava sem parar.

Ele não tinha ideia de quem estava atirando nele, como eles conseguiam mirar através da espessa copa das árvores antigas e onde estavam. Tudo o que podia fazer era correr, se esquivar e rezar aos deuses mortos para que sobrevivesse a essa barragem devastadora.

Felizmente, alguns momentos depois, ele notou uma formação rochosa não muito longe, com um desfiladeiro profundo escondido atrás dela.

Correndo naquela direção, ele escapou de outra flecha gigante e deslizou pelo declive do desfiladeiro. Chegando ao fundo, ele caminhou pelo espesso tapete de folhas caídas e encostou as costas nas pedras, finalmente a salvo do implacável atirador.

Só então Sunny finalmente conseguiu respirar fundo e olhar ao redor.

No entanto, assim que o fez, uma carranca escura apareceu em seu rosto.

‘…Maldição!’

O destino quis que ele não estivesse sozinho no desfiladeiro.

Rosnando de frustração, Sunny segurou a empunhadura do odachi e mais uma vez se esquivou.

Alguns momentos depois, a voz agradável ecoou pela antiga floresta:

“…Desafiante Agick foi eliminado.”


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

5 9 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Nonno
Membro
Nonno
8 meses atrás

obg pelo cap

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar