Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Super Detective in the Fictional World – Capítulo 185

Assalto? Me Dê Seu Dinheiro

Geralmente, os franceses gostavam do corpo e os americanos também. Elena não achava que Luke preferia, no entanto.

Ela era uma estudante de arte que era boa em observar e esboçar corpos humanos.

Após dois dias de convivência, notou que Luke tinha um corpo atlético — deve ser alguém que malhava regularmente.

Era uma pena que ainda era janeiro — se fosse verão, conseguiria aproveitar mais do corpo de Luke.

Ele tinha que ser muito forte! Elena corou de novo ao pensar nisto, não porque era tímida, mas porque estava excitada.

Como estudante de arte, sempre preferiu modelos masculinos com músculos incríveis.

Luke estava se sentindo muito relaxado agora.

Precisava ajustar seu humor após o grande trabalho da noite passada.

Quando estava em casa, podia aliviar seu desconforto ao cozinhar ou conversar com Selina.

Seu desconforto tinha menos a ver com doença, melancolia, medo ou sede de sangue, e mais com sentimentos sutis de animação, esperança e até arrogância.

A mente humana era complicada.

Grissom não encontrou nada de anormal sobre Luke da última vez, principalmente devido à habilidade deste de reajustar suas emoções.

Mesmo que não tivesse os matado, aqueles sujeitos malvados teriam sido eliminados pelos super-heróis deste mundo algum dia, então tratava os vilões principalmente como NPCs que podiam dar pontos de experiência. Não sentiu culpa em matá-los.

O sistema também era uma fonte de reafirmação.

Até agora, não foi punido por matar a pessoa errada.

Considerando que perdeu cinco pontos de crédito por roubar cinco dólares antes, não havia como o sistema deixá-lo matar pessoas aleatórias.

De bom humor, conversou com Elena enquanto aproveitava a comida. Eles então subiram as escadas juntos.

Elena moveu o cavalete para o terraço e continuou trabalhando.

Luke também moveu uma cadeira do quarto para o terraço e ligou o laptop.

Usando a conexão wifi de Elena, procurou por pontos turísticos em Paris.

Um momento depois, levantou a cabeça para ver que Elena já estava ocupada desenhando.

Se levantando, deu uma olhada na obra por trás sem perturbá-la, e achou engraçado. Por que me transformei em um homem pássaro?

Na prancheta de desenho estava o começo de um esboço de Luke, tirando a parte que estava brilhando e sorrindo, com um par de asas nas costas e uma bíblia na mão.

Este Luke tinha a mesma pose do real mais cedo.

Mas eu não estava segurando um laptop? Além disso, essa auréola ao meu redor não é exagerado? Luke resmungou internamente, mas não a interrompeu.

Algumas vezes, a arte não tinha nada a ver com as referências da vida real e era apenas sobre os sentimentos e intenções do criador.

Luke balançou a cabeça com um sorriso e voltou ao seu quarto com o laptop.

Um momento depois, desceu as escadas.

Colocou um moletom de capuz e máscara. Carregando a mochila preta, pegou um ônibus.

O ônibus estava numa condição pobre e as poucas pessoas dentro não pareciam nada decentes, porém, eram mais como ladrões habituais.

Olharam para Luke quando subiu no ônibus e não falaram nada.

Dez minutos depois, alguém não conseguiu aguentar mais.

Embora Luke tivesse coberto o rosto, suas roupas e postura sugeriam ser de uma origem diferente.

Três homens negros irresponsáveis se aproximaram e brandiram facas quando o mandaram não se mover.

Luke permaneceu parado enquanto apenas suas mãos se moviam sem pressa. Os três homens o viram tirar um par de luvas e as colocou.

Porém, luvas não eram armas letais. Os patifes tolos pressionaram.

Um deles estendeu a mão para a mochila e outro para o colarinho.

Quando as mãos estavam prestes a tocá-lo, as mãos de Luke dispararam para agarrar as deles, antes de pressionar para baixo e torcer.

Com o som de dois estalos, os dois homens gritaram miseravelmente.

Luke permaneceu sentado e calado. Cruzando os braços, pisou nas mãos dos dois homens, que caíram de joelhos.

Os outros passageiros no ônibus ficaram atordoados. Este não era o show que esperavam.

A mão dos dois homens foram deslocadas e não ousaram lutar. Eles só podiam gritar enquanto atingiam as pernas de Luke com a outra mão.

Com um ar indiferente, pegou uma adaga que um dos dois ladrões largou e arremessou.

O terceiro homem gritou e largou a arma após a adaga atravessar o pulso. As chances eram de que ele seria deficiente pelo resto da vida.

Luke levantou lentamente e chutou os dois ladrões que ainda estavam gritando de joelhos.

Se moveu lentamente enquanto brincava com a faca borboleta.

Todos ficaram em silêncio. Luke pegou a arma que o homem largou e examinou sem pressa, antes de apontar para os três: — Me entregue seu dinheiro.

Os passageiros ficaram sem palavras. Parecia que os ladrões acabaram de tentar roubar outro ladrão mais proficiente.

Pegando cem euros dos três azarados e expulsando-os do ônibus, voltou para os fundos do ônibus.

Ninguém mexeu com ele novamente.

Luke desceu após entrar em Neuf Trois. Respirou fundo — o ar aqui cheirava a experiência e crédito!

Caminhando intencionalmente pelos becos duvidosos, logo chamou a atenção dos criminosos.

Após saquear três grupos de bandidos, finalmente encontrou alguns gângsters num carro.

Eles cercaram Luke com facas, mas pararam de mover quando o último apontou a arma.

Um dos gângsters no carro também tinha uma arma, só que Luke foi mais rápido.

Luke disparou no ombro quando este ainda estava tirando a arma. O homem foi bastante sortudo por não ter sido morto.

Tirou o homem do carro e foi embora.

Meia-hora após entrar em Neuf Trois, se tornou um homem com duas armas e um carro.

Procurou no carro com Olfato Aguçado por um tempo e encontrou vários itens que incluíam balas, dinheiro e maconha. Nada disto era muito útil.

No entanto, ficou encantado ao encontrar uma dezena de moedas. Agora podia usá-las para testar as regras do sistema sem se preocupar em perder muitos pontos de crédito.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar