Participe do nosso novo grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx
Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação e veja os benefícios.

World Domination System – Capítulo 165

Saindo do Palácio

Quatro semanas antes da data das eleições era regra em Eldinor que a atual Rainha ou Rei deixaria seu cargo para permitir que um Conselho interino assumisse. Composto por todos os principais conselheiros do Reino, este conselho governaria o Reino até que o novo governante fosse eleito. 

A menos que surgisse uma ameaça que desestabilizasse o Reino, o trono de Eldinor permaneceria vazio. É claro que, neste caso, o ex-governante poderia retomar o comando até o momento em que a ameaça passasse. 

Na história de Eldinor, houve casos em que esta cláusula em particular foi aproveitada por um governante para prolongar seu governo. 

No entanto, o que os impediu foi que, ao contrário dos exércitos dos outros reinos, onde a lealdade ao governante era imbuída na própria carne e ossos dos soldados, o exército de Eldinor só seguiria os comandos de um governante legitimamente eleito. 

Assim, aquele governante que tentou tirar vantagem, usando a desculpa de uma ameaça, foi derrubado porque simplesmente não tinha ninguém para apoiá-lo. 

Tal era a personalidade dos Elfos. Isso também era evidenciado pela visão de suas tropas durante o episódio das minas de Gemas Ker, onde eles estavam circulando sem disciplina. 

Claro, havia uma razão pela qual o exército de Eldinor ainda era temido e classificado no topo do poderio militar quando comparado ao restante das forças em Angaria Central. 

Sua falta de disciplina era compensada por seu poder absoluto que lhes permitiu subjugar inimigos que eram muito mais disciplinados do que eles. Como o exército que possuía mais magos de Nível Humano Exaltado em toda a Angaria Central, não era de se admirar que sua classificação fosse tão alta. 

Faltando apenas quatro semanas para as eleições, toda Elfaven estava repleta de faixas coloridas e inúmeras ferramentas mágicas que voavam entre as pessoas nas ruas e enalteciam as virtudes do candidato que as contratou. 

De fato, nessa época, o negócio que mais crescia era o de publicidade. As organizações que lidam com ferramentas mágicas como essas tinham um aumento tão grande de lucros que poderiam sobreviver tranquilamente pelos próximos 5 anos, mesmo que suas vendas caíssem para uma fração do que eram durante este período. 

O dia em que Daneel e Eldra se encontraram para fechar seu acordo foi apenas dois dias antes da Rainha deixar o trono. A partir daí, seu tempo seria totalmente absorvido pela campanha de reeleição, fazendo discursos e participando de debates organizados pelo governo para dar mais clareza ao eleitor sobre em qual candidato votar. 

Além disso, o dia da inscrição para concorrer também seria o dia em que a Rainha renunciaria. Assim, Daneel e Eldra planejaram que ela se candidataria no último minuto, sem o conhecimento de sua mãe, para que pudessem pegá-la de surpresa. 

Desde a manhã seguinte à reunião, Eldra estava nervosa. Embora ela tivesse tomado a decisão, ela não podia deixar de se preocupar e se preocupar com o que aconteceria. 

Normalmente, seguindo a programação de sua mãe, Eldara passaria o dia inteiro cuidando das formalidades que vieram com a saída do trono. Enquanto isso, cabia a Eldra avaliar os outros candidatos. 

À noite, todos saíam juntos do palácio para ir a uma mansão de propriedade privada de Eldara, onde discutiam e decidiam sobre o plano de campanha. 

Claro, isso não estaria acontecendo hoje. Em vez disso, Eldra desistiria de sua posição para concorrer à eleição e sairia o palácio depois de deixar uma carta para sua mãe. 

Sem seu poder, Eldara não poderia impedir Eldra. Além disso, todos os candidatos eram protegidos pelo governo com uma força de tropas especiais para garantir sua segurança durante essas 4 semanas cruciais. 

Até a tarde, tudo correu conforme o planejado. 

Eldra já havia ido ao escritório do governo encarregado de receber as inscrições dos candidatos e havia dado seu nome para concorrer à eleição, assustando os funcionários que sabiam quem era ela. 

Embora ela estivesse tremendo imperceptivelmente de medo por dentro ao se inscrever, um relaxamento veio sobre ela depois que o processo foi concluído. 

A sorte havia sido lançada e não havia mais como voltar. 

Caminhando de volta para seu quarto, Eldra abriu a porta e entrou como de costume antes de pular assustada como se tivesse acabado de ser eletrocutada. 

A ex-rainha de Eldinor, Eldara, estava em frente ao espelho com uma expressão taciturna no rosto enquanto escovava o cabelo comprido com a escova que Eldra sempre usava. 

Ela não se virou quando a porta se abriu, mas o fez agora sentindo o olhar de sua filha sobre ela. 

Ao fazer isso, Eldra não pôde deixar de começar a tremer de medo. Todas as vezes que ela foi espancada e humilhada por palavras tão duras que cortaram sua alma passaram por sua memória, fazendo-a inconscientemente se fortalecer. 

No entanto, tudo o que Eldara fez foi avançar e ficar parada na frente dela. 

Depois de olhar em seus olhos por alguns momentos, Eldara levou a mão à garganta de Eldra. 

Vendo isso, Eldra estremeceu, temendo ser estrangulada por ir contra a vontade de sua mãe.  

Tal era o medo extremo que crescia nela ano após ano sob o controle de sua mãe. De certa forma, isso também mostrava quanto arrependimento ela tinha dentro de si, que lhe impulsionava para tentar superar este medo e seguir o plano de Daneel. 

Vendo as ações temerosas de sua filha, Eldara apenas suspirou antes de estender a mão para acariciar a única joia que Eldra já usou: um medalhão de ouro que se fundia à pele e se tornava invisível a menos que fosse tocado. 

Observando sua mãe tocá-la no local exato onde ela usava o colar para fazê-lo aparecer, uma expressão perplexa apareceu no rosto de Eldra. 

Eldara usou os dedos para rastrear o colar até o medalhão antes de abri-lo para ver o desenho em miniatura das duas rindo juntas, feito pelo pai de Eldra. 

Depois de olhar para ele por alguns momentos, ela o deixou cair de volta no peito de Eldra, onde desapareceu, antes de levantar a cabeça para olhar diretamente nos olhos de sua filha. 

“Tal mãe, tal filha. Deixe-me ver se meus ensinamentos durante todos esses anos surtiram algum efeito. Boa sorte.” 

Dizendo essas palavras, a ex-Rainha de Eldinor saiu com passos que ressoavam de solidão. 

Quando Eldra viu os ombros fortes da mulher que a tornou quem ela era, ela não pôde deixar de se perguntar se havia tomado a decisão certa. 

Infelizmente, um único momento como esse não foi suficiente para mudar uma vida inteira de sofrimento. 

Vendo a porta se fechar, Eldra olhou para ela por alguns momentos em estado de choque devido às ações completamente inesperadas de sua mãe antes de olhar para o medalhão. 

O rosto sorridente da mulher no desenho não combinava com o da mulher que acabara de sair do quarto. 

Mesmo que essa ação dela de desejar boa sorte antes de partir fosse contra tudo o que ela sabia sobre sua mãe até agora, Eldra simplesmente pensou que era porque, como competidora, ela estava atualmente protegida pelo governo. 

No entanto, ela ainda se perguntava por que não houve explosão de raiva pela traição. 

Depois de pensar um pouco, Eldra não conseguiu encontrar uma resposta e decidiu que, provavelmente, era uma manobra para fazê-la mudar de decisão voluntariamente. 

Imaginando aquelas crianças libertas de sua escravidão, uma expressão determinada surgiu no rosto de Eldra antes que começasse a fazer as malas para deixar o palácio por um curto período. 

… 

No dia seguinte, os cidadãos de Eldinor acordaram com uma notícia chocante que os abalou profundamente. 

“Eldra Dartingnon, filha de nossa ex-Rainha, Eldara Dartingnon, pega em flagrante se envolvendo no comércio de escravos de crianças Elfas para aumentar sua riqueza pessoal para financiar sua campanha eleitoral! Evidências decisivas surgiram! Leia tudo aqui!” 


Gostaria de ter sua novel favorita em PDF ou algum outro formato digital para ler offline?? ACESSE AQUI e saiba como!!

Comentários

0 0 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar