Switch Mode
Servidor de Hospedagem do Site está passando por manutenção, pode ficar instável por algumas horas!!
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

World Domination System – Capítulo 91

Forçando Axelor a Recuar

“Eu direi a ele. Claro que o Rei amaldiçoou você Aran, você quase o chamou de tolo! Eu tenho um bom sentimento sobre isso, então deixe isso comigo.”

Quando um olhar determinado apareceu no rosto de Cassandra, o homem com roupas casuais que tinha acabado de ser chamado de Aran riu antes de dizer: 

“Você disse que da última vez você perdeu 50 Lans de ouro apostando. De qualquer forma, faça isso. Ele está esperando, e este exército está ficando mais inquieto a cada segundo.”

Embora o trio soubesse que o tempo era apertado, não podiam deixar de usar conversas casuais para ter de volta o controle de suas emoções. Este era um mecanismo de defesa que desenvolveram ao longo dos anos; independentemente da situação, frequentemente conversavam casualmente para que pudessem esquecer o que os estava sobrecarregando por pelo menos por um segundo. Isso permitiria que eles usassem esse segundo para relaxar e voltarem renovados para enfrentar as coisas de forma mais eficaz.

Claro, o terceiro homem raramente falava, parecia gostar de fazer parte dessas conversas, mesmo que só respondesse quando era diretamente perguntado.

Inclusive, isto era resultado de haver muitas memórias de situações deles retrucarem as ordens, mesmo que fosse para apontar algo crucial, resultando em serem desprezados e ignorados. Muitas vezes, se perguntavam o que Lanthanor faria se não fosse por essas muralhas que ainda conseguiam proteger o Reino mesmo com as muitas decisões egoístas do Rei.

Acenando e escolhendo ignorar as zombarias de Aran, uma expressão séria surgiu em Cassandra. O mesmo aconteceu com os outros dois; ao contrário da atmosfera anterior, eles agora exalavam um ar de comandantes que marcharam inúmeras vezes sobre os campos de batalha mais perigosos.

“Meu Senhor, embora possa ser verdade que o exército inimigo queira tirar vantagem da situação atual, é altamente improvável que tenham se aliado com as duas forças que atacaram o palácio. Axelor é conhecida por ter conflitos irreconciliáveis com as duas forças. Com a situação atual, é mais provável que Axelor esperasse que o Rei desviasse recursos para se proteger, deixando a fronteira exposta para invasão. Se eles invadissem e conseguissem uma base no campo, então seriam capazes de formar uma ligação entre os dois reinos, colocando-os em uma posição vantajosa para pressionar a capital, isolando-a. Nesse momento, mesmo que alguém obtenha a Pedra de Juramento, seria muito difícil enfrentar um exército atacando tanto de frente quanto pelas costas. Esse tem sido o objetivo deles há muito tempo.”

Quando Daneel ouviu isso, se sentiu feliz por ter escolhido pedir conselhos em vez de dar sua análise como um fato comprovado. Aliás, isso era bastante óbvio para alguém que analisou a situação de um ponto de vista que excluiu a informação de que o Vice-Mestre da Seita possuía um artefato antigo que salvaria o dia.

Se tal artefato não existisse, então o Rei definitivamente ordenaria que pelo menos uma parte do exército entrasse na cidade para suprimir as forças inimigas. Isso significaria que haveria uma falha na fronteira, que Axelor poderia usar para atacar e invadir.

Só que, devido à existência do artefato, o Rei tomou a estranha decisão (para os inimigos) de enviar todos os soldados para a fronteira. Isso tinha, de fato, feito o exército inimigo notar que as coisas não iam como o esperado.

Daneel percebeu que ele nem tinha questionado esta decisão, pois estava muito focado em alcançar o Coração de Dragão e estava feliz que não havia muitos soldados.

Agora que pensou nisso, tudo fazia todo o sentido.

“Então Axelor simplesmente atacou querendo usar o caos decorrente da Família Real sendo expurgada? Se o caos é o que estavam esperando, isto não significa que eles possivelmente recuarão se mostrarmos a eles que está tudo bem?”

As expressões de alívio que vieram por escutarem Daneel falar normalmente foram seguidas por uma leve admiração ao ouvir a nova análise. Na verdade, esta foi a conclusão que também tinham chegado, mas seu novo Rei tinha chegado a mesma, embora dissesse não ter experiência com a guerra.

“Sim, meu Senhor. Embora devam ter espiões em Lanthanor retransmitindo atualizações a todo momento, eles devem estar hesitantes em recuar, já que é realmente um enorme gasto de recursos mover um exército tão grande com tão pouca informação. Apenas um empurrão pode apressar sua decisão.”

“Tudo bem. Vocês têm os meios para transportar algo pequeno para a fronteira rapidamente?”

Alguns minutos depois.

O comandante do Exército Axeloriano sentou-se em uma tenda que tinha sido erguida às pressas ao perceber que as coisas em Lanthanor não estavam se saindo do jeito que eles esperavam. Em vez do caos da nobreza morrendo, houve unificação e aplausos para um novo Rei que surgiu do nada.

Tendo gasto uma enorme quantidade de recursos para transportar o exército, ele estava relutante em simplesmente sair.

O primeiro impacto foi quando recebeu a notícia das ordens do Rei para enviar o exército completo para as fronteiras. Já em andamento para a fronteira e ainda esperando que o Rei fizesse a escolha lógica e enviasse apenas uma pequena parte do exército, o que lhe permitiria invadir facilmente, ele estava irremediavelmente frustrado vendo o que a espionagem lhe revelou.

O segundo impacto foi a notícia do novo Rei, quase o fazendo decidir recuar. No entanto, ele ainda estava esperando que algum tipo de tumulto pudesse ocorrer lhe dando alguma chance.

“Comandante! Na muralha! Há um painel, senhor!”

Um soldado correu para sua tenda e saudou antes de proferir estas palavras, levando-o a correr para fora e ver por si mesmo apenas o que estava acontecendo.

Na parede da fronteira, um painel mostrou um jovem com as mãos atrás das costas em frente a um enorme Coração de Dragão que parecia bater como se estivesse vivo.

Embora o painel não fosse muito grande, medindo um metro na diagonal, ele ainda podia ver e ouvir a mensagem claramente devido aos seus sentidos elevados de ser um Lutador Humano Exaltado.

“Exército de Axelor. Sou Daneel Anivron, recém-proclamado Rei de Lantanor.”

“Sob meu governo, pode apostar que nos vingaremos de todos os soldados que perderam suas vidas revidando seus ataques em nossas fronteiras. Tente atacar agora mesmo. Sei que ousou marchar em nossa fronteira com seu exército esperando que um muro estéril o cumprimentasse.”

“Em vez disso, o que o saúda é o poder de uma Lanthanor unida que vai rasgá-lo em pedaços e jogá-lo de volta ao seu Reino para que os abutres se alimentem.”

Cada palavra fez o rosto do comandante mais e mais vermelho, enquanto se arrepiava com uma raiva que o tentava emitir uma ordem para atacar. No entanto, ele sabia que se seu exército completo se envolvesse e entrasse em uma luta prolongada, seu próprio Reino estaria em perigo. Sua única chance tinha sido invadir de uma vez, mas isso agora era claramente impossível.

Assim, por mais que quisesse atacar e marcar o rosto presunçoso do novo Eei, ele ordenou uma retirada. Expressões horrorizadas apareceram nos rostos do soldado quando perceberam que realmente tinham que correr apressadamente sem reagirem, como o homem no painel tinha dito.

Enquanto isso, o mesmo discurso também havia sido mostrado nos painéis ao redor da cidade. À medida que a imagem se deslocava para o exército inimigo na fronteira recuando com ombros caídos e marchando para longe, muitos engasgaram de choque com o enorme tamanho da ameaça que o Reino vinha enfrentando sem seu conhecimento.

Com esta visão, as comemorações que começavam a diminuir só cresceram em intensidade, já que o povo de Lanthanor viu Daneel afastar um exército inimigo poucos minutos depois de ser proclamado Rei. Se alguém ainda tinha uma pequena dúvida sobre a capacidade de Daneel para o trono, essa dúvida estava agora despedaçada vendo sua incrível performance momentos depois de assumir o reino.

Daneel sorriu vendo isso, desfrutando da satisfação que veio de derrubar dois pássaros com uma única pedrada.

Colocando o artefato em forma de olho de volta no bolso e encerrando a transmissão, ele começou a caminhar de volta para a garra de dragão para finalmente falar com o Vice-Mestre da Seita.


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4 1 voto
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar