Switch Mode
Participe do nosso grupo no Telegram https://t.me/+hWBjSu3JuOE2NDQx

Shadow Slave – Capítulo  191

Perseguidor

Traduzido usando o ChatGPT



“Algo está nos seguindo.”

A expressão preocupada de Sunny se aprofundou. Sem perder tempo, ele avançou e alcançou Nephis, Caster e Effie. A caçadora olhou para ele e ficou ligeiramente tensa.

“Sua sombra notou um inimigo?”

A sombra estava atualmente a algumas centenas de metros à frente do grupo, procurando por sinais de perigo.

Ele balançou a cabeça.

“Cassie sentiu que estamos sendo seguidos. Vou retirar a sombra e mandá-la voltar para dar uma olhada. Fiquem vigilantes.”

Effie acenou com a cabeça. Claro, como a guia do grupo, ela estava sempre vigilante. Ele estava apenas avisando-a para que pudesse ajustar sua abordagem.

Os dois estavam acostumados a trabalhar juntos, então não havia necessidade de perder tempo com palavras.

Sunny ordenou que a sombra retornasse e recuou para a retaguarda do grupo. Uma vez lá, ele se concentrou nas sombras que os cercavam, tentando sentir se havia algo ali que não pudesse ser visto.

Mas não havia nada.

À frente dele, o resto do grupo se preparava silenciosamente para o pior. Sem querer deixar o perseguidor desconhecido saber que estavam prontos para agir, ninguém invocou suas armas ainda. Ninguém sequer virou a cabeça. No entanto, Sunny podia ver pela tensão em seus músculos que essa paz poderia explodir em uma tempestade de movimentos a qualquer momento.

A Estrela da Mudança e seu grupo de caça não ganharam sua temida reputação por acaso.

Finalmente, a sombra estava de volta. Sem deixá-la descansar nem por um segundo, Sunny imediatamente a enviou para observar as ruas que acabaram de deixar. Sua percepção estava dividida entre a visão dela e a sua própria.

A sensação de vulnerabilidade que ele experimentou quando a sombra estava longe aumentou. Sunny suspirou com uma resignação sombria. O fato de ele estar no final do grupo e, como tal, seria atacado primeiro se algo acontecesse não ajudava em nada.

‘Acalme-se. Você nem sabe o que está rastreando o grupo.’

Alguns momentos depois, a sombra estava seguramente escondida na escuridão de um prédio em ruínas, observando o cruzamento que alguém teria que passar para segui-los. Sunny continuou andando, fingindo não saber de nada.

Alguns segundos se passaram em silêncio tenso, depois mais alguns.

‘Onde você está? O que você é?’

Dependendo da natureza do misterioso perseguidor, a resposta deles seria diferente. Se fosse uma Criatura do Pesadelo, eles teriam que lutar contra ela ou tentar despistar seu rastro. No entanto, se a criatura se revelasse uma das verdadeiramente horripilantes existências que rondavam as antigas ruínas… então as coisas ficariam realmente complicadas.

Havia também outra possibilidade. E essa era de que eles não estavam sendo perseguidos por um monstro, mas por seres humanos. Uma equipe de Caçadores poderia ter sido enviada por Gunlaug para emboscar a Estrela da Mudança e seu grupo.

Se esse fosse o caso… honestamente, Sunny não sabia o que aconteceria. No entanto, ele tinha certeza de sua capacidade de resistir a um ataque do Exército, mesmo que o inimigo tivesse vantagem numérica.

Os outros pareciam compartilhar o mesmo pensamento.

Depois de alguns minutos, a sombra finalmente notou movimento. Alguém caminhava lentamente no meio da rua, sem nem mesmo tentar esconder sua presença. A princípio, Sunny pensou que fosse um dos espectros que povoavam a Cidade Sombria. A figura, embora humana em aparência, era estranhamente torta, com um manto escuro e sem adornos escondendo seus membros e características. Mas então…

Sunny repentinamente sentiu um frio medo agarrar seu coração.

Ele reconheceu aqueles olhos vidrados e sem vida. O horrendo rosto pálido que aterrorizou tantas pessoas.

…Harus. Era Harus. O açougueiro assassino que despedaçou Jubei com suas próprias mãos, o cruel carrasco e lâmina oculta de Gunlaug.

Andando pelas ruínas amaldiçoadas com a mesma expressão entediada que tinha no grande salão do Castelo Luminoso no dia da execução de Jubei, Harus estava seguindo seus passos.

Gunlaug não enviou dezenas de Caçadores para emboscar a Estrela da Mudança. Em vez disso, ele enviou apenas um homem.

Sunny estremeceu.

‘Droga. Por que… por que tenho tanto medo desse cara?’

Mas ele sabia por quê. Era porque, no fundo, ele sentia que eles eram parecidos. Harus era a personificação de tudo que Sunny temia se tornar.

Tentando se livrar de seu medo, Sunny caminhou à frente e lançou um olhar para Nephis. Então, ele disse com uma voz rouca:

“É aquele… aquele maldito corcunda. Ele está nos seguindo.”

Uma súbita tensão permeou o ar. Sem precisar olhar, Sunny sabia que o rosto de todos ficou sombrio.

Harus era um mistério. Ninguém sabia qual era sua Habilidade de Aspecto, muito menos seu Defeito. Tudo que se sabia sobre esse homem aterrorizante era que ele era muito poderoso e que nenhuma de suas vítimas havia sobrevivido.

Neph franziu a testa.

“Ele está sozinho?”

Sunny assentiu.

“Sim.”

À sua direita, Caster zombou baixinho.

“O que Gunlaug está pensando, enviando um homem contra nós seis?”

No entanto, Neph não compartilhava seu desprezo. Virando-se para a esquerda, ela lançou um olhar para Effie. Havia uma expressão sombria no rosto dela.

“O que você acha?”

A caçadora hesitou por alguns momentos. Então, olhando para baixo de sua considerável altura, ela simplesmente disse:

“Acho que precisamos correr.”

Caster franziu a testa.

“Correr? Por quê? Certamente, não importa o quão forte Harus seja, podemos derrubá-lo. Nenhum de nós é fraco, também. Mesmo que não possamos derrotá-lo um por um…”

Effie balançou a cabeça.

“Você não entende, não é? Não podemos lutar contra Harus. Ninguém pode. Muitas pessoas tentaram, e agora estão todas mortas.”

Ela cerrou os dentes.

“Ele é um monstro em carne humana, Caster. Ele é insanamente poderoso. Mas esse nem é o problema. O problema é que ninguém sabe seu Aspecto. Tudo o que sabemos é que, uma vez que Harus vem atrás de você, você morre.”

Ela suspirou.

“Vi muitas pessoas tentarem resistir assim que souberam que Gunlaug iria enviar Harus para se livrar delas. Pessoas fortes, pessoas fracas. Algumas tentaram lutar contra ele sozinhas, outras recrutaram aliados temíveis. Na manhã seguinte, todos estavam mortos. Não importava o quão poderosos fossem ou quantos se reunissem para enfrentá-lo, ninguém jamais sobreviveu. Tudo o que restava era sangue e cadáveres…”


Considere fazer uma Doação e contribua para que o site permaneça ativo, acesse a Página de Doação.

Comentários

4.8 13 votos
Avalie!
Se Inscrever
Notificar de
guest
6 Comentários
Mais recente
Mais Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
MolartD
Membro
Molart
19 dias atrás

Infelizmente não consigo imaginar um corcunda bonito :/

Likolt
Membro
Likolt
7 dias atrás
Resposta para  Molart

Eu imagino ele com a cara da bruxa de rapunzel

treshart
Membro
treshart
1 mês atrás

mesma vibe de quando o sunny tava sendo perseguido por aquele monstro da neve lá, foda

Nonno
Membro
Nonno
8 meses atrás

Obg pelo cap

Mon Was
Membro
Mon Was
9 meses atrás

o cara é foda patroa

ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏD
Membro
ᴍᴇᴜ ᴏᴠᴏ
6 meses atrás
Resposta para  Mon Was

Quem diria que o corcunda de Notre Dame seria temido pelas proezas em batalha ao invés de sua feiúra kkkkkkkk

Opções

Não funciona com o modo escuro
Resetar